Abrir menu principal
Disambig grey.svg Nota: Este artigo é sobre o cônsul em 20 a.C.. Para o cônsul sufecto em 3 e seu filho, veja Públio Sílio. Para o cônsul em 28 e seu neto, veja Públio Sílio Nerva (cônsul em 28).
Públio Sílio Nerva
Cônsul do Império Romano
Consulado 20 a.C.

Públio Sílio Nerva (em latim: Publius Silius Nerva) foi um senador e general romano eleito cônsul em 20 a.C. juntamente com Marco Apuleio.

Índice

BiografiaEditar

Nerva era filho de um senador que atingiu o cargo de propretor.[1] Partidário do imperador Augusto,[2] Nerva foi recompensado com diversos cargos importantes ao longo de sua carreira.

Após ocupar todos os postos do cursus honorum, recebeu como recompensa o consulado, em 20 a.C., ao lado de Marco Apuleio, tornando-se um dos muitos homens novos enobrecidos durante o principado de Augusto.[3]

Após seu consulado foi despachado para a Hispânia Citerior, em 19 a.C., na função de legado augusto propretor, onde se envolveu nas Guerras Cantábrias auxiliando Marco Vipsânio Agripa e finalmente conseguiu por fim à longa e sangrenta campanha.[4] Em seguida foi despachado à província de Ilírico, onde ocupou o cargo de legado de 17 a 16 a.C.[5]

Nerva teve três filhos e todos ocuparam o cargo de cônsul:[6] Aulo Licínio Nerva Siliano (em 7 d.C.),[7] Públio Sílio (cônsul sufecto em 3 d.C.) e Caio Sílio (em 13 d.C.).

Ver tambémEditar

Referências

  1. Syme, p. 362
  2. Syme, p. 372
  3. Syme, p. 330
  4. Syme, p. 332-333
  5. Syme, p. 329
  6. Syme, p. 500
  7. Syme, p. 434

BibliografiaEditar

  • Broughton, T. Robert S. (1952). The Magistrates of the Roman Republic (em inglês). II. [S.l.: s.n.] 
  • Syme, Ronald (1939). The Roman Revolution (em inglês). Oxford: Clarendon Press