Operário Futebol Clube

O Operário Futebol Clube, também conhecido como Operário de Campo Grande,[5] é um clube de futebol sediado em Campo Grande, capital do estado do Mato Grosso do Sul.

Operário
Nome Operário Futebol Clube
Alcunhas Galo[1]
Mascote galo[2]
Fundação 21 de agosto de 1938 (85 anos)
Estádio Pedro Pedrossian[3]
Localização Campo Grande, Mato Grosso do Sul
Material (d)esportivo Weefe[4]
Competição Campeonato Sul-Mato-Grossense
Cores do Time
Cores do Time
Cores do Time
Cores do Time
Cores do Time
Uniforme
titular
Cores do Time
Cores do Time
Cores do Time
Cores do Time
Cores do Time
Uniforme
alternativo

Fundado em 21 de agosto de 1938 por trabalhadores da construção civil, o Operário é o maior campeão do Campeonato Sul-Mato-Grossense, com 12 conquistas, além de quatro títulos do Campeonatos Mato-Grossense, vencidos antes da divisão estadual.

História editar

O Operário teve sua fundação em 21 de agosto de 1938[6][7][8][9] por trabalhadores do setor da construção civil,[8][10] durante uma reunião realizada na sede do Sindicato dos Trabalhadores da Construção Civil, localizada na avenida Maracaju.[10] O primeiro presidente do clube foi o pintor Plínio Bittencourt,[9] cujo objetivo inicial da agremiação era a participação em campeonatos amadores.[10]

Na década de 1970, o Operário passou por um processo de profissionalização e alcançou suas primeiras conquistas: quatro títulos no Campeonato Mato-Grossense e um no Campeonato Sul-Mato-Grossense.[11] Em 1977, sob a direção de Carlos Castilho, o clube atingiu as semifinais do Campeonato Brasileiro, sendo eliminado pelo São Paulo.[12]

Ao longo das duas décadas subsequentes, a equipe obteve êxito na conquista de nove títulos estaduais. Em 1982, recebeu o convite para representar o país em uma competição internacional, a President Cup, disputada na Coreia, na qual saiu vitorioso ao derrotar o Bayer Leverkusen na decisão.[12] Cinco anos mais tarde, sagrou-se campeão do Módulo Branco do Campeonato Brasileiro, evento organizado pelo Clube dos 13, que correspondia à terceira divisão na época.[13]

O ano de 1987 assinalou o início do declínio do Operário, momento em que a agremiação começou a acumular dívidas trabalhistas[14] e focalizou suas atividades exclusivamente nos campeonatos estaduais.[13] No mesmo período, o clube se envolveu em uma disputa política tumultuada nos bastidores com a Federação, decorrente da não participação na briga por uma vaga no Clube dos 13.[15]

Em 1997, conquistou o título estadual e, posteriormente, atravessou um extenso período de incertezas, marcado por afastamentos, tentativas de retorno e rebaixamentos.[16] Em 2014, retomou suas atividades no futebol profissional e obteve a promoção para a primeira divisão estadual no ano subsequente.[16] Desde então, alcançou os títulos em 2018 e 2022.[16][17]

Títulos editar

Masculino
Estaduais
Competição Títulos Temporadas
Campeonato Sul-Mato-Grossense 12 1979,[18] 1980,[18] 1981,[18] 1983,[18] 1986,[18] 1988,[18] 1989,[18] 1991,[18] 1996,[18] 1997,[18] 2018[18] e 2022.[17]
Campeonato Mato-Grossense 4 1974,[18] 1976,[18] 1977[18] e 1978.[18]
Amistosas e não oficiais
Competição Títulos Temporadas
President Cup 1 1982.[12]
Módulo Branco 1 1987.[13]
Amadoras
Competição Títulos Temporadas
Liga Municipal de Campo Grande 3 1942,[18] 1945[18] e 1966.[18]
Feminino
Estaduais
Competição Títulos Temporadas
Campeonato Sul-Mato-Grossense 2 2021[19][20] e 2022.[21]

Referências

  1. Daiany Albuquerque (13 de maio de 2021). «Clássico entre Galo e Comercial pode levar Operário de volta à liderança». Correio do Estado. Consultado em 15 de outubro de 2022. Cópia arquivada em 15 de outubro de 2022 
  2. Anderson Ramos (20 de julho de 2018). «Diretoria apresenta logomarca dos 80 anos do Operário Futebol Clube e prepara grande evento». Operário Futebol Clube. Consultado em 15 de outubro de 2022. Cópia arquivada em 15 de agosto de 2018 
  3. Aquino 2002, p. 188.
  4. «Operário celebra meio século de glória com lançamento da camiseta em homenagem ao título de 1974». acritica.net. 12 de dezembro de 2023. Consultado em 12 de dezembro de 2023 
  5. «Dívidas tiram Operário-MS de Estadual». Folha de S.Paulo. 19 de março de 1998. Consultado em 14 de outubro de 2022. Cópia arquivada em 15 de outubro de 2022 
  6. Karina Campos (21 de agosto de 2022). «Há 84 anos, trabalhadores fundavam Operário para aproximar futebol da classe trabalhadora em Campo Grande». Midiamax. Consultado em 14 de outubro de 2022. Cópia arquivada em 26 de agosto de 2022 
  7. Renato Giansante (22 de agosto de 2017). «Operário apresenta projetos no aniversário de 79 anos do clube». Capital News. Consultado em 14 de outubro de 2022. Cópia arquivada em 15 de outubro de 2022 
  8. a b Gilson Giordano (21 de agosto de 2014). «No aniversário do Operário, fotógrafo retrata história do clube». Capital News. Consultado em 14 de outubro de 2022. Cópia arquivada em 15 de outubro de 2022 
  9. a b Paulo Nonato de Souza (21 de agosto de 2017). «Fundado em 1938, Operário faz 79 anos sem motivos para comemorar». Campo Grande News. Consultado em 14 de outubro de 2022. Cópia arquivada em 15 de outubro de 2022 
  10. a b c Castro 2018, p. 41.
  11. Castro 2018, p. 42.
  12. a b c Edmir Conceição (13 de agosto de 2021). «Presidente do Operário fala das comemorações dos 83 anos do tradicional clube de Mato Grosso do Sul». Rede Educativa MS. Consultado em 15 de outubro de 2022. Cópia arquivada em 30 de novembro de 2021 
  13. a b c Castro 2018.
  14. «Operário pode confirmar sua extinção». Correio do Estado. 28 de junho de 2012. Consultado em 15 de outubro de 2022. Cópia arquivada em 15 de outubro de 2022 
  15. «História». Operário Futebol Clube. Consultado em 15 de outubro de 2022. Cópia arquivada em 9 de março de 2022 
  16. a b c Rogério Vidmantas (21 de agosto de 2021). «Operário comemora 83 anos em busca de reencontrar caminho dos títulos». Capital News. Consultado em 15 de outubro de 2022. Cópia arquivada em 21 de agosto de 2021 
  17. a b «Operário é campeão sul-mato-grossense de 2022». ge. 24 de abril de 2022. Consultado em 15 de outubro de 2022. Cópia arquivada em 19 de junho de 2022 
  18. a b c d e f g h i j k l m n o p q r «Títulos». Operário Futebol Clube. Consultado em 15 de outubro de 2022. Cópia arquivada em 9 de março de 2022 
  19. «Time feminino do Operário quebra hegemonia da SERC e garante título antecipado do Estadual». EsporteMS. 5 de dezembro de 2021. Consultado em 15 de outubro de 2022. Cópia arquivada em 15 de outubro de 2022 
  20. Isabelly Melo (6 de dezembro de 2021). «Operário é campeão do Estadual Feminino de Futebol 2021». RCN 67. Consultado em 15 de outubro de 2022. Cópia arquivada em 6 de dezembro de 2021 
  21. * Luiz Eduardo Leão (28 de novembro de 2022). «Operário FC é campeão Feminino 2022». Federação de Futebol de Mato Grosso do Sul. Consultado em 8 de dezembro de 2022. Cópia arquivada em 8 de dezembro de 2022 

Bibliografia editar