Taraclia


Taraclia (em Búlgaro e Russo: Тараклия) é uma cidade no sul da República Moldova. É a capital do Distrito Taraclia, a 161 km de distância da capital da Moldávia, Quichinau.

Taraclia
Inscrição da entrada da cidade[1]
Inscrição da entrada da cidade[1]
Bandeira oficial de Taraclia
Bandeira
Localização no país
Localização no país
País Moldávia
Município Taraclia
Prefeito Serghei Filipov (2011-2019)
População  
  Cidade (2014) 12,335[2]
Fuso horário
  Verão (DST)
+2 (UTC+2)
+3 (UTC+3)
Website: www.taraclia.md

A Universidade Estadual da Taraclia (em Romeno: Universitatea de Stat din Taraclia), criada em 2004, foi co-financiada pela Bulgária e Moldávia. As línguas da educação são búlgara e Moldava (Romeno), sendo a maioria étnica da cidade, búlgara (Censo 2004).

HistóriaEditar

Segundo dados oficiais, Taraclia foi fundada em 1813 por imigrantes búlgaros, embora a região tenha sido povoada muito mais cedo. A cidade é um dos mais antigos assentamentos búlgaros do século XIX, que era então o sul da Bessarábia.[3]

Os primeiros colonos chegaram a Taraclia durante a Guerra Russo-Turca de 1806-1812. Em 1821 estabeleceu-se um grande grupo de assentados, que foi originalmente localizado na aldeia vizinha Aluatu. Após a Guerra Russo-Turca de 1828-1829 uma grande proporção de imigrantes búlgaros se estabeleceram na Bessarábia e especialmente na Taraclia, cerca de 49 famílias se instalaram na cidade. A última onda de migração aconteceu no ano de 1854, quando cerca de 241 pessoas lá se estabeleceram. Tendo direitos de colonos, construíram casas, igrejas e tiveram filhos, aproveitando as várias décadas de privilégios que lhes foram concedidos pelo governo da Rússia Czarista.[4]

No meio do século XX, o famoso explorador Apollon Skalkowski escreveu sobre a cidade onde narrava os residentes como: Moradores, bons afritiões, com um grande número de cabeças gado, e ovelhas, contribuindo grandemente para o sucesso da fruticultura e viticultura; As mulheres plantavam amoreiras, colhiam casulos e possuiam seda em grandes quantidades "[5]

DemografiaEditar

Estrutura étnicaEditar

Estrutura étnica da cidade conforme o censo populacional de 2014.[6]

Grupo étnico População % Porcentagem
Búlgaros 9,560 77,4%
Moldavos 793 6,4%
Gagaúzes 726 5,9%
Russos 626 5,1%
Ucranianos 369 3%
Ciganos 74 0,6%
Romenos 10 0,1%
Outros 73
Total 12,355 100%

Relações internationaisEditar

Cidades-irmãsEditar

Taraclia tem como cidades-irmãs:

LinksEditar

ReferênciasEditar

  Este artigo sobre Geografia da Moldávia é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.


Subdivisões da Moldávia  

Condados ou Distritos:

Anenii Noi | Basarabeasca | Briceni | Cahul | Cantemir | Călăraşi | Căuşeni | Cimişlia | Criuleni | Donduşeni | Drochia | Dubăsari | Edineţ | Făleşti | Floreşti | Glodeni | Hînceşti | Ialoveni | Leova | Nisporeni | Ocniţa | Orhei | Rezina | Rîşcani | Sîngerei | Soroca | Străşeni | Şoldăneşti | Ştefan Vodă | Taraclia | Teleneşti | Ungheni |

Municípios: Quixinau | Bălţi | BenderRegiões autônomas: Gagaúzia e Transnístria




  1. Monumento na entrada da cidade, em russo, Centro Búlgaro Moldavo (Центр Болгар Молдовы)
  2. Resultado de censo de população e habitação da Republica da Moldávia em 2014
  3. см.: Кабузан В.М. (1974). Народонаселение Бессарабской области и левобережных районов Приднестровья. [S.l.: s.n.] 88 páginas 
  4. http://taraclia.net/articles.php?article_id=91
  5. http://taraclia.net/articles.php?article_id=91
  6. Censo 2014 da Republica da Moldávia