Márcia Otacília Severa

Márcia Otacília Severa ou apenas Otacília Severa foi uma imperatriz-consorte romana, esposa do imperador Filipe, o Árabe. Ela era da família Otacilia, de nível senatorial. Seu pai era Otacílio Severo (ou Severiano), que serviu como governador da província romana da Macedônia e da Mésia. Já sua mãe era da família Márcio ou parente dela. Ela tinha também um irmão chamado Severiano, que serviu como governador da Baixa Mésia entre 246 e 247.

Otacília Severa
Imperatriz-consorte romana
Otacilia Severa Musei Capitolini MC2765.jpg
Busto de Otacília Severa presente nos Museus Capitolinos, em Roma.
Reinado fevereiro de 244 - outubro de 249
Consorte Filipe, o Árabe
Antecessor(a) Tranquilina
Sucessor(a) Herênia Etruscila
Nome completo Marcia Otacilia Severa
Floruit 234-249
Filho(s) Filipe II de Roma
Júlia Severa
Quinto Filipe Severo
Pai Otacílio Severo

HistóriaEditar

Pouco se sabe sobre Otacília antes de seu casamento com Filipe, que servia na guarda pretoriana do imperador Alexandre Severo, em 234. O casal teve três filhos[carece de fontes?]:

  • Marcos Júlio Filipe Severo, conhecido como Filipe II de Roma (n. 238);
  • Júlia Severa (ou Severina), conhecida através de evidências numismáticas, mas que não aparece nas fontes romanas antigas;
  • Quinto Filipe Severo (n. 247);
 
A imperatriz retratada em uma moeda, localizada no Palazzo Massimo alle Terme, no Museu Nacional Romano.

Em fevereiro de 244, Gordiano III foi assassinado na Mesopotâmia e há uma possibilidade de Severa estar envolvida na conspiração. Filipe se tornou o novo imperador e iniciou seu reinado dando ao seu predecessor um funeral digno, enviando suas cinzas para Roma para serem devidamente sepultadas.

Filipe deu a Severa o título de augusta e o filho dos dois era o herdeiro do trono. É comum que o casal seja considerado como o primeiro casal imperial cristão, pois, durante o reinado deles, as perseguições cessaram e eles demonstraram uma tolerância muito maior que os outros imperadores da época. Otacília, por exemplo, teria tentado intervir para salvar o bispo e santo Bábilas de Antioquia.

Em agosto de 249, Filipe morreu em combate em Verona e Décio o sucedeu como imperador. Severa estava em Roma e, quando chegaram as notícias da morte de Filipe, Filipe II foi assassinado pela guarda pretoriana em seus braços. Severa deixou a vida pública depois disso.

Ver tambémEditar

Títulos reais
Precedido por:
Tranquilina
Imperatriz-consorte romana
fevereiro de 244 - outubro de 249
Sucedido por:
Herênia Etruscila

BibliografiaEditar

  • Minaud, Gérard (2012). «10». Les vies de 12 femmes d’empereur romain - Devoirs, Intrigues & Voluptés. La vie de Marcia Otacilia Sévéra, femme de Philippe l’Arabe (em francês). Paris: L’Harmattan. p. 243-262 

Ligações externasEditar

 
O Commons possui uma categoria com imagens e outros ficheiros sobre Márcia Otacília Severa