Selim I (Amásia, 1470 - Çorlu, 22 de Setembro de 1520) foi sultão e o primeiro califa do Império Otomano de 1512 a 1520. Filho de Bajazeto II. Disputou com os irmãos a sucessão do império Otomano. Acabou saindo vitorioso.

Selim I
Nascimento 10 de outubro de 1470
Amasia (Império Otomano)
Morte 22 de setembro de 1520
Çorlu (Império Otomano)
Sepultamento Yavuz Selim Mosque
Progenitores
Cônjuge Ayşe Hatun II, Hafessa Sultana
Filho(s) Solimão, o Magnífico, Hatice Sultan, Sah bla bla bla, Beyhan Sultan, Hafize Sultan, Fatma Sultan, Şehzade Sultan
Irmão(s) Şehzade Korkut, Şehzade Ahmed, Ayşe Sultan
Ocupação poeta
Religião Islão
Causa da morte carbúnculo
Assinatura
Sultan Selim I Tugra.svg

Um líder que conseguiu fazer importantes acordos com os vizinhos, com o o Império Austro Húngaro e com a dinastia Mameluca, onde estes ajudaram na luta contra os Safávidas.[1]

A proclamação do califado veio após a derrota dos mamelucos na região da Síria, da Península do Sinai e as cidades sagradas de Meca e Medina. Numa jogada oportuna para unir a legitimação com o poder politico para Istambul.[2]

Referências

  1. data 2011, pp. 812.
  2. MIKABERIDZE data 2011, pp. 812.
FontesEditar

Precedido por
Bajazeto II
Sultão Otomano
15121520
Sucedido por
Solimão I
  Este artigo sobre Sultões é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.