Abrir menu principal
Sal of Singapore
Obrigado a Casar (BRA)
 Estados Unidos
1928 •  p&b •  70 min 
Direção Howard Higgin
Roteiro Elliott J. Clawson
Dale Collins
Elenco Phyllis Haver
Alan Hale
Fred Kohler
Gênero drama
Música Josiah Zuro
Francis Gromon
Direção de fotografia John J. Mescall
Direção de arte Edward C. Jewell
Edição Claude Berkeley
Lançamento Estados Unidos 4 de novembro de 1928
Idioma inglês

Sal of Singapore (bra: Obrigado a Casar ) é um filme norte-americano de 1928, do gênero drama, dirigido por Howard Higgin e estrelado por Phyllis Haver e Alan Hale.[1]

Lançado no final de 1928, nos estertores do cinema mudo, o filme foi relançado em janeiro de 1929 com sequências faladas, música sincronizada e efeitos sonoros.[1]

Em 1931, a Paramount Pictures produziu uma refilmagem com o título de His Woman, estrelada por Gary Cooper e Claudette Colbert.

SinopseEditar

A prostituta Sal é convidada pelo Capitão Erickson a visitar seu navio. Ela pensa que lá continuaria com sua profissão, mas estava enganada: o capitão a queria para tomar conta de uma criança posta a seus cuidados. O instinto maternal de Sal é despertado e ela se transforma em um modelo de virtude...[2]

PremiaçõesEditar

Patrocinador Prêmio Categoria Situação
Academia de Artes e Ciências Cinematográficas Oscar Melhor Roteiro Adaptado Indicado

ElencoEditar

Ator/Atriz Personagem
Phyllis Haver Sal
Alan Hale Capitão Erickson
Fred Kohler Capitão Sunday
Noble Johnson Primeiro contramestre do Capitão Erickson
Dan Wolheim Segundo contramestre do Capitão Erickson
Jules Cowles Cook
Pat Harmon Contramestre do Capitão Sunday
Harold William Hill A criança

Referências

  1. a b «Sal of Singapore». Silent Era. Consultado em 27 de abril de 2016 
  2. Erickson, Hal. «Sal of Singapore». AllMovie. Consultado em 28 de abril de 2016 

BibliografiaEditar

Ligações externasEditar