Teen Wolf

Disambig grey.svg Nota: Este artigo é sobre um longa-metragem. Para outros significados, veja Teen Wolf (desambiguação).

Teen Wolf (No Brasil, O Garoto do Futuro[1]; em Portugal, Lobijovem[2]) é um filme de comédia e fantasia de 1985, dirigido por Rod Daniel e protagonizado por Michael J. Fox.

Teen Wolf
Cartaz do filme destaca Michael J. Fox
No Brasil O Garoto do Futuro
Em Portugal Lobijovem
 Estados Unidos
1985 •  cor •  92 min 
Direção Rod Daniel
Produção Mark Levinson
Scott M. Rosenfelt
George W. Perkins
Thomas Coleman
Michael Rosenblatt
Roteiro Jeph Loeb
Matthew Weisman
Tim Hayes
Elenco Michael J. Fox
James Hampton
Susan Ursitti
Jerry Levine
Mark Arnold
Scott Paulin
Gênero comédia fantástica
Música Miles Goodman
Cinematografia Tim Suhrstedt
Figurino Nancy G. Fox
Edição Louis Freeman-Fox
Distribuição Atlantic Releasing Corporation
Lançamento 23 de agosto de 1985
Idioma inglês
Orçamento US$ 1,4 milhão
Receita US$ 80 milhões

SinopseEditar

Aos dezessete anos, o estudante Scott Howard (Michael J. Fox) deseja apenas ser alguém especial. Seu pai (James Hampton) possui uma loja de ferragens e ele joga basquete para os Beavers, a equipe de sua escola que já não ganha um jogo há três anos. A garota dos seus sonhos, Pamela Wells (Lorie Griffin), namora Mick McAllister (Mark Arnold), um grandalhão que joga para o time de uma escola adversária, os Dragons.

Após perder mais um jogo, Scott começa a notar estranhas mudanças em seu corpo. Durante uma festa, as mudanças continuam a acontecer e Scott volta para casa, se tranca no banheiro, e passa por uma mudança completa, tornando-se um lobisomem. Seu pai revela-lhe então que ele descende de uma linhagem de lobisomens.

Durante o próximo jogo, Scott acidentalmente transforma-se durante a partida, revelando assim seu segredo para o público. Após o susto inicial, a multidão começa a apoiar o lobisomem que impressiona a todos com suas habilidades no esporte.

ProduçãoEditar

De acordo com Jeph Loeb,[3] um dos roteiristas do filme, Teen Wolf foi concebido especialmente para ser um veículo cinematográfico para o ator Michael J. Fox, que na época era grande sucesso na televisão com a série Family Ties. A série estava temporariamente parada pois sua protagonista, a atriz Meredith Baxter-Birney, se encontrava em licença maternidade. O ator dispunha assim de 3 semanas para rodar o filme, razão pela qual a comédia teve de ser filmada rapidamente. O roteirista, que tinha apenas 25 anos e que trabalhava no restaurante TGI Friday's na época em que escreveu o filme, afirma ter recebido apenas 2000 dólares pelo script.

O logotipo e a mascote de castor usados no filme pertenciam à Universidade do Estado do Oregon e era usado pela universidade à época das filmagens.[4]

Lançamento no Brasil e em PortugalEditar

Em Portugal, o filme recebeu o título Lobijovem, um neologismo por aglutinação calcado na palavra "lobisomem". No Brasil, por ocasião de sua estreia na quarta semana de janeiro de 1986, o filme foi primeiramente anunciado como Lobo Adolescente,[5] porém teve seu título alterado pouco antes da estreia para Garoto do Futuro (Lobo Adolescente). O título e o subtítulo foram guardados na versão lançada em VHS pelo grupo Paris Filmes. O curioso título era uma forma de tentar ligar a produção a De Volta para o Futuro, também estrelada por Michael J. Fox e que ocupava a primeira posição nas bilheterias na época. Quando o filme estreou em sua versão dublada na televisão brasileira[6] em 22 de abril de 1988 às 21h30 no canal TVS (atual SBT), o subtítulo foi deixado de lado e o filme passou a se chamar somente O Garoto do Futuro. O mesmo ocorreu na versão lançada em DVD no ano de 2012 na Coleção MGM Clássicos da Flashstar.

Referências

  1. Cineplayers, site brasileiro
  2. Cinema no Sapo, sítio português
  3. «entrevista de Jeph Loeb no podcast FatMan on Batman apresentado por Kevin Smith». Consultado em 19 de abril de 2013. Arquivado do original em 8 de abril de 2013 (em inglês)
  4. «Mascote Benny Beaver». KCcollegegameday. 27 de julho de 2009. Consultado em 19 de Abril de 2013  (em língua inglesa)
  5. Araújo, Inácio (20 de janeiro de 1986). «Estréia 'Lobo Adolescente', filme de sucesso nos EUA». Folha de S.Paulo, Caderno Ilustrada. 20.746(ano 65). 5 páginas 
  6. Nery, Mário (17 de abril de 1988). «Monstro Jogador». Folha de S.Paulo, Caderno Folhinha. 21.564(ano 68): B-7 
  Este artigo sobre um filme estadunidense é um esboço relacionado ao Projeto Entretenimento. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.