Abrir menu principal
Question book-4.svg
Esta página cita fontes confiáveis e independentes, mas que não cobrem todo o conteúdo (desde novembro de 2014). Ajude a inserir referências. Conteúdo não verificável poderá ser removido.—Encontre fontes: Google (notícias, livros e acadêmico)

Mateus (? - Lisboa, 19 de setembro de 1282) foi um bispo de Lisboa.

Foi mestre da Escola-Catedral de Lisboa, muito reputado pela sua cultura, tendo sido por isso homem de grande confiança do rei Afonso III, que o enviou em missões junto da Cúria romana, onde ganhou também o afecto dos papas Alexandre IV e Urbano IV, tendo aí sido formalmente sagrado bispo.

Em 1264, introduziu na diocese a festa do Corpo de Cristo, cerimónia que havia sido instituída pelo seu amigo, o pontífice Urbano IV, nesse mesmo ano.

Preocupado com os costumes da sua igreja, tratou de os reformar, convocando por três sínodos diocesanos, tendo do último (1271) saído novas constituições, destinadas a evitar certos abusos que se verificavam na diocese.

No ano seguinte, foi de novo a Roma como embaixador, para tratar dos negócios do rei junto da Santa Sé.

Em 2 de Abril 1276, fundou a paróquia de São João Baptista do Lumiar, no Termo de Lisboa.[1]

Faleceu em 19 de Setembro de 1282, tendo sido sepultado na Sé de Lisboa, na capela de São Nicolau.

Referências

  1. Igreja de Paroquial do Lumiar na base de dados SIPA
Precedido por
Airas Vasques
 
Bispo de Lisboa

1259 - 1282
Sucedido por
Estêvão Anes de Vasconcelos


  Este artigo sobre História de Portugal é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.