Abrir menu principal
O Livro de Cesário Verde
Publicado por SILVA PINTO
Autor(es) Cesário Verde
Idioma português
País Portugal Portugal
Gênero Poesia
Editora Typographia Elzeveriana
Formato 18 cm
Lançamento 1887
Páginas 103

O Livro de Cesário Verde é a edição póstuma da coletânea dos poemas do poeta português Cesário Verde, feita por seu amigo Silva Pinto em 1887,[1] Levado pela fraternal amizade pelo poeta, e ao mesmo tempo pelo desejo de estudar-lhe criticamente o escasso legado poético, Silva Pinto organizou o livro segundo um critério inteiramente pessoal, visto que Cesário não havia​ deixado nem mesmo um esboço dele após a sua morte.

Índice

HistóriaEditar

Numa edição de 200 exemplares, que não foi posta à venda, O Livro de Cesário Verde foi publicado por Silva Pinto e distribuído pelas pessoas que o editor e Jorge Verde melhor entenderam merecer a oferta. Correspondem, assim, a "parentes, amigos, administradores provados do ilustre poeta".
Nele se revelam as poesias, provavelmente póstumas: De Tarde, De Verão e Provincianas[2].

Referências

  1. O Livro de Cesario Verde: 1873-1886 — Publicado por Silva Pinto. Lisboa: Typographia Elzeveriana, 1887.
  2. Revista COLÓQUIO/Letras n.º 93 (Setembro de 1986). Tábua bibliográfica de Cesário Verde, pág. 18.

Ver tambémEditar

Ligações externasEditar


  Este artigo sobre literatura é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.
  Este artigo sobre um livro é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.