Abrir menu principal

Palazzo Boncompagni Cerasi

Pátio interno do palácio.

Palazzo Boncompagni Cerasi é um palácio barroco localizado no número 51 da Via del Babuino, no rione Campo Marzio de Roma.

HistóriaEditar

No século XVIII, muitas famílias nobres romanas investiram em grandes edifícios para serem subdivididos em apartamentos para serem alugados aos membros da emergente classe média romana e para estrangeiros visitando a cidade[1]. O palácio foi construído em 1738 por ordem de Maria Eleonora Boncompagni Ludovisi, que adquiriu o antigo Palazzo Grandi e entregou a obra a Paolo Ameli e Michele Lucatelli[2].

Em 1858, o palácio passou para as mãos do banqueiro Antonio Cerasi, que ainda é proprietário do edifício[2].

Até 1887, a fonte conhecida como Fontana del Babuino ou Il Sileno, uma das estátuas falantes de Roma, ficava num nicho que foi transformado num dos portais do palácio (nº 49A)[3]. A estátua em si foi levada para o pátio interno do palácio, onde ficou até 1957, quando foi levada para seu local atual, ao lado da igreja de Sant'Atanasio, na mesma via[2].

A decoração dos portais menores é atribuída a Domenico Gregorini e claramente revela a influência de Bernini[1].

Referências

  1. a b «Piazza del Popolo» (em inglês). Rome Art Lover 
  2. a b c «Palazzo Boncompagni Cerasi» (em italiano). InfoRoma 
  3. «Via del Babuino» (em italiano). Roma Segreta