Teodoro II de Alexandria

Teodoro II de Alexandria
Πατριάρχης Θεόδωρος Β΄
Patriarca
Sua Santidade o 124.º Papa e Patriarca de Alexandria e toda a África

Igreja

Igreja Ortodoxa Grega de Alexandria
Hierarquia
Ordenação e nomeação
Ordenação presbiteral 1975
Nomeação episcopal 1990
Ordenação episcopal por Partênio III
Nomeado metropolita setembro de 1997
Patriarcado
Nomeado Patriarca 9 de outubro de 2004
Entronizado 24 de outubro de 2004
Dados pessoais
Nome secular Nikolaos Horeftakis
Nascimento Grécia Chania
25 de novembro de 1954 (65 anos)
Nacionalidade grego
Funções exercidas - Exarca Patriarcal na Rússia
- Metropolita de Camarões
- Metropolita de Zimbábue
Portal:Igreja Ortodoxa
Projeto Cristianismo

Teodoro II de Alexandria (nascido Nikolaos Horeftakis, em grego: Πάπας και Πατριάρχης Αλεξανδρείας και πάσης Αφρικής Θεόδωρος Β΄, em 25 de novembro de 1954) é o atual "Papa e Patriarca de Alexandria e toda a África". É o atual líder da Igreja da África Oriental e Madagascar.[1]

BiografiaEditar

Ele nasceu na ilha grega de Creta, em 1954, onde completou a sua escolaridade. Ele é graduado da Escola Eclesiástica Rizarios em Atenas e é formado pela Faculdade de Teologia da Universidade Aristotélica de Salônica. Ele também estudou História da Literatura, Arte e Filosofia em Odessa. De 1975 a 1985 atuou como Arquidiácono e Chanceler da Metropolis dos Santos Lambis e Sfakion em Creta, onde ele desenvolveu pregação significativa e atividades filantrópicas (albergues para jovens carentes, etc.) De 1985 a 1990 atuou como Exarca Patriarcal na Rússia, com sede na cidade ucraniana de Odessa, durante a posse dos Patriarcas Nicolau VI e Partênio III.

Em 1997 foi nomeado Vigário Patriarcal de Alexandria pelo falecido Patriarca Pedro VII. Em setembro do mesmo ano foi eleito Metropolita dos Camarões. Durante seu mandato lá, ele desenvolveu uma atividade missionária significativa. Ele construiu igrejas, escolas e clínicas, ajudando discretamente muitos africanos e gregos. Em 2002, ele se estabeleceu na Santa Metrópole no Zimbábue, onde estabeleceu 4 centros missionários na capital Harare, um Centro Cultural Helênico com capacidade para 400 delegados, 2 grandes centros missionários em Malaui, clínicas de habitação, escolas técnicas e creches. Com a ajuda do Parlamento Grego renovou a “Praça Grega” (Escola-Igreja-Vigaria) em Beira, Moçambique. Ele também lançou as bases para igrejas e contribuiu para o estabelecimento de Comunidades Helênicas em Botswana e Angola.[2]

Após a morte do Patriarca Pedro e outros antigos bispos em um acidente de helicóptero no Mar Egeu, Teodoro foi eleito por unanimidade em 9 de outubro de 2004 pelo Sínodo do Trono de Alexandria como Patriarca. A cerimônia de entronização aconteceu na Catedral da Anunciação, em Alexandria, no domingo 24 de outubro, na presença de ilustres representantes religiosos e civis e um grande número de fiéis.[2]

Em novembro de 2019, o Patriarca Teodoro II reconheceu formalmente a autocefalia concedida pelo Patriarcado Ecumênico de Constantinopla à Igreja Ortodoxa da Ucrânia no início daquele ano.[3][4] Em resposta, o Patriarcado de Moscou cortou a comunhão eucarística com o Patriarca Teodoro e os bispos de sua igreja com idéias semelhantes, uma decisão que foi confirmada pelo Santo Sínodo Permanente da Igreja Ortodoxa Russa em 26 de dezembro de 2019.[5][6][7]

Referências

  1. «AngolaPress - News». www.angolapress-angop.ao. Consultado em 12 de maio de 2008 [ligação inativa]
  2. a b Biografia de Teodoro II no site do Patriarcado
  3. «The Patriarchate of Alexandria recognizes the Autocephalous Church of Ukraine (upd)». Orthodox Times (em inglês). 8 de novembro de 2019. Consultado em 8 de novembro de 2019 
  4. «Letter sent by Patriarch Theodore to hierarchs on recognition of Ukrainian autocephaly». Orthodox Times (em inglês). 8 de novembro de 2019. Consultado em 8 de novembro de 2019 
  5. «Священный Синод принял меры в связи с признанием Предстоятелем Александрийского Патриархата раскольнической структуры на Украине». patriarchia.ru (em russo). 26 de dezembro de 2019. Consultado em 26 de dezembro de 2019 
  6. «ROC breaks off the communion with Patriarch of Alexandria because of their recognition of OCU, - the decision of the Synod». risu.org.ua (em inglês). 26 de dezembro de 2019. Consultado em 28 de dezembro de 2019 
  7. «РПЦ считает невозможным дальнейшее поминовение Александрийского патриарха». www.interfax-religion.ru. 8 de novembro de 2019. Consultado em 8 de novembro de 2019 

Ligações externasEditar

  • «Biografia de Teodoro II». Official web site of the Greek Orthodox Patriarchate of Alexandria and All Africa. Consultado em 8 de fevereiro de 2011 

Precedido por
Pedro VII
 
Papa e Patriarca de Alexandria e toda a África

2004
Sucedido por