Abrir menu principal
Como ler uma infocaixa de taxonomiaTamboril
Taxocaixa sem imagem
Classificação científica
Reino: Plantae
Divisão: Magnoliophyta
Classe: Magnoliopsida
Ordem: Fabales
Família: Fabaceae
Subfamília: Mimosoideae
Género: Enterolobium
Espécie: E. maximum
Nome binomial
Enterolobium maximum
Ducke

O tamboril (Enterolobium maximum Ducke)[1] é uma árvore pertencente à família Fabaceae.[2] É de origem brasileira, típica das matas da região do Pará, Pernambuco, Acre e Mato Grosso.[2] É uma árvore frondosa, sem cheiro, de cerne marrom-claro a cinza-rosado.[3][4][5] Ao contrário das madeiras-de-lei, é suscetível ao ataque de fungos, cupins e insetos de madeira seca.[3] Apesar disso, é muito utilizada na fabricação de objetos como móveis, brinquedos e artigos decorativos, pois é de fácil manejo e acabamento.[3]

Outros nomes populares: fava-bolacha, fava-orelha-de-negro, fava-tamboril, faveira-grande, monjobo, timbaúba.[3]

Referências

  1. Archivos do Jardim Botânico do Rio de Janeiro. 3–4: 340. 1915 
  2. a b «Enterolobium maximum information from NPGS/GRIN». USDA, ARS, National Genetic Resources Program. Germplasm Resources Information Network - (GRIN) [Online Database] (em inglês). Beltsville, Maryland: National Germplasm Resources Laboratory. Consultado em 24 de Novembro de 2013 
  3. a b c d «Tamboril». Madeireira Guimarães. Consultado em 24 de Novembro de 2013 
  4. Archivos do Jardim Botânico do Rio de Janeiro. (em francês). 1: 13. 1915 
  5. Archivos do Jardim Botânico do Rio de Janeiro. 3–4: 242. 1915 
  Este artigo sobre leguminosas (família Fabaceae), integrado no Projeto Plantas é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.