Abrir menu principal

Something to Talk About

filme de 1995 dirigido por Lasse Hallström
(Redirecionado de O Poder do Amor)
Something to Talk About
Amor e Mentiras (PRT)
O Poder do Amor (BRA)
 Estados Unidos
1995 •  cor •  105[1] min 
Direção Lasse Hallström
Produção Goldie Hawn
Anthea Sylbert
Paula Weinstein
Roteiro Callie Khouri
Elenco Julia Roberts
Robert Duvall
Gena Rowlands
Kyra Sedgwick
Dennis Quaid
Gênero comédia romântica
comédia dramática
drama romântico
Música Hans Zimmer
Graham Preskett
Cinematografia Sven Nykvist
Edição Mia Goldman
Distribuição Warner Bros.
Lançamento Estados Unidos 4 de agosto de 1995
Brasil 12 de janeiro de 1996[2]
Idioma inglês
Orçamento US$ 30 milhões
Receita US$ 77.3 milhões[3]
Página no IMDb (em inglês)

Something to Talk About (br: O Poder do Amor[4] / pt: Amor e Mentiras[5]) é uma comédia romântica e dramática estadunidense de 1995, dirigido por Lasse Hallström, a partir de um roteiro escrito por Callie Khouri. É estrelado por Julia Roberts e Dennis Quaid como um casal em crise, focada numa esposa carinhosa e dedicada aos filhos e a participar de eventos de caridade. Ela leva uma vida aparentemente perfeita até flagrar o marido com outra mulher em um restaurante. Ela, então, resolve tomar uma atitude e deixar sua passividade de lado. Kyra Sedgwick atua como a irmã de Roberts e Robert Duvall e Gena Rowlands como os pais das irmãs.

A canção-título do filme é cantada por Therese Willis, apesar de ter sido popularizada por Bonnie Raitt.[6] A música foi composta por Shirley Eikhard. Na competição de cavalos, o locutor chama um nome de um dos cavalos, "Have a Heart". Este é o título de outro hit de Bonnie Raitt. O filme foi rodado em vários locais de Savannah, na Geórgia; e Beaufort na Carolina do Sul.

Inicialmente o título original seria Grace Under Fire, mas foi alterado devido à série de TV de mesmo nome, exibida entre 1993 e 1998.[6]

O filme que Grace e Emma Rae estão assistindo quando Caroline está dormindo nos estábulos é Califórnia.

SinopseEditar

Grace (Julia Roberts) descobre que seu marido, Eddie (Dennis Quaid), está tendo um caso com outra mulher. Depois de um confronto descontroladamente público com Eddie e sua amante, Grace embala sua filha e volta para casa para a fazenda de cavalos de seus pais para se resguardar. Para sua surpresa e desalento, todos ao seu redor ainda estão atolados em ideais antiquados e acreditam que ela deveria perdoar e esquecer a indiscrição de Eddie. Sua irmã, Emma Rae (Kyra Sedgwick), que está furiosa com Eddie também não está disposta a deixar Grace fingir que isso surgiu do nada, ou que ela não fez escolhas que levaram à situação atual dela. Eddie também confronta Grace sobre sua retirada de sua vida, ou seus sentimentos de abandono depois do que começou como um casamento afetuoso e amoroso. Seu pai (Robert Duvall) sente que o caso todo está arrastando o foco de uma competição de saltos a cavalo, mas ele e a mãe de Grace, Georgia (Gena Rowlands), enfrentam seus próprios problemas com a fidelidade.

ElencoEditar

  • Julia Roberts .... Grace King Bichon, esposa de Eddie, mãe de Caroline, filha mais nova de Wyly e Georgia e irmã mais nova de Emma Rae. Ela está muito chateada e devastada quando descobre que seu marido está traindo ela.
  • Dennis Quaid .... Eddie Bichon, marido de Grace, pai de Caroline, genro de Wyly e Georgia, e cunhado de Emma Rae. Ele trai sua esposa Grace com uma mulher loira.
  • Robert Duvall .... Wyly King, pai de Grace e Emma Rae, marido da Geórgia, sogro de Eddie e avô materno de Caroline. Possui uma fazenda de cavalos.
  • Kyra Sedgwick .... Emma Rae King, filha mais velha de Wyly e Georgia, irmã mais velha de Grace, tia de Caroline e cunhada de Eddie. Quando ela encontra seu cunhado Eddie que está traindo sua irmã Grace ela o chuta nas bolas para lhe ensinar uma lição.
  • Gena Rowlands .... Georgia King, esposa de Wyly, mãe de Grace e Emma Rae, avó materna de Caroline e sogra de Eddie.
  • Haley Aull .... Caroline 'Doodlebug' Bichon, filha de Eddie e Grace, neta materna de Wyly e Georgia, e sobrinha de Emma Rae. Ela ama muito os cavalos. Eddie chama Caroline de "Doodlebug". Esta pode ser uma referência ao livro infantil "Daddy Calls Me Doodlebug" de J.D. Lester.
  • Brett Cullen .... Jamie Johnson
  • Muse Watson .... Hank Corrigan
  • Rhoda Griffis .... Edna
  • Lisa Roberts Gillan .... Kitty (como Lisa Roberts)
  • Deborah Hobart .... Lorene Tuttle

RecepçãoEditar

O filme recebeu críticas mistas. O Rotten Tomatoes relata que 39% dos críticos, com base em uma amostra de 28 críticos, fizeram uma análise positiva. A média desses críticos é 5.4/10.[7]

PrêmiosEditar

Referências

Ligações externasEditar