Abrir menu principal

Madame X (1929)

filme de 1929 dirigido por Lionel Barrymore
(Redirecionado de Madame X (filme de 1929))
Question book-4.svg
Esta página cita fontes confiáveis e independentes, mas que não cobrem todo o conteúdo (desde fevereiro de 2014). Ajude a inserir referências. Conteúdo não verificável poderá ser removido.—Encontre fontes: Google (notícias, livros e acadêmico)
Madame X
Madame X[1] (BRA)
 Estados Unidos
1929 •  pb •  95 min 
Direção Lionel Barrymore
Roteiro Willard Mack
Elenco Ruth Chatterton
Lewis Stone
Raymond Hackett
Gênero drama
Música William Axt
Sam Wineland
Direção de fotografia Arthur Reed
Direção de arte Cedric Gibbons
Figurino David Cox
Edição William S. Gray
Companhia(s) produtora(s) MGM
Distribuição MGM
Lançamento Estados Unidos 17 de agosto de 1929
Idioma inglês
Página no IMDb (em inglês)

Madame X (bra: Madame X ) é um filme norte-americano de 1929, do gênero drama, dirigido por Lionel Barrymore e estrelado por Ruth Chatterton e Lewis Stone.

ProduçãoEditar

 
Alexandre Bisson foi um bem-sucedido dramaturgo francês, ativo entre o final do século XIX e o início do século XX. Sua obra mais famosa foi Madame X, encenada pela primeira vez em 1910.

Madame X foi o primeiro longa metragem dirigido por Lionel Barrymore, ícone do cinema e teatro norte-americanos. O filme, um dos primeiros sonoros, foi um grande sucesso de bilheteria,[2][3] mesmo porque o público da época prestigiava qualquer produção, desde que pudesse ouvir a voz dos atores.[3]

Ruth Chatterton, estrela da Paramount Pictures emprestada à MGM, foi a terceira atriz a interpretar a sofredora personagem do título, precedida por Dorothy Donnelly e Pauline Frederick.

O filme é baseado na peça de Alexandre Bisson, datada de 1908. Clássico dramalhão lacrimoso, a obra foi adaptada várias vezes novamente, com Gladys George e Lana Turner, entre outras, como protagonistas. Entretanto, para John Douglas Eames, autor de The MGM Story, Ruth Chatterton é a que melhor defendeu o papel.[2]

Madame X deu a Lionel Barrymore sua única indicação ao Oscar de Melhor Diretor e a Ruth Chatterton sua primeira -- de duas -- indicações ao Oscar de Melhor Atriz.

SinopseEditar

Jacqueline é casada com o aristocrático Floriot, que vive a maltratá-la. Após dar à luz, Floriot coloca-a para fora de casa porque não acredita ser o pai da criança. Raymond cresce e torna-se advogado de renome, convicto de que sua mãe está morta. Um dia, ele tem de defender uma mulher misteriosa, acusada de assassinato, que se apresenta simplesmente como "Madame X"...

PremiaçõesEditar

Patrocinador Prêmio Categoria Situação
Academia de Artes e Ciências Cinematográficas Oscar Melhor Diretor
Melhor Atriz (Ruth Chatterton)
Indicado
Indicado
Film Daily Dez Melhores Filmes de 1929 Vencedor

ElencoEditar

Ator/Atriz Personagem
Ruth Chatterton Jacqueline
Lewis Stone Floriot
Raymond Hackett Raymond
Holmes Herbert Noel
Eugenie Besserer Rose
John P. Edington Doutor
Mitchell Lewis Coronel Hanby
Ullrich Haupt Laroque
Sidney Toler Merivel
Richard Carle Perissard
Carroll Nye Darrell
Claude King Valmorin
Chappell Dossett Juiz
  A Wikipédia tem os portais:

Referências

  1. Madame X no CinePlayers (Brasil)
  2. a b EAMES, John Douglas, The MGM Story, Londres: Octopus Books, 1982 (em inglês)
  3. a b WOLLSTEIN, Hans J. «Madame X (1929)». AllMovie. Consultado em 25 de fevereiro de 2014 
  Este artigo sobre um filme estadunidense é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.