Teddy Riner

judoca francês

Teddy Pierre-Marie Riner (Les Abymes, 7 de abril de 1989) é um judoca francês que conquistou a medalha de ouro nos Jogos Olímpicos de Londres 2012 e nos Jogos Olimpícos do Rio 2016, além do bronze nos Jogos Olímpicos de Pequim 2008 na categoria mais de 100 kg.[1].

Teddy Riner
Riner em 2012
Judô
Nome completo Teddy Pierre-Marie Riner
Apelido "Teddy Bear", "Big Ted"
Nascimento 7 de abril de 1989 (34 anos)
Les Abymes, Guadalupe
Nacionalidade francês
Compleição Peso: 130 kg • Altura: 2,04 m
Medalhas
Jogos Olímpicos
Ouro Londres 2012 +100 kg
Ouro Rio de Janeiro 2016 +100 kg
Ouro Tóquio 2020 Equipes mistas
Bronze Pequim 2008 +100 kg
Bronze Tóquio 2020 +100 kg
Campeonatos Mundiais
Ouro Rio de Janeiro 2007 +100 kg
Ouro Roterdã 2009 +100 kg
Ouro Tóquio 2010 +100 kg
Ouro Paris 2011 +100 kg
Ouro Rio de Janeiro 2013 +100 kg
Ouro Cheliabinsk 2014 +100 kg
Ouro Astana 2015 +100 kg
Ouro Budapeste 2017 +100 kg
Ouro Doha 2023 +100 kg
Bronze Budapeste 2017 Equipes mistas
Campeonato Europeu
Ouro Belgrado 2007 +100 kg
Ouro Istambul 2011 +100 kg
Ouro Budapeste 2013 +100 kg
Ouro Montpellier 2014 +100 kg
Ouro Cazã 2016 +100 kg
Campeonato Mundial de Tóquio em 2010

Conquistou no Campeonato Mundial de Judô de 2013 o seu oitavo título mundial, algo inédito nesta competição, Também foi o judoca mais jovem a ganhar um título mundial com 18 anos.

Até agosto de 2016, Teddy Riner havia perdido somente oito lutas: Em 2006, ele perdeu para Brayson e depois para Toelzer; em 2007, para Bianchessi e depois para Rybak; em 2008, para Muneta e depois para Vuijsters. Nos Jogos Olímpicos de 2008, veio sua sétima derrota. Ele perdeu na semi-final do torneio olímpico para o uzbeque Abdullo Tangriev, e no dia 13 Setembro de 2010 aconteceu sua última derrota. No campeonato mundial disputado em Tokyo, ele perdeu na categoria de "peso aberto" para o japonês Daiki Kamikawa. Desde então, ele emplacou, até 23 de abril de 2016, 110 vitórias seguidas.

Riner conquistou ouro nos Jogos Olímpicos do Rio, em 2016, após vencer o japonês Hisayoshi Harasawa na final por um shido de diferença.[2]

Obteve duas medalhas em Tóquio 2020, uma de bronze na categoria mais de cem quilogramas[3] e uma de ouro nas equipes mistas.[4] Em 2023, foi novamente campeão mundial, derrotando Inal Tasoev na final em Doha.[5]

Vida pessoalEditar

Teddy nasceu em Guadalupe, departamento francês em 1989, na cidade de Les Abymes. Mudou-se ainda jovem para a França, crescendo em Paris durante os anos 1990 e 2000. Durante jovem praticou diversos esportes como futebol e basquetebol, mas escolheu o judô para seguir carreira profissional aos 16 anos.

Referências

  1. «Teddy Riner» (em inglês). Official site of the London 2012 Olympic and Paralympic Games. Consultado em 4 de agosto de 2012 
  2. «Rio 2016». Rio 2016. Consultado em 12 de agosto de 2016 
  3. Hernandez, Anthony (30 de julho de 2021). «JO de Tokyo 2021 : pour Teddy Riner, en bronze, « il reste Paris 2024 »». Le Monde (em francês). Consultado em 31 de julho de 2021 
  4. «JO de Tokyo : immense exploit des judokas français, sacrés champions olympiques par équipes !». Le Parisien (em francês). 31 de julho de 2021. Consultado em 31 de julho de 2021 
  5. Martel, Clément (13 de maio de 2023). «Teddy Riner, insubmersible, décroche sa onzième étoile mondiale en judo à un an des Jeux de Paris». Le Monde (em francês). Consultado em 13 de maio de 2023 

Ligações externasEditar

  •   Media relacionados com Teddy Riner no Wikimedia Commons