Novo Estádio Nacional de Laos

Estádio em Vienciana, Laos

O Estádio Nacional de Laos é um estádio multiuso localizado na cidade de Vientiane, capital de Laos, que foi inaugurado no ano de 2009.[1] É usado principalmente para jogos de futebol, bem como eventos atléticos. Foram realizadas no estádio as cerimônias de abertura e encerramento dos Jogos do Sudeste Asiático de 2009.[2]

Estádio Nacional de Laos
Stadenat-vientiane.jpg
Stadenat-vientiane

Estádio Nacional de Laos
Nome Novo Estádio Nacional de Laos
Características
Local Vientiane, Laos
Capacidade 25 000 espectadores
Construção
Data 2008
Custo 100 milhões de dólares
Inauguração
Data 9 de dezembro de 2009 (12 anos)
Proprietário Laos

HistóriaEditar

Em dezembro de 2008, em reportagem para o jornal indiano Zee News, o porta-voz ministerial de Laos, Yong Chanthlangsy assegurou que a obra seria entregue em março do ano seguinte - 2009.[3] A obra é uma das principais estruturas construídas pelo país para receber os Jogos do Sudeste Asiático de 2009.[4] Ainda sobre a entrega meses antes do início dos jogos Chanthlangsy afirmou que o prazo "dará ao governo do Laos tempo suficiente para ensaiar todas as coisas que precisamos fazer para se preparar para os jogos".[3]

Para execução da obra, o então presidente de Laos, Choummaly Sayasone, contratou a empreiteira chinesa Shanghai Construction.[5][3] A obra foi orçada em cem milhões de dólares.[4][6]

CaracterísticasEditar

Após a conclusão da obra, a nova arena substituiu o Estádio Nacional do Laos. O Complexo Esportivo Nacional do Laos está localizado a cerca de 16 km do centro da cidade de Vientiane e compreende o estádio principal com 25.000 lugares.[1] O complexo ainda conta com um espaço destinado à esportes aquáticos, coberto com capacidade para 2.000 lugares, uma piscina de aquecimento ao ar livre e um centro de tênis com 2.000 lugares.[1] O complexo ainda conta com mais seis outras quadras de tênis, dois estádios cobertos cada um com capacidade para 3.000 e um campo de tiro interno com 50 lugares.[7]

A Seleção Laosiana de Futebol joga suas partidas neste local.[8]

Atuação chinesaEditar

O estádio está incluindo no que convencionou-se chamar em "diplomacia de estádio".[9][10] Normalmente, as autoridades chinesas oferecem novos estádios espetaculares para países em desenvolvimento em troca de cooperação econômica.[11] No caso do Laos, o novo complexo esportivo nacional foi construído em um vasto terreno em Vientiane, que mais tarde se tornou a 'Chinatown', atraindo a entrada de capital estrangeiro para a região.[1][12]

Ver tambémEditar

Referências

  1. a b c d «Laos National Stadium». StadiumDB. Consultado em 6 de novembro de 2021 
  2. «OCA » Vientiane 2009». Ocasia. Consultado em 6 de novembro de 2021 
  3. a b c «Laos confident national stadium will be ready for SEA Games». Zee News (em inglês). 30 de dezembro de 2008. Consultado em 6 de novembro de 2021 
  4. a b Creak, Simon (2011). «Sport as politics and history: The 25th SEA Games in Laos». Anthropology Today (1): 14–19. ISSN 0268-540X. Consultado em 6 de novembro de 2021 
  5. «New Laos National Stadium - Alchetron, the free social encyclopedia». Alchetron (em inglês). 18 de agosto de 2017. Consultado em 6 de novembro de 2021 
  6. CREAK, SIMON (2014). «National Restoration, Regional Prestige: The Southeast Asian Games in Myanmar, 2013». The Journal of Asian Studies (4): 853–877. ISSN 0021-9118. Consultado em 6 de novembro de 2021 
  7. «Infos at Lao Sea Games 2009». Laos Sea Games 2009. 4 de dezembro de 2009. Consultado em 6 de novembro de 2021. Cópia arquivada em 4 de dezembro de 2009 
  8. Strack-Zimmermann, Benjamin. «New Laos National Stadium». National Football Teams (em inglês). Consultado em 6 de novembro de 2021 
  9. Júnior, Emanuel (3 de outubro de 2019). «China e o futebol como metáfora da geopolítica em transformação». Vermelho. Consultado em 6 de novembro de 2021 
  10. Oliveira, por Breno Silva (29 de junho de 2021). «A diplomacia do futebol com características chinesas e suas implicações para a América Latina – Observatório de Regionalismo». Observatório de Regionalismo. Consultado em 6 de novembro de 2021 
  11. Amaresh, Preethi (3 de novembro de 2020). «China's Stadium Diplomacy: All that Glitters is Not Gold». Diplomatist (em inglês). Consultado em 6 de novembro de 2021 
  12. «China land deal rankles Laos capital». Reuters (em inglês). 7 de abril de 2008. Consultado em 6 de novembro de 2021