Olde English Bulldogge

raça canina moderna
Disambig grey.svg Nota: Se procura por raça canina extinta, veja Old English Bulldog.

Olde english bulldogge[a](OEB) é uma recente raça de cães norte-americana, cuja criação foi iniciada na década de 1970. Foi desenvolvida inicialmente por David Leavitt que tinha o objetivo de recriar o saudável antigo buldogue inglês, atualmente extinto[1] — Porém a criação tomou outra direção e ocorreu uma divisão. Leavitt adotou outro nome para sua criação original (Leavitt bulldog), enquanto criadores modernos que seguiram o outro objetivo permaneceram com o nome OEB.

Olde English Bulldogge
Olde English Bulldogge macho, UKC
Nome original Olde English Bulldogge
Outros nomes Olde English Bulldogge brasileiro
OEB
País de origem  Estados Unidos
Características
Peso do macho 27-36 kg
Peso da fêmea 25-32 kg
Altura do macho 56-63 cm (Padrão UKC)
Altura da fêmea 54-60 cm (Padrão UKC)
Pelagem curto
Tamanho da ninhada 3-12 filhotes
Expectativa de vida 9-14 anos

HistóriaEditar

Antigo buldogue inglêsEditar

 Ver artigo principal: Old English Bulldog

O original Antigo Buldogue Inglês, criado na Inglaterra, era um cão de trabalho que, originalmente, capturava gado bovino bravo e guardava a propriedade protegendo o gado e os seus donos. A força, a coragem e a familiaridade com bois bravos levou-o à popularidade no brutal desporto sangrento com touros (Bull-baiting). Quando este desporto foi proibido na Inglaterra em 1835, este tipo original de buldogue quase se extinguiu e no seu lugar surgiu um novo tipo de cão, menor, mais troncudo e muito menos ágil e atlético, que conhecemos hoje como buldogue inglês.

Olde english bulldoggeEditar

Muito aficionados vem ao longo das décadas tentando recriar o extinto antigo buldogue inglês, surgindo vários projetos, dentre os mais famosos esteve o projeto de David Leavitt.

Usando um sistema de reprodução desenvolvido para bovinos, por volta dos anos 1970, David Leavitt inciou cruzamentos entre o buldogue inglês moderno com as seguintes raças:

Estas três raças são descendentes do original Antigo Buldogue Inglês.

O resultado foi uma raça atlética que se parecia com os buldogues de 1860 mas que também possuía um temperamento mais amigável. O criador da raça, Leavitt, idealizou que esta nova raça fosse chamada de Olde English Bulldogge, com esta grafia antiga, porém desde que a raça tomou uma direção diferente por parte de novos criadores com vertentes modernas focadas à estética exótica, e foi reconhecida pelo United Kennel Club em 2014 com este nome, Leavitt mudou o nome dos cães de sua criação própria para Leavitt Bulldog como uma raça separada.[1][2]

Olde english bulldogge brasileiroEditar

Em 2013 a CBKC reconheceu a raça americana antes que qualquer grande entidade de reconhecimento mundial, e por esta razão registrou a raça com o nome em inglês acrescentado da condição "brasileiro" e adotou o padrão estabelecido pela IOEBA (International Olde English Bulldogge Association). Já o United Kennel Clube, que reconheceu a raça apenas em 2014, adotou um padrão diferente.[3]

Ver tambémEditar

Ligações externasEditar

O Commons possui imagens e outros ficheiros sobre Olde English Bulldogge

Referências

  1. a b «Padrão oficial do Olde English Bulldogge» (em inglês). UKC. Consultado em 9 de Outubro de 2015 
  2. «Tudo sobre o Olde English Bulldogge» (em inglês). Dog breed info. Consultado em 9 de Outubro de 2015 
  3. «Padrão da raça Olde Englsih Bulldogge Brasileiro» (PDF). CBKC. Consultado em 16 de Março de 2019 

NotasEditar

  Este artigo sobre cães é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.