Major League Soccer de 2015

Major League Soccer 2015
MLS 2015
Novo logo da MLS, utilizado pela primeira vez para a temporada de 2015.
Dados
Participantes 20
Anfitrião  Estados Unidos
 Canadá
Período 6 de março – 6 de dezembro
Gol(o)s 978
Partidas 356
Média 2,75 gol(o)s por partida
Campeão Portland Timbers
Vice-campeão Columbus Crew SC
Melhor marcador 22 gols:
Itália Sebastian Giovinco (Toronto FC)
Serra Leoa Kei Kamara (Columbus Crew)
Maior goleada
(diferença)
Sporting Kansas City Kansas 5–0 Califórnia SJ. Earthquakes
Sporting ParkKansas City
19 de agosto, 27ª semana
Público 7 699 683
Média 21 628,3 pessoas por partida
◄◄ Estados Unidos 2014 Soccerball.svg 2016 Estados Unidos ►►

A Major League Soccer de 2015 foi a 103ª temporada de futebol sancionada pela FIFA nos Estados Unidos e no Canadá, a 37ª como primeira divisão nacional na América do Norte e a 20ª temporada da MLS. Nesta temporada duas equipes fizeram suas estreias, o Orlando City SC e o New York City FC.

Mudanças estruturais de 2014 para 2015Editar

Franquias e realinhamentoEditar

Para a temporada de 2015 a MLS contará com a adição de duas franquias, New York City FC e Orlando City SC. O New York City FC será a segunda equipe da MLS na área metropolitana de Nova Iorque, bem como o primeiro com base na cidade de Nova Iorque. A equipe jogará sua temporada inaugural no Yankee Stadium). Orlando será um novo mercado para a MLS, que retorna à Flórida pela primeira vez desde que Miami e Tampa Bay encerraram suas atividades.

Enquanto a MLS adiciounou duas equipes, o campeonato também excluiu uma franquia, o Chivas USA , que jogava na região metropolitana de Los Angeles e dividia o estádio StubHub Center com o Los Angeles Galaxy. As cabras (apelido do Chivas) eram propriedade do clube mexicano Chivas Guadalajara, que vendeu o clube de volta à MLS em 2014. A MLS ainda planeja adicionar um segundo clube à área de Los Angeles em 2017.

Com a adição e subtração das equipas acima mencionadas, a temporada de 2015 vai ver um realinhamento das conferências leste e oeste da MLS, que terão cada uma 10 equipes: New York City FC e Orlando City SC irão se juntar ao Leste, enquanto Houston Dynamo e Sporting Kansas City irão se mover da conferência leste para a oeste.[1]

TelevisãoEditar

A temporada de 2015 teve o lançamento de um novo contrato de direitos de televisão e da mídia dos Estados Unidos em Inglês com a ESPN e a Fox Sports e em língua espanhola com a Univision Deportes. O negócio dá continuidade ao relacionamento da MLS com a ESPN e a Univision, ao mesmo tempo que restabelece um com Fox Sports, que realizava a transmissão pelo canal até 2011. O negócio, formalmente anunciado em maio de 2014, vai ver as transmissões regulares semanais jogo em ESPN2 (domingo à tarde) e Fox Sports 1 (domingo à noite), assim como uma partida normal na sexta-feira, no período noturno, em UNIMAS e / ou Univision Deportes Rede. As redes vão compartilhar cobertura dos Playoffs da MLS Cup, enquanto ESPN e Fox irão alternar as coberturas em língua inglesa do MLS All-Star Game e da MLS Cup a cada ano. Como parte do acordo, as redes também irão compartilhar a cobertura da equipe nacional americana de futebol dos homens e das mulheres. [2]

EstádiosEditar

Estádios e localizaçõesEditar

Chicago Fire Colorado Rapids Columbus Crew D.C. United FC Dallas Houston Dynamo
Toyota Park Dick's Sporting Goods Park Crew Stadium RFK Memorial Stadium Toyota Stadium BBVA Compass Stadium
Capacidade: 20 000 Capacidade: 18 086 Capacidade: 20 145 Capacidade: 19 467 Capacidade: 21 193 Capacidade: 22 000
           
Los Angeles Galaxy
Montreal Impact
StubHub Center Saputo Stadium
Capacidade: 27 000 Capacidade: 20 801
   
New England Revolution New York City FC
Gillette Stadium Yankee Stadium
Capacidade: 22 385 Capacidade: 49 642
   
New York Red Bulls Orlando City SC
Red Bull Arena Citrus Bowl
Capacidade: 25 189 Capacidade: 65 194
   
Philadelphia Union Portland Timbers
PPL Park Providence Park
Capacidade: 18 500 Capacidade: 20 438
   
Real Salt Lake San José Earthquakes Seattle Sounders FC Sporting Kansas City Toronto FC Vancouver Whitecaps
Rio Tinto Stadium Avaya Stadium CenturyLink Field Sporting Park BMO Field BC Place
Capacidade: 20 213 Capacidade: 18 000 Capacidade: 67 000 Capacidade: 18 467 Capacidade: 30 000 Capacidade: 54 320
           

ClassificaçãoEditar

  • Atualizado com as partidas disputadas até 27 de outubro de 2015[3][4]

Conferência LesteEditar

Pos Equipes Pts J V E D GM GS SG PJ % Classificação
1 New York Red Bulls 60 34 18 6 10 62 43 +19 1,76 58,8 Classificados às quartas de final dos Play-offs
2 Columbus Crew 53 34 15 8 11 58 53 +5 1,56 52,0
3 Montreal Impact 51 34 15 6 13 48 44 +4 1,50 50,0 Classificados às oitavas de final dos Play-offs
4 D.C. United 51 34 15 6 13 43 45 –2 1,50 50,0
5 New England Revolution 50 34 14 8 12 48 47 +1 1,47 49,0
6 Toronto FC 49 34 15 4 15 58 58 0 1,44 48,0
7 Orlando City SC 44 34 12 8 14 46 56 –10 1,29 43,1
8 New York City FC 37 34 10 7 17 49 58 –9 1,09 36,3
9 Philadelphia Union 37 34 10 7 17 42 55 –13 1,09 36,3
10 Chicago Fire 30 34 8 6 20 43 58 –15 0,88 29,4

Conferência OesteEditar

Pos Equipes Pts J V E D GM GS SG PJ % Classificação
1 FC Dallas 60 34 18 6 10 52 39 +13 1,76 58,8 Classificados às quartas de final dos Play-offs
2 Vancouver Whitecaps 53 34 16 5 13 45 36 +9 1,56 52,0
3 Portland Timbers 53 34 15 8 11 41 39 +2 1,56 52,0 Classificados às oitavas de final dos Play-offs
4 Seattle Sounders FC 51 34 15 6 13 44 36 +8 1,50 50,0
5 Los Angeles Galaxy 51 34 14 9 11 56 46 +10 1,50 50,0
6 Sporting Kansas City 51 34 14 9 11 48 45 +3 1,50 50,0
7 San José Earthquakes 47 34 13 8 13 41 39 +2 1,38 46,1
8 Houston Dynamo 42 34 11 9 14 42 49 –7 1,24 41,2
9 Real Salt Lake 41 34 11 8 15 38 48 –10 1,21 40,2
10 Colorado Rapids 37 34 9 10 15 33 43 –10 1,09 36,3

Temporada regularEditar

Pos Equipes Pts J V E D GM GS SG PJ % Classificação
1 New York Red Bulls 60 34 18 6 10 62 43 +19 1,76 58,8 Campeão da Supporters' Shield e classificado à Liga dos Campeões da CONCACAF de 2016–17
2 FC Dallas 60 34 18 6 10 52 39 +13 1,76 58,8
3 Vancouver Whitecaps 53 34 16 5 13 45 36 +9 1,56 52,0
4 Columbus Crew 53 34 15 8 11 58 53 +5 1,56 52,0
5 Portland Timbers 53 34 15 8 11 41 39 +2 1,56 52,0
6 Seattle Sounders FC 51 34 15 6 13 44 36 +8 1,50 50,0
7 Montreal Impact 51 34 15 6 13 48 44 +4 1,50 50,0
8 D.C. United 51 34 15 6 13 43 45 –2 1,50 50,0
9 Los Angeles Galaxy 51 34 14 9 11 56 46 +10 1,50 50,0
10 Sporting Kansas City 51 34 14 9 11 48 45 +3 1,50 50,0
11 New England Revolution 50 34 14 8 12 48 47 +1 1,47 49,0
12 Toronto FC 49 34 15 4 15 58 58 0 1,44 48,0
13 San José Earthquakes 47 34 13 8 13 41 39 +2 1,38 46,1
14 Orlando City SC 44 34 12 8 14 46 56 –10 1,29 43,1
15 Houston Dynamo 42 34 11 9 14 42 49 –7 1,24 41,2
16 Real Salt Lake 41 34 11 8 15 38 48 –10 1,21 40,2
17 New York City FC 37 34 10 7 17 49 58 –9 1,09 36,3
18 Philadelphia Union 37 34 10 7 17 42 55 –13 1,09 36,3
19 Colorado Rapids 37 34 9 10 15 33 43 –10 1,09 36,3
20 Chicago Fire 30 34 8 6 20 43 58 –15 0,88 29,4

Fase finalEditar

Em itálico, o time que possui o mando de campo no primeiro jogo do confronto e em negrito o time classificado.

Play-offsEditar

Equipe 1   Resultado   Equipe 2
Conferência Leste
D.C. United   2–1   New England Revolution
Montreal Impact   3–0   Toronto FC
Conferência Oeste
Seattle Sounders FC   3–2   Los Angeles Galaxy
Portland Timbers   (7-6 p) 2–2   Sporting Kansas City

Semifinais da ConferênciaEditar

Equipe 1   Total   Equipe 2   1º jogo   2º jogo
Conferência Leste
New York Red Bulls   2–0   D.C. United 1–0 1–0
Columbus Crew   4–3   Montreal Impact 1–2 (3–1 pro)
Conferência Oeste
FC Dallas   (4-2 p) 3–3   Seattle Sounders FC 1–2 (2–1 pro)
Vancouver Whitecaps   0–2   Portland Timbers 0–0 0–2

Finais da ConferênciaEditar

Equipe 1   Total   Equipe 2   1º jogo   2º jogo
Conferência Leste
New York Red Bulls   1–2   Columbus Crew 0–2 1–0
Conferência Oeste
FC Dallas   3–5   Portland Timbers 1–3 2–2

MLS Cup 2015Editar

 Ver artigo principal: MLS Cup de 2015
6 de dezembro Columbus Crew   1 – 2   Portland Timbers Mapfre Stadium, Columbus
16:00 (UTC−5)
Kamara   18' Relatório Valeri   1'
Rodney Wallace   7'
Público: 21747
Árbitro: Jair Marrufo

PremiaçãoEditar

MLS Cup de 2015
 
Portland Timbers
(1º título)

PúblicoEditar

Maiores públicosEditar

  • Atualizado com valores de jogos até 28 de outubro de 2015.[5]

Estes são os dez maiores públicos da MLS em 2015:

Público Mandante Placar Visitante Estádio Data Semana
1 64 358 Seattle Sounders FC   2–1   Portland Timbers CenturyLink Field 30 de agosto 29
2 62 510 Orlando City SC   1–1   New York City FC Citrus Bowl 8 de março 1
3 56 097 Seattle Sounders FC   1–1   Los Angeles Galaxy CenturyLink Field 04 de outubro 33
4 55 435 Seattle Sounders FC   3–1   Real Salt Lake CenturyLink Field 25 de outubro 36
5 53 125 Seattle Sounders FC   0–3   Vancouver Whitecaps CenturyLink Field 1 de agosto 24
6 50 422 San José Earthquakes   3–1   Los Angeles Galaxy Stanford Stadium 27 de junho 19
7 48 047 New York City FC   1–3   New York Red Bulls Yankee Stadium 28 de junho 19
8 43 507 New York City FC   2–0   New England Revolution Yankee Stadium 15 de março 2
9 43 179 Orlando City SC   2–1   New York City FC Citrus Bowl 16 de outubro 35
10 42 987 New England Revolution   0–1   Montreal Impact Gillette Stadium 17 de outubro 35

Média de público por equipeEditar

Equipe J Total Maior Menor Média
Seattle Sounders 19 831 328 64 358 39 175 43 754
Orlando City 17 558 407 62 510 23 372 32 847
New York City FC 17 493 358 48 047 20 461 29 021
LA Galaxy 17 397 668 27 000 13 391 23 392
Toronto FC 17 396 668 30 266 16 382 23 333
Portland Timbers 19 401 706 21 144 21 144 21 142
San Jose Earthquakes 17 356 646 50 422 18 000 20 979
Houston Dynamo 17 351 187 22 651 16 018 20 658
Vancouver Whitecaps 17 348 624 22 500 18 083 20 507
Real Salt Lake 17 342 718 20 956 18 895 20 160
Sporting Kansas City 17 334 684 21 505 18 864 19 687
New York Red Bulls 17 334 172 25 219 12 540 19 657
New England Revolution 17 333 652 28 811 10 668 19 627
Montreal Impact 19 337 466 25 245 10 035 17 761
Philadelphia Union 17 296 674 18 883 15 374 17 451
Columbus Crew 17 288 747 21 341 10 302 16 985
D.C. United 19 307 231 20 043 11 218 16 170
FC Dallas 17 272 221 21 907 12 640 16 013
Chicago Fire 17 272 043 20 124 11 196 16 003
Colorado Rapids 17 266 168 18 597 10 439 15 657
MLS 268 7 521 368 64 358 10 035 21 613

Fonte: MLS Soccer

EstatísticasEditar

Atualizado em 14 de dezembro de 2015[6]

TransmissãoEditar

BrasilEditar

A ESPN Brasil adquiriu os direitos de transmissão de algumas partidas da competição. Dessa maneira, a ESPN ficará responsável por transmitir um total de 33 partidas da liga de futebol da América do Norte nessa temporada.

Além dos canais ESPN, a Globosat também anunciou parceria com a MLS para a transmissão de jogos. Como parte desse acordo de quatro anos, a provedora de televisão via cabo e satélite vai transmitir pelo menos dois jogos da MLS por semana, o Jogo das Estrelas da MLS AT&T, ao menos uma partida do Dia Decisivo (Decision Day), metade dos jogos dos Playoffs e a grande final, batizada de Copa MLS, distribuídos, em anos alternados, pelos canais SporTV, SporTV2 e SporTV3. Além disso, a Globosat promoverá jogos, reportagens e conteúdo específico em suas plataformas digitais. Essa parceria inovadora amplifica a exposição da MLS no país mais populoso da América Latina em conjunto com o atual acordo com a ESPN Brasil, detentora de direitos incorporada ao acordo local com a ESPN americana.

Referências

  1. "MLS announces new strategy for Los Angeles market, 2015 conference realignment," from MLSSoccer.com, 10/27/2014
  2. "MLS, U.S. Soccer sign landmark TV and media rights partnerships with ESPN, FOX & Univision Deportes," from MLSSoccer.com, 5/12/2014
  3. «Classificação da MLS 2015». Sr. Goool. Consultado em 27 de outubro de 2015 
  4. «Estatísticas da MLS 2015» (em inglês). mlssoccer.com. Consultado em 27 de outubro de 2015 
  5. «Estatísticas da MLS 2015». Sr. Goool. Consultado em 28 de outubro de 2015 
  6. «Artilharia e Assistências da MLS 2015». br.soccerway. Consultado em 14 de dezembro de 2015 

Ligações externasEditar