Juracy Pires Gomes

Juracy Pires Gomes
Nascimento 8 de julho de 1932 (87 anos)
Ituaçu
Bahia Bahia
 Brasil
Nacionalidade Brasileiro
Cônjuge Maria Sônia Guimarães Meira
Filho(s)
  • Priscila
  • Patrícia
  • Daniela
Ocupação Político
Médico

Juracy Pires Gomes (Ituaçu, 8 de julho de 1932) foi o segundo prefeito eleito por voto direto da cidade de Brumado, sendo também eleito por mais dois mandatos.[1][2]

BiografiaEditar

Juracy Pires Gomes nasceu em 8 de julho de 1932, na Fazenda Lucaia, município de Ituaçu; filho de Joaquim Gomes Pereira e Antônia Plínia Gomes. É formado em medicina pela Escola Baiana de Medicina e Saúde Pública da Bahia. Casou-se em 25 de janeiro de 1969 com Maria Sônia Guimarães Meira e com ela teve três filhas: Priscila, Patrícia e Daniela. [1]

Em 1952, mudou-se com a família para Brumado, em busca de melhores condições de vida, e em 1960 estabeleceu-se como médico, prestando serviço no Instituto Nacional do Seguro Social (INSS), Magnesita S.A., em um posto estadual de saúde e na unidade da 19º Dires. Fundou também uma clínica particular, em parceria com colegas.[1]

Carreira políticaEditar

As gestões de Juracy marcaram a história do desenvolvimento de Brumado, pois foram voltadas para necessidades essenciais: saúde, educação e infraestrutura. Em 1966, afiliado ao partido Aliança Renovadora Nacional (ARENA), por incentivo do amigo e padrinho político, prefeito anterior da cidade, Armindo Azevedo. Juracy foi escolhido por ter sido considerado o candidato ideal para concorrer com o adversário do Movimento Democrático Brasileiro (MDB), Manuel Fernandes, que teve sua candidatura impugnada, e Juracy venceu as eleições municipais de 1966, para o mandato de 1967 — 1970, adquirindo 80% dos votos. Foi também associado aos partidos ARENA1, Partido Democrático Social (PDS) e Partido da Frente Liberal (PFL) Democratas (Brasil) (DEM). Conseguiu se eleger por mais dois mandatos: 1973 — 1976; 1981 — 1984. [2][1][3][4]

Realizações

Armindo Azevedo, seu companheiro político, conseguiu um gerador de energia elétrica para a cidade, mas só funcionava até às 21h30min. A primeira ação de importância no primeiro mandato de Juracy foi a ampliação da rede de energia, com aquisição de mais quatro geradores e, posteriormente, implantou o sistema fornecido pela hidrelétrica de Paulo Afonso, implantou também o sistema de telefonia e a instalação das torres de televisão de diferentes emissoras, construiu o atual mercado municipal e a Biblioteca Municipal Jarbas Passarinho e viabilizou a construção do primeiro hospital da cidade, através da lei municipal 1325 de 22 de maio de 1967, que mais tarde, o governo estadual o denominou como Hospital Regional de Brumado. Construiu também a atual sede da Prefeitura Municipal e a Barragem do Rio do Antônio, além de trazer para Brumado órgãos estaduais importantes, como Centros Regionais Integrados (Cerin), Diretoria Regional de Saúde (Dires) e Circunscrição Regional de Trânsito (Ciretran). Criou também creches e postos de saúde.[5] A Revista Panorama da Bahia publicou uma edição frisando as realizações do então prefeito de Brumado em 1984, destacando o programa Divisão da Saúde, que visava ampliar a assistência à saúde para a população brumadense. [6][4]

Ver tambémEditar

Lista de prefeitos de Brumado

Referências

  1. a b c d Antônio Novais Torres. «Juracy Pires Gomes, 80 anos de uma História». Consultado em 18 de outubro de 2016 
  2. a b Destaque Bahia. «Evolução político-administrativo do município de Brumado». Consultado em 20 de outubro de 2016 
  3. Brumado Notícias. «Ex-prefeito Juracy Pires Gomes criou a Divisão da Saúde». Consultado em 18 de outubro de 2016 
  4. a b Ângela dos Santos Meira. «O cinema de Brumado enquanto espaço de lazer e socialização: o Cine Teatro Fátima» (PDF). Consultado em 18 de outubro de 2016. Arquivado do original (PDF) em 6 de março de 2016 
  5. Brumado Notícias. «Memória brumadense: Legado deixado pelo ex-prefeito Dr. Juracy Pires Gomes». Consultado em 18 de outubro de 2016 
  6. Brumado Notícias. «O último mandato do ex-prefeito Juracy Pires Gomes». Consultado em 18 de outubro de 2016