Abrir menu principal

Madraça ibne Iúçufe

madraça merínida em Marraquexe, Marrocos
Madraça ibne Iúçufe
Madrasat ibn Yusef
Médersa Ben Youssef
Pátio central da madraça
Estilo dominante Arquitetura merínida
Proprietário inicial Abu Haçane Ali
Proprietário atual Marrocos
Função atual escola islâmica
Geografia
País Marrocos
Cidade Marraquexe
Coordenadas 31° 37' 55" N 7° 59' 10" O

A Madraça ibne Iúçufe[1] (em árabe: مدرسة ابن يوسف; transl.: Madrasat ibn Yusef; em francês: Médersa Ben Youssef) é uma madraça anexa à Mesquita ibne Iúçufe, em Marraquexe, Marrocos. Está na parte norte da almedina e foi por séculos um colégio islâmico que deve o seu nome ao emir almorávida Ali ibne Iúçufe (r. 1106–1142), que expandiu a cidade e sua influência consideravelmente. É a maior madraça de Marrocos e foi um dos colégios teológicos mais importantes do Norte de África, que chegou a ter 900 alunos. Foi fundada durante o período merínida, no século XIV, pelo sultão Abu Haçane Ali (r. 1331–1348).[2]

Referências

  1. Alves 2014, p. 571.
  2. Lehmann 2009, p. 299.


BibliografiaEditar

  • Alves, Adalberto (2014). «Iúçufe». Dicionário de Arabismos da Língua Portuguesa. Lisboa: Leya. ISBN 9722721798 
  • Lehmann, Ingeborg; Henss, Rita; Szerelmy, Beate; Nosbers, Hedwig; Zakrzewski, Reinhard (2009). Baedeker Guides. Morocco (em inglês). Chineham, Cockford Lane: Marco Polo Travel Publishing. ISBN 9783829766234 
 
O Commons possui uma categoria contendo imagens e outros ficheiros sobre a Madraça ibne Iúçufe
  O Madraça ibne Iúçufe está incluído no sítio "Almedina de Marraquexe", Património Mundial da UNESCO.  
  Este artigo sobre Monumento é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.