Abrir menu principal

Til

sinal diacrítico
Disambig grey.svg Nota: Não confundir com Titlo. Para outros significados, veja Til (desambiguação).
Question book-4.svg
Esta página cita fontes confiáveis e independentes, mas que não cobrem todo o conteúdo (desde junho de 2017). Ajude a inserir referências. Conteúdo não verificável poderá ser removido.—Encontre fontes: Google (notícias, livros e acadêmico)
O til.
Diacríticos

acento
  acento grave ( ` )
  acento agudo ( ´ )
  acento agudo duplo ( ˝  )
  acento grave duplo (  ̏  )
  acento circunflexo ( ^ )
  acento mácron ( ¯ )
  acento bráquia ( ˘ )
  braquia invertida ( ◌̑ )
caron ( ˇ )
cedilha ( ¸ )
trema / diérese ( ¨ )
ponto
  ponto mediano ( · )
  anunaasika ( ˙ )
  anusvara (    ̣ )
  chandrabindu ( ँ   ঁ   ઁ   ଁ ఁ )
gancho / dấu hỏi ( ̡ ̢  ̉ )
corno / dấu móc (  ̛ )
gancho polaco / ogonek ( ˛ )
anel / kroužek ( °)
spiritus asper (   ῾   )
spiritus lenis (   ᾿   )

Sinais utilizados por vezes como diacríticos

apóstrofo ()
barra ( / | )
dois pontos ( : )
vírgula ( , )
hífen ( - )
til ( ~ )
titlo(  ҃ )

editar

O til ou tilde (~; plural tis, tiles[1][2][3] ou tildes) é um sinal diacrítico que serve para anasalar as vogais. Em português, utiliza-se sobre o a (ex: melão) e o o (ex: melões) e muito raramente no português arcaico (galego-português) sobre outras vogais também, por exemplo nas palavras mũito, ruĩ (ou seja ruim) e ẽarcar, ẽarcado e desẽalmado, estas últimas ainda surgem em alguns dicionários portugueses modernos.[4]

Historicamente, o til era uma abreviatura da letra n ou m em posição de travamento silábico, escrito por cima da linha.[5] Em latim, por exemplo, "Cũ ejusdẽ [...] diligẽtissime" (cum eiusdem [...] diligentissime). Em português, essa indicação passou a designar um sinal de nasalização. A referência mais antiga à definição do til é do século XVI na Gramática de João de Barros.

O til utiliza-se também nos seguintes idiomas:

EmpregoEditar

PortuguêsEditar

Em português, o til sobrepõe-se sobre as letras a e o para indicar vogal nasal.

Pode aparecer em sílaba:

  • tônica: balão, corações, maçã, cãibra;
  • pretônica: balõezinhos, grã-fino;
  • átona: órgão, bênçãos.

Outros exemplos:

  • Capitães, limão, mamão, bobão, chorão, devoções, põem, etc.

Observação: Se a sílaba onde figura o til for átona, acentua-se graficamente a sílaba predominante; a exemplo de "órfãos", "acórdão".

Galaico-portuguêsEditar

Em galaico-português, o til era usado em hiatos de uma vogal nasal seguida de outra vogal.

  • maçãa (maçã, /ma.ˈt͡sã.a/)
  • chẽo (cheio, /ˈt͡ʃẽ.o/)
  • mĩudo (miudo, /mĩ.ˈu.do/)
  • bõo (bom, /ˈbõ.o/)
  • ũa (uma, /ˈũ.a/)

E em abreviaturas de consoante que indica nasalização. Por exemplo: , abreviatura de con (com).

Ver tambémEditar

Referências

  1. Ciberdúvidas/ISCTE-IUL. «Plural de til - Ciberdúvidas da Língua Portuguesa». ciberduvidas.iscte-iul.pt. Consultado em 19 de julho de 2017 
  2. «PLURAL DE - "TIL" -». Recanto das Letras 
  3. «Plural de til». Dicio 
  4. Ciberdúvidas/ISCTE-IUL. «Til, de novo - Ciberdúvidas da Língua Portuguesa». www.ciberduvidas.com. Consultado em 19 de julho de 2017 
  5. Anazarbos.), Dioscorides Pedanius (of (1523). De medica materia libri sex, interprete Marcello Virgilio. Cũ ejusdẽ annotationibus, nuperque diligẽtissime excusi. [S.l.: s.n.] Consultado em 17 de novembro de 2008 
  Este artigo sobre linguística ou um linguista é um esboço relacionado ao Projeto Ciências Sociais. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.