Abrir menu principal
Question book-4.svg
Esta página cita fontes confiáveis e independentes, mas que não cobrem todo o conteúdo (desde Maio de 2019). Ajude a inserir referências. Conteúdo não verificável poderá ser removido.—Encontre fontes: Google (notícias, livros e acadêmico)
Pulp
Rock en Seine 2007, Jarvis Cocker.jpg
Jarvis Cocker, 2007.
Informação geral
Origem Sheffield, Inglaterra
País  Reino Unido
Gênero(s) Britpop
Rock alternativo
Indie rock
Indie pop
Pós-punk
Período em atividade 1978 - 2002 · 2011 - 2013
Gravadora(s) Island Records
Rough Trade Records
Afiliação(ões) Venini
Relaxed Muscle
Ex-integrantes Jarvis Cocker
Candida Doyle
Mark Webber
Steve Mackey
Nick Banks
Russel Senior
Página oficial Site Oficial

Pulp foi uma banda britpop, de Sheffield, Inglaterra, formada em 1978 pelo então estudante de 15 anos Jarvis Cocker. Inicialmente a banda teve o nome "Arabicus Pulp".[1]

Sua fama praticamente se restringiu ao Reino Unido, onde sua mistura de pop-rock influenciado pela disco music com as letras de Jarvis os tornou popular na metade da década de 1990. Entre os seus êxitos estão temas como "Disco 2000" (1995), "Common People" (1995) e "This Is Hardcore" (1998).

Entre as influências citadas pela banda estão David Bowie, Joy Division, The Cure, The Beatles e The Kinks.

Índice

HistóriaEditar

Apesar de ser um dos ícones do britpop, movimento que efervesceu a cena musical independente britânica nos anos 1990, o Pulp teve a sua origem em 1978 na cidade de Sheffield, Inglaterra. O jovem Jarvis Cocker, na época com quinze anos, formou a banda com colegas de escola. Inicialmente chamada de Arabicus Pulp, a banda passou a década de 1980 vivendo na obscuridade, mesmo lançando diversos singles e alguns álbuns. Sempre liderado pelo vocalista Jarvis Cocker, o Pulp teve sempre uma constante mudança de formação e de estilos também, flertando com gêneros como new wave, glam, acid house, europop e indie rock britânico.

Em 1983, o grupo lançou o primeiro álbum, It, originalmente numa tiragem de 2000 cópias pelo selo Red Rhino Records. It se baseia no folk, com canções pop românticas, sob influência de Leonard Cohen. Seu próximo álbum - Freaks - saiu em 1987.

Com influências do acid house, Separations, o terceiro álbum da banda, foi gravado em 1989, porém, seu lançamento aconteceu somente em 1992 pela Fire Records. A faixa "My Legendary Girlfriend" saiu em 1991 como primeiro single desse disco, e foi nomeada como "single da semana" pela NME, começando aí o decolagem da carreira do Pulp.

A repentina popularidade do Pulp no anos 1990 - figurando no britpop ao lado de bandas como SuedeOasis e Blur – fez com que a sua formação se estabilizasse com um núcleo de membros que ficaram mais conhecidos: Jarvis Cocker (vocais, guitarra), Russell Senior (guitarra), Candida Doyle (teclados), Steve Mackey (baixo) e Nick Banks (bateria).

His 'n' Hers, o quarto álbum do grupo, lançado em 1994 pela Island, alcançou a nona posição nas paradas britânicas e foi nomeado ao Mercury Music Prize. Porém foi com o disco seguinte, Different Class (1995), que o Pulp atingiu seu auge na cena musical inglesa, mais precisamente com os singles "Common People" e "Disco 2000". Durante as gravações de Different Class, o grupo adicionou um novo integrante, o guitarrista Mark Webber - o presidente do fã-clube do grupo. O álbum ganhou o Mercury Music Prize de 1996. Seu sucessor, This Is Hardcore (1998) não obteve a mesma aceitação, mas também foi nomeado ao Mercury Prize.

O Pulp retornou com um novo álbum de estúdio em 2001, quando lançou We Love Life. Em 2006, Jarvis Cocker lançou o seu primeiro álbum solo - Jarvis.

DiscografiaEditar

Álbuns de estúdioEditar

ColetâneasEditar

Referências

Ligações externasEditar