Abrir menu principal

Wikipédia β

Under construction icon-yellow.svg
Este artigo carece de caixa informativa ou a usada não é a mais adequada. Foi sugerido que adicione esta.

Oldair Barchi (São Paulo, 1º de julho de 1939 - Belo Horizonte, 31 de outubro de 2014), mais conhecido como Oldair, foi um futebolista brasileiro que atuava como lateral-esquerdo, entre outras posições[1].

Começou sua carreira no Palmeiras, clube pelo qual foi campeão paulista em 1959 e vencedor do Torneio Rio-São Paulo em 1960. Depois transferiu-se para o futebol carioca, onde jogou 5 anos pelo Fluminense e mais 3 pelo Vasco. Em 1966, chegou a ser convocado para a Seleção Brasileira, mas disputou apenas um jogo amistoso, sendo dispensado antes da Copa do Mundo.

Em 1968, numa troca envolvendo o meio-campista Buglê, Oldair foi para o Atlético/MG, tendo sido o capitão do grande time atleticano dirigido por Telê Santana que acabou sendo o primeiro campeão brasileiro de clubes.

Oldair é o autor do gol histórico do Atlético/MG dentro do Mineirão, quando marcou o gol da vitória por 1 a 0 (em uma cobrança de falta) contra o São Paulo, pela fase final do Campeonato Brasileiro de 1971 e garantindo que o "galo" jogasse pelo empate na partida final contra o Botafogo no Maracanã[2].

Encerrou sua carreira no extinto ESAB de Contagem, Minas Gerais e faleceu de câncer em outubro de 2014.

CarreiraEditar

Referências