ModaLisboa

associação portuguesa para a promoção e o desenvolvimento da Indústria de Moda em Portugal e do capital criativo nacional.
ModaLisboa
História
Fundação
Quadro profissional
Tipo
Sede social
País
Organização
Website

A ModaLisboa é o maior evento de moda de Lisboa, em Portugal, fundado por Eduarda Abbondanza e Mário Matos Ribeiro em 1991.[1][2][3]

ModaLisboa - Lisboa Fashion Week 2017

HistóriaEditar

Embora haja registo de uma edição zero, em 1990, integrada nas Festas da Cidade, a primeira edição da ModaLisboa teve lugar oficialmente em Março de 1991, no Teatro São Luiz,[4] constituindo-se como a primeira fashion week portuguesa,[5] e a primeira semana de moda independente além das que se realizam nas grandes capitais da moda, Paris, Nova Iorque, Londres e Milão.[6]

Em 1993, na sequência de uma polémica relacionada com o convite e desconvite a John Galliano para vir a Portugal,[6] o evento foi suspenso por dois anos, retomando em 1996.[1][5]

O evento tem tido lugar em diversos espaços de Lisboa, como o Museu de Marinha, a Gare Marítima de Alcântara, o Museu da Electricidade, o Centro Cultural de Belém, o Museu da História Natural, o Pátio da Galé, o Armazém Terlis e o Mercado da Ribeira, chegando também a realizar-se na Cidadela de Cascais e no Casino Estoril, entre 2007 e 2009, ao longo de cinco edições.[4]

A 48.ª edição teve lugar em Março de 2017, no Centro Cultural de Belém, sob o tema "Boundless".[6]

Após Outubro de 2017, na 49.ª edição, os desfiles de moda passaram a realizar-se no recém reinaugurado Pavilhão Carlos Lopes e nas zonas circundantes do Parque Eduardo VII.[4][3]

Em Setembro de 2018, após vinte anos a trabalhar com estratégias individuais, a ModaLisboa assinou um protocolo de cooperação com a iniciativa Portugal Fashion, que decorre no Porto desde 1994, com vista à união de esforços na promoção da moda em Portugal.[7]

A 53.ª edição teve lugar nas Antigas Oficinas Gerais de Fardamento e Equipamento, no Campo de Santa Clara, entre 10 e 13 de Outubro de 2019, sob o tema "Collective".[4]

ReconhecimentoEditar

Em Outubro de 2018, por ocasião da 51.ª edição do evento, que teve lugar na Estufa Fria, Eduarda Abbondanza, presidente da Associação ModaLisboa, foi distinguida com a Medalha de Mérito Cultural da Câmara Municipal de Lisboa.[2]

No mesmo dia, a RTP2 estreou o documentário ModaLisboa 50, comemorando a 50.ª edição do evento, em Março daquele ano. [8][1][9]

Referências

  1. a b c Gonçalves, Mauro. «Eduarda Abbondanza: "Tudo o que se faz hoje nas startups, nós já fazíamos em 1991"». Observador. Consultado em 31 de outubro de 2019 
  2. a b PÚBLICO, Lusa. «Eduarda Abbondanza, presidente da ModaLisboa, distinguida com Medalha de Mérito Cultural». PÚBLICO. Consultado em 31 de outubro de 2019 
  3. a b Gonçalves, Mauro. «Convites para quê? A ModaLisboa chega ao Pavilhão Carlos Lopes e há 8 desfiles abertos ao público». Observador. Consultado em 31 de outubro de 2019 
  4. a b c d Lusa. «ModaLisboa troca Carlos Lopes por antigas oficinas militares do Campo de Santa Clara». PÚBLICO. Consultado em 31 de outubro de 2019 
  5. a b Cardoso, Joana Amaral. «Uma história oral de 25 anos de moda (Lisboa) em Portugal». PÚBLICO. Consultado em 31 de outubro de 2019 
  6. a b c «Visão | Sem limites: a ModaLisboa em sete pontos». Jornal visao. Consultado em 31 de outubro de 2019 
  7. Gonçalves, Mauro. «ModaLisboa e Portugal Fashion assinaram protocolo. Será o fim da rivalidade na moda nacional?». Observador. Consultado em 31 de outubro de 2019 
  8. Portugal, Rádio e Televisão de. «ModaLisboa 50 - Documentários - RTP». www.rtp.pt. Consultado em 23 de setembro de 2021 
  9. Aleixo, Rita (12 de Março de 2018). «Está a chegar um documentário sobre a ModaLisboa». Delas