Leptoceratopsidae

Como ler uma infocaixa de taxonomiaLeptoceratopsidae
Ocorrência: Cretáceo Superior
Classificação científica
Reino: Animalia
Filo: Chordata
Clado: Dinosauria
Ordem: Ornithischia
Infraordem: Ceratopsia
Família: Leptoceratopsidae
Nopcsa, 1923
Gêneros
ver texto

A família Leptoceratopsidae é um grupo de vários gêneros neoceratopsídeos pequenos que parecem não pertencer ao clado Protoceratopsidae. Eles assemelham-se, e são relatados a outros ceratopsídeos, mas todas as espécies encontradas são geralmente menores e mais primitivas. Leptoceratopsídeos têm sido encontrados exclusivamente do final do Cretáceo da Ásia e oeste da América do Norte.

Os membros da Leptoceratopsidae são predominantemente norte-americanos na ocorrência, com a maioria dos gêneros descritos: Leptoceratops, Montanoceratops e Prenoceratops. Há evidências de uma distribuição mais larga, com o Udanoceratops na Mongólia. O fóssil descoberto na Austrália nomeado de Serendipaceratops, apesar de muito similar ao Leptoceratops, não pertence a esta família, sendo alocado na Neoceratopsia ou então na Ceratopsia, como incertae sedis.

A família, implicitamente nomeada de acordo com a subfamília Leptoceratopsinae de Nopsca (1923), foi explicitamente definida por Mackovicky em 2001, quando definiu o clado Leptoceratopsidae como o grupo representado por Leptoceratops gracilis e todos as espécies mais aparentadas ao Leptoceratops do que com o Triceratops horridus [1].

GênerosEditar

Referências

  1. SERENO, P. (2005). Leptoceratopsidae. TaxonSearch Database for Suprageneric Taxa & Phylogenetic Definitions. Acessado em 12 de janeiro de 2009.
  Este artigo sobre dinossauros é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.