Judith Sargent Murray

Judith Sargent Murray (1 de maio de 1751 – 9 de junho de 1820) foi uma ativista americana que era uma defensora dos direitos das mulheres, ensaísta, escritora e poeta. Ela foi uma das primeiras mulheres nos Estados Unidos a defender a ideia de igualdade entre os sexos — que mulheres, comparado a homens, tem a mesma capacidade intelectual e devem ter a capacidade de ter independência econômica. Entre vários trabalhos reconhecidos feitos por ela, seu ensaio mais famoso foi o "On the Equality of the Sexes" ("Sobre a Igualdade dos Sexos"), que abriu caminho para novos pensamentos e ideias posteriores de escritores e ativistas feministas.[1]

Judith Murray
Retrato de Judith por John Singleton Copley, da Terra Foundation for American Art.
Nome completo Judith Sargent Murray
Nascimento 1 de maio de 1751
Gloucester, Massachusetts
Morte 9 de junho de 1820 (69 anos)
Natchez, Mississippi
Nacionalidade Estados Unidos americana
Progenitores Mãe: Judith Saunders
Pai: Winthrop Sargent
Cônjuge John Stevens, John Murray
Ocupação Defensora dos direitos das mulheres, ensaísta, escritora e poeta

Referências

  1. «Biography: Judith Sargent Murray (1751-1820)». NWHM.org. Consultado em 10 de maio de 2017. Arquivado do original em 8 de novembro de 2016 

Ligações externasEditar