Abrir menu principal
Sigismondo Caula
Nascimento 24 de maio de 1637
Módena
Morte julho de 1724 (87 anos)
Módena
Cidadania Ducado de Módena e Reggio
Ocupação pintor, escultor
Magnum opus un miracolo di sant'ambrogio
Movimento estético barroco
Sigismondo caula, un miracolo di sant'ambrogio, 1670-75

Sigismundo Caula (Módena, 24 de Maio de 1637 - Módena, Julho de 1724) foi um pintor italiano do estilo barroco. [1] [2] [3]

Índice

BiografiaEditar

Filho do nobre Sebastiano Medici Caula, foi pupilo de Jean Boulanger junto com Tommaso Costa.[4] Estudou em Veneza as obras dos principais pintores locais como Tiziano Tintoretto e Paolo Veronese, de quem herdou o uso forte das cores caracterizando seu estilo na pintura barroca. [5] [6] [7] [8] [9]

Realizou a execução de inúmeras obras tanto religiosas como para os nobres, e dedicou-se não só à pintura, mas também ao plástico. Ele foi um dos decoradores de tetos mais solicitados da cidade de Módena,[10] no eixo do barroco italiano. A partir do ano de 1671, ele fez parte de um grupo de estudantes encarregados de decorar o cofre e a cúpula da Igreja de São Vicente. A participação mais importante, no entanto, parece ser na grande tela que descreve S. Carlo Borromeo, que administrou a Eucaristia às vítimas da praga pelo muro interno do portal principal da igreja de S. Carlo. O trabalho deste artista, foi composto e orquestrado dentro de um amplo pano de fundo arquitetônico. Existe na Galleria Estense um desenho preparatório e um esboço de um quadro do pintor, vindos do Museu Nacional Bargello. [11] [12] [13]

 
Sigismondo caula, san carlo borromeo somministra l'eucarestia agli appestati, 1670-75

Tempos depois, foi contratado, com GG Monti, B. Bianchi e F. Stringa, para decorar o teto da igreja de Santo Agostinho, obra que começou por volta de 1662, com cenas para sujeitar a glorificação da linhagem Estense . Em 1682, ele assumiu por conta própria a tarefa de pintar a cúpula do santuário da Santíssima Virgem de Fiorano, cuja construção tinha começado em 1634. De 1700 a 1703 Francesco Monti foi seu aluno, além de ser o protagonista junto com Francesco Stringa na cena pictórica de Estense do século XVII-XVIII.[14] [15]

ObrasEditar

  • O contágio dos israelitas, na igreja de San Carlo, em Módena.
  • O martírio de São Inácio de Antioquia, condenado a ser devorado pelos leões, Santuário da Santíssima Virgem de San Clemente, Bastiglia (Modena), 1700-1710
  • San Carlo Borromeo comunica as vítimas da peste, Igreja de San Carlo Modena, 1685
  • Santa Helena e as provas da verdadeira cruz.
 
Cupola del Santuario di Fiorano Modenese

Ver tambémEditar

Referências

  1. Biondini, Alfonso; Nocetti, Aloisio; Azzolini, Giuseppe (1792). Compilazione delle prove di discendenza della nobile famiglia Medici Caula [Alphonsus Biondini, Aloysius Nocetti, Joseph Azzolini] (em italiano). [S.l.]: presso la Società tipografica 
  2. «La residenza della famiglia Caula | GB ego sum». www.bartolotti.it (em italiano). Consultado em 12 de março de 2018 
  3. Orlandi, Pellegrino Antonio (1753). L' Abecedario pittorico (em italiano). [S.l.]: Pasquali 
  4. http://www.treccani.it/enciclopedia/sigismondo-caula_(Dizionario-Biografico)/
  5. Tiraboschi, Girolamo (1782). Biblioteca modenese, o, Notizie della vita e delle opere degli scrittori natii degli stati del serenissimo signor duca di Modena: Castri-Giustineo (em italiano). [S.l.]: Presso la Società tipografica 
  6. Hobbes, James R. (1849). Dictionary of names (em inglês). [S.l.]: T. & W. Boone 
  7. Pilkington, Matthew (1810). A Dictionary of Painters: From the Revival of the Art to the Present Period (em inglês). [S.l.]: J. Walker 
  8. Lanzi, Luigi Antonio (1828). The History of Painting in Italy: The schools of Lombardy, Mantua, Modena, Parma, Cremona, and Milan (em inglês). [S.l.]: W. Simpkin and R. Marshall 
  9. «Sigismondo Caula - A Pair of Grotesques in Profile...». www.mutualart.com (em inglês). Consultado em 19 de março de 2018 
  10. Pagani, Gian Filiberto (1770). Le pitture e sculture di Modena (em italiano). [S.l.]: Per gli eredi di Bartolomeo Soliani 
  11. N.Y.), Metropolitan Museum of Art (New York; Bean, Jacob (1979). 17th Century Italian Drawings in the Metropolitan Museum of Art (em inglês). [S.l.]: Metropolitan Museum of Art. ISBN 9780870991844 
  12. Chalmers, Alexander (1812). The General Biographical Dictionary Containing an Historical and Critical Account of the Lives and Writings of the Most Eminent Persons; ... a New Ed. by Alex. Chalmers (em inglês). [S.l.]: J. Nichols 
  13. Lanzi, Luigi Antonio (1882). The History of Painting in Italy, From the Period of the Revival of the Fine Arts to the End of the Eighteenth Century (Complete) (em inglês). [S.l.]: Library of Alexandria. ISBN 9781465572967 
  14. Turner, Nicholas (3 de janeiro de 2001). European Drawings 4: Catalogue of the Collections (em inglês). [S.l.]: Getty Publications. ISBN 9780892365845 
  15. Bryan, Michael; Graves, Robert Edmund; Armstrong, Walter (1886). Dictionary of painters and engravers, biographical and critical. [S.l.]: London : G. Bell and Sons 
  Este artigo sobre arte ou história da arte é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.