Abrir menu principal
La Extraña Dama
A Estranha Dama (BR)
Informação geral
Formato Telenovela
Duração 45 min. aproximadamente
País de origem  Argentina
Idioma original espanhol
Produção
Elenco Luiza Kuliok
Jorge Martinez
Andrea Barbieri
e grande elenco
Tema de abertura Argentina Esa Extraña Dama,Valeria Lych
Brasil A Estranha Dama, Cláudya
Transmissão original Argentina 09 de janeiro de 1989 - Brasil 11 de março de 1992Argentina 12 de fevereiro de 1990 - Brasil 31 de julho de 1992
N.º de episódios Argentina 120
Brasil 94

A Estranha Dama (La Extraña Dama) foi uma telenovela argentina, produzida por Omar Romay e exibida pelo Canal 9 em 1989.

É uma história original de Lucy Gallardo.

A trama foi protagonizada por Luisa Kuliok e Jorge Martínez e antagonizada por Maria Rosa Gallo.

No Brasil, foi exibida pelo SBT, entre 11 de março e 31 de julho de 1992.

Foi reprisada em menos de 1 mês após seu término, entre 24 de agosto de 1992 e 2 de janeiro de 1993, junto com Ambição, em 94 capítulos.

SinopseEditar

Começo do século XX. Gina é uma doce garota que vive no campo com seu irmão Domênico, um homem frívolo que sofre de alcoolismo. Um dia, enquanto colhe flores no campo, Gina conhece Marcelo Ricchiard, um rico homem, e sua vida muda completamente. O invejoso Domênico impede o namoro dos dois, então, Marcelo volta para a cidade e se casa com sua prometida Elsa, escolhida por seu pai.

Gina fica grávida, desamparada por todos, a moça adoece e é abrigada no Convento da Adoração. Em um parto complicado que quase a leva à morte, Gina pede à Deus que salve sua filha. Finalmente a menina nasce e é chamada de Fiamma, que significa fogo. Ainda debilitada, Gina pede para que as freiras do convento entreguem Fiamma a seu pai. Marcelo, já casado, leva a menina para ser criada por Gertrudes, sua babá da infância.

Marcelo também tem uma filha com sua esposa Elsa, que por ter uma saúde frágil falece muito cedo, então ele cria as duas filhas juntas, Fiamma e Virgínia. Enquanto isso, Gina, em agradecimento à Deus, se torna freira e é mandada para a Itália para estudar.

Passam-se então longos 17 anos, Gina agora tem uma nova identidade, ela é Irmã Piedade e é enviada de volta para o Convento da Adoração. Lá ela faz muita amigas, como Irmã Beatriz, que sempre a ajuda em suas dificuldades, mas por outro lado encontra uma terrível inimiga, Irmã Paulina, uma ambiciosa mulher, que vive entre a e o poder.

Voltar ao lugar que marcou seu passado faz reviver a Gina que vivia adormecida dentro de Irmã Piedade, que descobre uma passagem secreta no convento, por onde escapa à noite, tomando uma outra identidade: a de uma mulher luxuosa e cheia de mistérios, uma verdadeira estranha dama a Baronesa de Manfred. Nessa vida dupla, ela reencontra Marcelo que não a reconhece.

Fiamma foi criada com muito amor por seu pai, mas a moça tem uma grande decepção: sua irmã Virgínia é prometida a Aldo, o amor de sua vida. Contudo, Virgínia é apaixonada por Carlos, um homem muito mais velho que ela e amigo de seu pai. Então, Fiamma decide tornar-se freira e ingressa ao Convento da Adoração, onde conhece irmã Piedade.

Ao deixar sua filha no convento, Marcelo encontra irmã Piedade e então tem a certeza de que ela é Gina, a mãe de Fiamma. Gina ou Irmã Piedade? Ela não tem mais descanso, está dividida entre a fé e a carne, ela é uma estranha dama que está disposta a vencer.

ElencoEditar

  • Luiza Kuliok - Gina Falcone / Irmã Piedade / Baronesa de Manfredi
  • Jorge Martinez - Marcelo Ricchardi
  • Andrea Barbieri - Fiamma Ricciardi Parresi Falcone de Guillón
  • Margarita Ros - Virginia Ricciardi Parresi de Uboldi
  • Gustavo Garzon - Carlos Uboldi
  • Raúl Rizzo - Pedro Guillón
  • Ana Maria Campoy - Valéria Uboldi
  • Maria Rosa Gallo - Irmã Paulina
  • Gabriel Corrado - Aldo Guillón
  • Hilda Bernard - Irmã Sacramento
  • Aldo Barbero - Domênico Falcone
  • Hugo Castro - Luciano
  • Mónica Santibañez - Irmã Beatriz
  • Ivo Cutzarida - Alberto
  • Marta Albertini - Elza Parresi de Ricciardi
  • Lita Soriano - Gertrudes
  • Tony Vilas - Dom Nicoli
  • Alfredo Iglesias - Dom Estevão Linhares
  • Victor Hugo Rivas - Mário
  • Perla Santalla - Irmã Caridade
  • Marisel Antonione - Diana
  • Raúl Aubel - Monsenhor Tredini
  • Alejandra Darin - Susana Nicoli
  • Juan Carlos Galván - Dom Estier
  • Mabel Pessen - Irmã Catarina
  • Néstor Hugo Rivas - Roberto Parresi
  • Raúl Rossi - Monsenhor Capetto
  • Deborah Warren - Anette
  • Tincho Zabala - Tomás Parresi
  • Adriana Halock - Hilda
  • Berta Castelar - Irmã Celina
  • Ivonne Fournery - Irmã Angélica
  • Patricia Rozas - Irmã Irene
  • Viviana Sáez - Loretta
  • Andrea Tenuta - Vitória
  • Adolfo Yanelli - Miguel

CuriosidadesEditar

  • No Brasil, a abertura da novela foi completamente diferente da original, e o tema de abertura foi uma versão em português do original, cantado pela cantora Cláudya.
  • A Rede OM exibiu "O regresso da Estranha Dama", que era a segunda parte da trama. Esta continuação não teve o mesmo sucesso que a original.[1]

Novelas das nove do SBT

Simplemente María « anterior a estranha dama seguinte » A Fera
  1. Telenoveleiros!, Publicado por. «A estranha dama». Consultado em 1 de junho de 2019