Tibério Minúcio Augurino

político

Tibério Minúcio Augurino (m. 305 a.C.; em latim: Tiberius Minucius Augurinus) foi um político da gente Minúcia da República Romana eleito cônsul em 305 a.C. com Lúcio Postúmio Megelo.

Tibério Minúcio Augurino
Cônsul da República Romana
Consulado 305 a.C.
Morte 305 a.C.
  Boviano?

Primeiro consulado (305 a.C.)Editar

 Ver artigo principal: Segunda Guerra Samnita

Megelo foi eleito cônsul em 305 a.C. com Lúcio Postúmio Megelo.[1] Já nos movimentos finais da Segunda Guerra Samnita, os dois cônsules se dirigiram a Sâmnio para continuar a guerra, cada um numa região diferente: Postúmio seguiu para Tiferno e Megelo, a Boviano (Bojano). Postúmio, que comandava a coluna oriental, superou uma forte resistência samnita em Tiferno antes de se juntar novamente à coluna de Megelo. Juntos, os exércitos lutaram na Batalha de Boviano, que foi a vitória decisiva e final da guerra,[1] pois os samnitas pediram a paz após a perda de Boviano. Lívio relata que, segundo alguns dos autores consultados por ele, Tibério Minúcio teria sido morto neste combate[1] e Marco Fúlvio Curvo Petino foi nomeado cônsul sufecto em seu lugar.[1]

Ver tambémEditar

Cônsul da República Romana
 
Precedido por:
'Quinto Márcio Trêmulo

com Públio Cornélio Arvina

Lúcio Postúmio Megelo
305 a.C.

com Tibério Minúcio Augurino
com Marco Fúlvio Curvo Petino (suf.)

Sucedido por:
'Públio Semprônio Sofo

com Públio Sulpício Saverrião


Referências

  1. a b c d Lívio, Ab Urbe condita IX, 44.

BibliografiaEditar

  • Broughton, T. Robert S. (1951). «XV». The Magistrates of the Roman Republic. Volume I, 509 B.C. - 100 B.C. (em inglês). I. Nova Iorque: The American Philological Association. 578 páginas