O VS-50 (foguete suborbital VS-50) é um projeto de foguete de sondagem desenvolvido em conjunto pelo Instituto de Aeronáutica e Espaço (IAE) e pela Agência Espacial Alemã (DLR).[1]

VS-50
Função Foguete de Sondagem/Testar Subsistemas do VLM-1
Fabricante BrasilIAE
AlemanhaDLR
Tamanho
Altura 12 m
Diâmetro 1,46 m
Estágios 2
Estado Em desenvolvimento
Primeiro nível
Motores S-50 (material composto)
Propulsão
Tempo de queima 84 segundos
Combustível Sólido
Segundo nível
Motores S-44
Propulsão 33,24 kN
Tempo de queima 68 segundos
Combustível Sólido

CaracterísticasEditar

Trata-se de um veículo suborbital que utiliza combustível sólido, possuindo dois estágios: o primeiro utiliza o motor S50 (fabricado em material composto.[2]) e o segundo utiliza o motor S44. Possui 12 m de comprimento, diâmetro de 1,46 m e massa aproximada de 15 toneladas, podendo levar até 500 kg de carga útil.[1][3]

O Brasil (IAE) ficou responsável desenvolvimento dos motores S50 e S44, pelo sistema de navegação reserva, pela infraestrutura para o lançamento e segurança de voo e pela gestão da documentação dos projetos. O desenvolvimento e qualificação dos demais sistemas ficam sob responsabilidade da Alemanha (DLR).[1]

ObjetivosEditar

O foguete será o usado principalmente para desenvolver, fabricar e qualificar em voo o motor S50, além componentes a serem usados no foguete VLM-1. Também será usado em ensaios de microgravidade e experimentos hipersônicos (como por exemplo o projeto SHEFEX alemão).[1][3]

DesenvolvimentosEditar

  • No dia 22 de dezembro de 2016 foi assinado um contrato entre o IAE e a AVIBRAS para a produção de oito motores S50 e seus acessórios. Sendo que os motores 1 e 2 serão utilizados para ensaios de engenharia (ensaios estrutural e de ruptura). Os motores 3 e 4 para testes de queima em banco de testes no solo. Os motores 5 e 6 para validação durante os voos dos foguetes VS-50 e o motores 7 e 8 serão usados no foguete VLM-1.[4][5]
  • Nos dias 15 e 16 de novembro de 2018, nas instalações da Avibras, foram realizados ensaios de aceitação e ruptura do envelope no motor S50, com os resultados estando em conformidade com os requisitos do projeto.[6] [2]
  • No dia 5 de novembro de 2019 ocorreu o ensaio de queima do primeiro protótipo do ignitor do motor S-50.[7]
  • No dia 13 de julho de 2021 foi concluido a segunda fase da Operação Santa Maria,que integrou um motor S-50 inerte e carregado na Mesa de Lançamentos da Torre Movel de Integração (TMI). [8]
  • No dia 01 de outubro de 2021 foi realizado um teste de queima do motor S50, de forma estática em um banco de provas. O teste durou cerca de 84 segundos e queimou 12 toneladas de combustível. O objetivo era testar a resistência e o desempenho do motor e foi considerado um sucesso.[9][10]

Referências

  1. a b c d «Revisão preliminar do projeto (PDR) VS-50». Instituto de Aeronáutica e Espaço. 18 de julho 2017. Consultado em 8 de fevereiro de 2020 
  2. a b «Realizações Técnicas». Relatório de atividades 2018 (PDF). São José dos Campos: Linceu Editorial. 2019. Consultado em 8 de fevereiro de 2020 
  3. a b «VS-50». Agência Espacial Brasileira. 22 de abril de 2018. Consultado em 8 de fevereiro de 2020 
  4. «Contrato garante produção de oito motores S50». Agência Espacial Brasileira. 11 de janeiro de 2017. Consultado em 8 de fevereiro de 2020 
  5. «Instituto de Aeronáutica e Espaço (IAE), assinou contrato para produção de oito motores S50». Defesa Aérea & Naval. 27 de dezembro de 2016. Consultado em 8 de fevereiro de 2020 
  6. «INSTITUTO DE AERONÁUTICA E ESPAÇO (IAE) E AVIBRAS REALIZAM IMPORTANTES ENSAIOS DO PROJETO VLM-1». Instituto de Aeronáutica e Espaço. 23 de novembro de 2018. Consultado em 8 de fevereiro de 2020 
  7. «IAE realiza 1° ensaio de queima do ignitor S50». Instituto de Aeronáutica e Espaço. 14 de janeiro de 2020. Consultado em 8 de fevereiro de 2020 
  8. «Realizada a segunda fase da Operação Santa Maria». Agência Espacial Brasileira. Consultado em 11 de agosto de 2021 
  9. Nelson Düring (2 de outubro de 2021). «Exclusivo - DefesaNet resgistra Ensaio Motor S50». DefesaNet. Consultado em 3 de outubro de 2021 
  10. Coordenação de Comunicação Social - CCS (3 de outubro de 2021). «Teste do motor S50 foi um sucesso». Agência Espacial Brasileira. Consultado em 3 de outubro de 2021 

Ver tambémEditar