Margarida Gonzaga

Disambig grey.svg Nota: Para outras personagens com o mesmo nome, veja Margarida Gonzaga (desambiguação).

Margarida Gonzaga (em italiano: Margherita Gonzaga; Mântua, 1418 - Governolo, 7 de julho de 1439) foi uma nobre italiana pertencente à Casa de Gonzaga, princesa de Mântua por nascimento e Marquesa Consorte de Ferrara, Módena e Reggio por casamento.

Margarida Gonzaga
Pisanello, Presumível retrato de Margarida Gonzaga, de Lúcia d'Este ou de Ginevra d'Este[1], 1435-1445
Marquesa Consorte de Ferrara, Módena e Reggio
Reinado 1435-1439
Antecessor(a) Ricarda de Saluzzo
Sucessor(a) Maria de Aragão
 
marido Leonel d'Este
Descendência Nicolau d'Este
Casa Gonzaga (por nascimento)
Este (por casamento)
Nascimento 1418
  Mântua
Morte 7 de julho de 1439 (21 anos)
  Governolo
Sepultado em Igreja de Santa Ursula, Mântua
Pai João Francisco Gonzaga
Mãe Paula Malatesta
Gravura com a esfinge de Margarida Gonzaga

BiografiaEditar

Margarida era filha de João Francisco Gonzaga, Marquês de Mântua e de sua mulher, Paola Malatesta, tendo sido baptizada em honra de sua avó paterna, Margarida Malatesta.

Educada na Ca'Zoiosa[2] por Vittorino da Feltre, tornando-se uma mulher culta e amante das artes[3]. Em 1435 casou com Leonel d'Este, Marquês de Ferrara, Módena e Reggio.

Já em 1429, Nicolau III d'Este, desejoso de aprofundar os laços com os Gonzaga, iniciou as negociações com João Francisco, que previa o casamento com Leonel, desde que este viesse a ser reconhecido futuro marquês de Ferrara, apesar de ser filho ilegítimo[4].

De saúde já frágil, Margarida foi afetada posteriormente por causa do parto e morre um ano depois. Viria a ser sepultada na Igreja de Santa Ursula, em Mântua.[5] Afetado pela perda da mulher, Leonel adiciona à sua insígnia heráldica lanças e ramos quebrados[3] e, em 1444, voltaria a casar com Maria de Aragão, filha de Afonso V, Rei de Nápoles[6].

DescendênciaEditar

Leonel e Margarida tiveram apenas um filho:

Ver tambémEditar

ReferênciasEditar

BibliografiaEditar

  • Litta, Pompeo - Famiglie celebri d'Italia. Gonzaga di Mantova, 1835, Turim