Panagiotis Pikrammenos

Panagiotis Pikramenos
Παναγιώτης Πικραμμένος
Primeiro-ministro da  Grécia
Período 16 de maio
a 20 de junho de 2012
Presidente Károlos Papúlias
Antecessor Lucas Papademos
Sucessor Antonis Samaras
Presidente do Conselho de Estado Grego
Período 2 de julho de 2009
a 16 de maio de 2012
Antecessor George Panagiotopoulos
Sucessor Constantinos Menoudakos
Dados pessoais
Nascimento 26 de julho de 1945 (75 anos)
Atenas
Alma mater Universidade de Atenas
Universidade de Paris
Esposa Athina Noutsou
Partido Independente
Religião ortodoxo grego
Profissão jurista

Panagiotis Pikrammenos (em grego: Παναγιώτης Πικραμμένος) (26 de julho de 1945) é um juiz grego e foi Premiê de um governo interino após as eleições legislativas de maio de 2012, nas que nenhum partido obteve a maioria absoluta.[1][2]

Primeiros anosEditar

Pikrammenos nasceu em Atenas e é o filho de Otto Pikrammenos, oriundo de Patras e proprietário da "Sociedade da Imprensa Estrangeira e Grega". O avô paterno de Pikrammenos foi Takis Pikrammenos, fundador da companhia, enquanto do lado materno desce da antiga família Chaireti.

Pikrammenos graduou-se na Escola Alemã de Atenas em 1963 e da Faculdade de Direito da Universidade Kapodistríaca de Atenas em 1968. Fez estudos de pós-graduação na Universidade de Paris II e trabalhou como advogado em Atenas e Londres até chegar a ser um relator do Conselho de Estado em 1976. Ascendeu rapidamente nos postos no Conselho até que foi nomeado como seu presidente em 2009. Também desempenhou como Diretor Geral da Escola Nacional de Juízes desde 2005 até 2009. Além de seu serviço no poder judiciário, Pikrammenos trabalhou numa série de comitês legislativos para o Ministério de Justiça e desde 1991 até 1993 foi assessor especial para assuntos judiciais do Premiê Constantinos Mitsotakis.[3] Pouco depois de ter sido nomeado como Presidente do Conselho de Estado em 2009, um artefato explosivo foi colocado no automóvel de Pikrammenos, pelo que a polícia considerou que foi um grupo anarquista.[4]

Como juiz tem emitido decisões importantes. Em 2003, opinou que era inconstitucional o encarceramento por dívidas. Também tem opinado nos casos do Museu da Acrópolis e do AEK Atenas (clube desportivo).

Premiê interinoEditar

Dantes de ser nomeado premiê interino, Pikrammenos desempenhou-se como presidente do Conselho de Estado de Grécia.[5] Em 16 de maio de 2012 foi nomeado premiê interino pelo Presidente Károlos Papoúlias.[6] Dirigiu um governo de tecnocratas até que um governo permanente se formou o 20 de junho de 2012, depois das eleições celebradas o 17 de junho.[7] Sucedeu-lhe no cargo o conservador Antonis Samarás, num governo de coalizão de Nova Democracia, PASOK e DIMAR.

Referências

  1. «Council of State» [Consejo de Estado]. Ste.gr. Consultado em 16 de maio de 2012. Arquivado do original em 1 de maio de 2012 
  2. «Judge Panagiotis Pikramenos named as Greek caretaker PM as elections set for 17 June» [Juez Panagiotis Pikramenos nombrado como PM griego encargado hasta las elecciones fijadas para 17 de junio]. The Independent. Consultado em 16 de maio de 2012 
  3. «Ποιος είναι ο Παναγιώτης Πικραμμένος, ο νέος υπηρεσιακός πρωθυπουργός - Ειδήσεις - Ελλάδα» [¿Quién es Panagiotis Pikrammenos, el nuevo primer ministro? - Noticias - Grecia]. News.in.gr. Consultado em 16 de maio de 2012 
  4. «Anarchist Group Suspected in Arson Attack on Top Greek Judge's Car» [Grupo anarquista sospechoso del atentado incendiario contra el automóvil de un alto juez griego]. Fox News. Consultado em 16 de maio de 2012. Arquivado do original em 23 de outubro de 2012 
  5. «Council of State president to be new caretaker PM (Presidente del Consejo de Estado será el nuevo PM interino)» [Presidente del Consejo de Estado será el nuevo PM interino]. Ekathimerini. Consultado em 16 de maio de 2012 
  6. «Eurozone crisis live: Greek elections called for 17 June» [La crisis de la Eurozona en vivo: elecciones en Grecia convocadas para el 17 de junio]. Guardian. Consultado em 16 de maio de 2012 
  7. «Greece to hold new election on 17 June» [Grecia celebrará nuevas elecciones el 17 de junio]. Guardian. Consultado em 16 de maio de 2012 

Ligações externasEditar

Precedido por
Lucas Papademos
Primeiro-ministro da Grécia
2012
Sucedido por
Antónis Samarás