SS Kaiser Wilhelm II

SS Kaiser Wilhelm II
Kaiser wilhelm 2.jpg
Carreira  Alemanha
Operador Norddeutscher Lloyd
Fabricante AG Vulcan Stettin, Estetino
Homônimo Guilherme II da Alemanha
Lançamento 12 de agosto de 1902
Batismo 12 de agosto de 1902
Viagem inaugural 14 de abril de 1903
Porto de registo Bremen, Império Alemão
Estado Tomado pelos Estados Unidos
Carreira  Estados Unidos
Nome USS Agamemnon (1917–1927)
USAT Monticello (1927–1940)
Operador Marinha dos Estados Unidos
Aquisição 6 de abril de 1917
Comissionamento 21 de agosto de 1917
Descomissionamento agosto de 1919
Número de registro ID-3004
Estado Desmontado em 1940
Características gerais
Tipo de navio Transatlântico (1913–1917)
Transporte de tropas (1917–1940)
Classe Kaiser
Deslocamento 25.940 t
Tonelagem 19.361 t
Maquinário 2 motores de quádrupla expansão de quatro cilindros
Comprimento 215,27 m
Boca 22,02 m
Calado 9,09 m
Velocidade 23,5 nós (43,5 km/h)
Armamento Como transporte de tropas:
4 canhões de 150 mm
2 canhões de 1 libra
2 metralhadoras calibre .30
10 cargas de profundidade
Tripulação 962
Passageiros 1888

O SS Kaiser Wilhelm II foi um navio de passageiros alemão operado pela Norddeutscher Lloyd e construído pelos estaleiros da AG Vulcan Stettin em Estetino. Ele foi a terceira embarcação da Classe Kaiser de transatlânticos depois do SS Kaiser Wilhelm der Grosse e SS Kronprinz Wilhelm, sendo seguido pelo SS Kronprinzessin Cecilie. O navio foi lançado ao mar em agosto de 1902 e realizou sua viagem inaugural de Bremen para Nova Iorque em abril de 1903.[1]

O Kaiser Wilhelm II se tornou um dos navios mais populares da frota da Norddeutscher Lloyd, ganhando junto com seus irmãos a fama de grandeza, confiabilidade e velocidade, o que lhe valeram o apelido de "Os Quatro Voadores". A embarcação serviu comercialmente quase sem incidentes graves desde sua estreia até 1914, quando a Primeira Guerra Mundial começou. O Kaiser Wilhelm II estava no meio de uma travessia para a América do Norte quando o conflito foi declarado, evitando navios britânicos e aportando em Nova Iorque, então no neutro Estados Unidos, em 6 de agosto. Ele ficou internado no porto de Hoboken, Nova Jérsei, pelos três anos seguintes.[1]

Os Estados Unidos entraram na guerra em 1917 e o Kaiser Wilhelm II foi tomado pela marinha norte-americana, convertido em um navio de transporte de tropas e renomeado para USS Agamemnon. A embarcação serviu nessa função pelo restante do conflito. Com o fim da guerra, o Agamemnon trouxe milhares de tropas de volta até ser descomissionado em agosto de 1919. Apesar dos planos para transformá-lo de volta em um navio comercial, a embarcação estava em péssimas condições. Em 1927 foi renomeado para USAT Monticello. A Segunda Guerra Mundial começou em 1939 e os Estados Unidos ofereceram vários navios, inclusive o Monticello, ao Reino Unido para transporte de tropas. Porém ele estava velho e as reformas seriam muito caras, sendo vendido como sucata e desmontado em Boston em 1940.[1]

Referências

  1. a b c Ljungström, Henrik. «Kaiser Wilhelm II (II)». The Great Ocean Liners. Consultado em 14 de abril de 2016. Arquivado do original em 10 de outubro de 2009 

Ligações externasEditar

  Este artigo sobre tópicos navais é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.