Abrir menu principal

Leotíquides I foi, possivelmente, um rei euripôntida de Esparta.

Este rei é mencionado por Heródoto como um ancestral de Leotíquides II, pois este seria filho de Menares, filho de Hegesilaos, filho de Hipocrátides, filho de Leotíquides I.[1] Ainda segundo esta genealogia, Leotíquides I seria filho de Anaxilau, filho de Arquídamo I, filho de Anaxândrides I, filho de Teopompo.[1] De todos estes personagens, os únicos que não reinaram em Esparta foram Menares e Hegesilaos.[1]

Pausânias não menciona Leotíquides I na sua história dos reis euripôntidas de Esparta,[2] mas, ao tratar da Segunda Guerra Messênia, em que se baseou no poema épico de Rhianus de Bene,[3][4] menciona que Rhianos colocou Leotíquides I como rei de Esparta durante esta guerra, mas que este foi um erro do poeta.[5]

Ver tambémEditar

Referências