Abrir menu principal
S Tupy (S-11)
Carreira   Bandeira da marinha que serviu Brasil
Operador  Marinha do Brasil
Fabricante OTO - Cantieri Navale Odero Terni Orlando Itália[1]
Homônimo Homenagem ao guerreiro Tupi[1]
Batimento de quilha 1936[1]
Lançamento 28 de novembro de 1936[1]
Comissionamento 10 de outubro de 1937[1]
Descomissionamento 26 de agosto de 1959[1]
Características gerais
Tipo de navio Submarino diesel-elétrico
Classe Classe Perla[1]
Deslocamento 650 t (1 430 000 lb) padrão,[1] 853 t (1 880 000 lb) carregado[1]
Comprimento 60,18 m (197 ft)[1]
Boca 6,50 m (21,3 ft)[1]
Pontal 3,70 m (12,1 ft)[1]
Calado 4,70 m (15,4 ft)[1]
Propulsão 1x motor diesel de 1 400 hp (1 040 kW)[1]
1x motor elétrico de 800 hp (597 kW)[1]
2x eixos com hélices de três pás[1]
Velocidade 14 kn (25,9 km/h) (emerso)
7,5 kn (13,9 km/h) (imerso)
Autonomia 2 150 m.n. (3 980 km) à 8,5 kn (15,8 km/h) (superfície)[1]
72 m.n. (133 km) à 4 kn (7,41 km/h) (imerso)[1]
Profundidade 80 m (262 ft) testes[1]
Armamento 6x tubos lançadores de torpedos de 533 mm (21,0 in)[1]
1x canhão OTO L/47 de 100 mm (3,94 in)[1]
4x metralhadoras Hotchkiss de 13,2 mm (0,520 in)[1]
Tripulação 33 homens[1]

O S Tupy (S-11) foi um submarino construído em 1936 para a da Marinha do Brasil.[1]

O submergível construído na Itália pelo Estaleiro Odero - Terni, foi incorporado a Força de Submarinos em 10 de outubro de 1937, permanecendo ativo até 26 de agosto de 1959, data de sua desincorporação.[2]

Referências

  1. a b c d e f g h i j k l m n o p q r s t u v w x Navios de Guerra Brasileiros. «S Tupy - T 1/S 11, Classe Perla». Consultado em 3 de abril de 2011. Arquivado do original em 9 de janeiro de 2012 
  2. Comando da Força de Submarinos, Marinha do Brasil. «Unidades Navais (1913-2010)». Consultado em 3 de abril de 2011 

Ligações externasEditar


  Este artigo sobre Submarinos é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.