Templo de Edfu

O Templo de Edfu é um templo egípcio situado na margem oeste do Nilo em Edfu, Alto Egito.[1]

A entrada principal do Templo de Edfu mostrando o primeiro poste

HistóriaEditar

O templo atual, que foi iniciado "em 23 de agosto de 237 a.C., inicialmente consistia em um salão de pilares, dois salões transversais e um santuário barroco cercado por capelas". O edifício foi iniciado durante o reinado de Ptolomeu III Euergetes e concluído em 57 a.C. sob Ptolomeu XII Auletes.[2]

O Templo de Edfu está quase intacto e um bom exemplo de um antigo templo egípcio.[3] Seu significado arqueológico e alto estado de preservação tornou-o um centro turístico no Egito e uma parada frequente para os muitos barcos fluviais que cruzam o Nilo. Em 2005, o acesso ao templo foi renovado com a adição de um centro de visitantes e estacionamento pavimentado.[4] Um sofisticado sistema de iluminação foi adicionado no final de 2006 para permitir visitas noturnas.[5]

Significado religiosoEditar

O templo de Edfu é o maior templo dedicado a Hórus e Hathor de Dendera.[6] Foi o centro de vários festivais sagrados para Hórus. Todos os anos, "Hathor viajava para o sul de seu templo em Dendera para visitar Hórus em Edfu, e este evento marcando seu casamento sagrado foi a ocasião de um grande festival e peregrinação."[7]

Referências

  1. «Edfu Temple Facts | Edfu Temple History | Edfu Temple Information». Trips in Egypt (em inglês). 4 de outubro de 2018. Consultado em 12 de março de 2021 
  2. «Horus Temple at Edfu, Egypt». buffaloah.com. Consultado em 12 de março de 2021 
  3. David., op. cit., p.99
  4. «SPOTLIGHT INTERVIEW 2005 - Dr. Zahi Hawass». Consultado em 25 de abril de 2007 
  5. «Night visits to Temple of Horus allowed as of New Year». Consultado em 26 de abril de 2007 
  6. David, op. cit., p.99
  7. David., op. cit., p.99