Abrir menu principal

Televisão em Angola

Question book-4.svg
Esta página ou secção cita fontes confiáveis e independentes, mas que não cobrem todo o conteúdo, o que compromete a verificabilidade (desde agosto de 2013). Por favor, insira mais referências no texto. Material sem fontes poderá ser removido.
Encontre fontes: Google (notícias, livros e acadêmico)

A Televisão em Angola, depois de algumas transmissões experimentais na década de 1960, só começou a existir oficialmente em 1975. Atualmente existem três canais a emitir em sinal aberto: os públicos TPA1 e TPA2 o privado TV Zimbo. Existe ainda dois canais a emitir via satélite, o AngoTV e a Palanca Tv [1]

HistóricoEditar

A primeira transmissão de TV em Angola aconteceu em 1962, nas instalações da Rádio Clube do Huambo (na época, Nova Lisboa). Houve novas tentativas em 1964, em Benguela, e em 1970, em Luanda. Tais emissões, porém, não tinham autorização do governo colonial. Na época, a legislação portuguesa dava à RTP o monopólio da exploração do serviço nas colônias.

Em 1969, o Ministério do Ultramar começou a estudar a implantação da televisão nas colônias. A comissão viria a autorizar a criação de companhias mistas em 1973. Surgiu assim a RPA/TPA - Radiotelevisão Portuguesa de Angola, fundada em 1 de fevereiro de 1974, com sede em Luanda.

As transmissões regulares, porém, começaram em 18 de outubro 1975, já durante a transição política e com a emissora renomeada: em vez de "Portuguesa", passou a ser "Popular". A emissora foi nacionalizada em 1976, passando a se chamar TPA - Televisão Popular de Angola. Mais tarde, seria novamente renomeada, passando a se chamar Televisão Pública de Angola[2].

A primeira transmissão em cores aconteceu em 1983[3].

Durante 33 anos, houve monopólio estatal do setor. A primeira emissora comercial autorizada a funcionar no país, a TV Zimbo, entrou no ar às 17:30 de 13 de dezembro de 2008. O canal pertence ao grupo MediaNova, também proprietário da Rádio Mais e do semanário O País[4][5].

Em 2011, o governo angolano iniciou a transição para a TV digital, adotando o padrão SBTVD/ISDB-T. A meta é concluir a migração até 2015[6].

O canal AngoTV surgiu em 11 de novembro de 2010, sendo transmitido por meio do sistema de TV por assinatura via satélite UAU!TV. Pertencente à empresa Semba Comunicações, o canal tem programação inteiramente produzida no país[7][8].

Referências

  1. «UAU!TV com novo canal na sua grelha denominado AngoTv». ANGOP. Consultado em 11 de novembro de 2015 
  2. Televisão em Angola. Apontamentos para a história da Radiodifusão de Angola
  3. Televisão Pública de Angola comemora hoje 37 anos de existência. Angola Press, 18 de outubro de 2012
  4. Primeira televisão privada angolana vai para o ar. O País, 13 de dezembro de 2008
  5. MediaNova lança hoje TV Zimbo. Angola Press, 13 de dezembro de 2008
  6. Inauguração da TV Digital vai revolucionar média angolana. AngolaPress, 7 de março de 2012
  7. UAU!TV com novo canal na sua grelha denominado AngoTv. Angola 24 Horas, 4 de dezembro de 2010
  8. Tchizé abre seu próprio canal de TV. Club-K, 23 de novembro de 2010

Ligações externasEditar