Nuscu (Nusku) ou Nusca era o deus sumério-acádio da luz e do fogo,[1] filho de Nana e Ningal, e irmão de Samas e Inana. Era o fiel camareiro e conselheiro de Enlil, o deus do ar e vento. Nuscu era pai de Gibil, também deus do fogo.

Nuscu
Conselheiro e camareiro de Enlil
Deus da luz, do fogo e das artes
Turkish - Cylinder Seal with a Seated God - Walters 42800 - Side C.jpg
Selo do cilindro com um deus desconhecido sentado.
Outro(s) nome(s) Nusca
Pais Nana, Ningal
Irmão(s) Samas, Inana
Filho(s) Gibil

Na Assíria seu centro de culto era Harã, onde predominava o culto a seu pai. Ele também foi considerado o patrono das artes e deus da civilização porque foi associado à descoberta do fogo feita pela humanidade e ao seu progresso a partir dela.[2]

No poema Atracasi Epo, Nuscu aparece aconselhando Enlil contra a rebelião dos deuses inferiores que não queriam mais trabalhar. Ele também é mencionado no mito de Enlil e Ninlil quando ele o leva em um barco para ter relações com a jovem e bela Ninlil.[2]

Ver tambémEditar

Referências

  1. «Nusku, Mesopotamian deity». Encyclopedia Britannica (em inglês). Consultado em 13 de agosto de 2020 
  2. a b Michael Jordan (2002). Encyclopedia of Gods. Kyle Cathie Limited