Abrir menu principal

Viña del Mar (pronuncia-se ['bi.ɲa.ðel'maɾ] em espanhol) é uma comuna da província de Valparaíso, localizada na região de Valparaíso, que é a V região do Chile. Possui uma área de 121,6 km² e em 2002 possuía uma população de 286 931 habitantes.

Vinha do Mar
Viña del Mar
Montaje de Viña del Mar.jpg
Bandeira oficial de Vinha do Mar
Brasão oficial de Vinha do Mar
Bandeira Brasão
Apelido: "Cidade Jardim"
Vinha do Mar está localizado em: Chile
Vinha do Mar
Localização de Vinha do Mar ( Chile)
Coordenadas 33° S 71° 31' O
País  Chile
Cidade e Comuma
Alcalde Virginia Reginato Bozzo
Área  
  Total 121,6 km²
População  
  Cidade (2002) 286 931
    Densidade   136,318/km²
Fuso horário UTC -4 (UTC)
Website: [http://[http://www.vinadelmarchile.cl

Viña del Mar é uma das 5 comunas que compõem a conurbação da Gran Valparaíso (a região metropolitana da cidade de Valparaíso).

A origem toponímica de Viña del Mar provém dos vinhedos plantados na Fazenda Siete Hermanas.

Viña del Mar é conhecida popularmente no Chile como la Ciudad Jardín (a cidade-jardim).

Índice

HistóriaEditar

Viña del Mar nasceu da fusão de duas fazendas, las Siete Hermanas e Viña del Mar propriamente dita. O limite entre ambas era o estuário de Marga Marga, que atualmente cruza a cidade ao meio. A norte, nas Siete Hermanas, se plantaram vinhedos que, com o passar do tempo, se tornaram conhecidos como la viña de la mar, que derivaria no atual nome "Viña del Mar".

Em 1855 começa a funcionar a ferrovia entre Valparaíso e Viña del Mar, o que estimulou as primeiras compras de terrenos. A 31 de maio de 1878 don José Francisco Vergara Echevers conseguiu que o governo chileno fundasse a cidade por decreto do Presidente da República, na época Aníbal Pinto Garmendia. Já na década de 1930, todo o plano central da cidade estava coberto por edificações. O bairro de Recreo, situado nos morros do caminho que une Viña com Valparaíso, foi um dos primeiros a surgir. Depois surgiu ao norte o bairro de Santa Inés. Na década de 1960 se abriu para leste, o bairro de Miraflores, hoje um dos maiores da cidade. Depois surgiu o bairro de Reñaca, que cresceu até converter-se num bairro de classe média-alta.

No começo do século XX a cidade se converteu em um balneário destacado. Era a época em que a aristocracia descobria os benefícios dos banhos de mar e do ar livre, o que tornou Viña del Mar um lugar de lazer e recreação. Desde então, suas praias têm sido uma poderosa atração turística.

Também é tem um papel de cidade industrial contando com a Compañía Refinera de Azúcar de Viña del Mar (CRAV), fundada em 1873, e a empresa Levis & Murphy y Cía, fundada em 1883. As avenidas Libertad e San Martín são importantes vias de comércio.

 
Plaza Sucre

A partir da década de 1980, com o surgimento das universidades privadas e a expansão das universidades estatais, Viña del Mar passou a adquirir ares de cidade universitária, graças à criação de novas faculdades.

Em 1929 foi instalado no Cerro Castillo o palácio presidencial. Mais ou menos nesta época foi criado o cassino da cidade. A partir da década de 1960 começou a popularizar-se em nível mundial o Festival Internacional da Canção de Viña del Mar, organizado em fevereiro de cada ano. A antiga via férrea da cidade foi substituída em 2005 por uma linha de metrô, liga Viña del Mar a Valparaíso e aoutras cidades vizinhas.

Na região existem outras praias importantes e bonitas para conhecer, como Algarrobo (onde está localizada a maior piscina do mundo) e Isla Negra (onde fica uma das casas de Pablo Neruda).

DemografiaEditar

Segundo dados recolhidos pelo censo de 2002 do Instituto Nacional de Estadísticas, a comuna possui uma superfície de 122 km² e uma população de 286 931 habitantes. A cidade acolhe 18,63% da população total da região, e 100% de sua população é urbana.

EconomiaEditar

Viña del Mar é considerada a capital turística do Chile, graças aos grandes dividendos gerados por este setor econômico. A cidade conta com ampla rede hoteleira e se fortaleceram durante os últimos anos todos os espaços que possam significar uma receita econômico advinda do turismo.

Um dos locais de destaque é o Casino Viña del Mar, inaugurado em 1929 e durante anos um dos poucos cassinos existentes no Chile. Na atualidade possui também o Hotel del Mar, que manteve o perfil clássico do cassino.

 
Relógio de flores, um dos símbolos da cidade.

O balneário de Reñaca é um dos mais importantes da cidade pelo grande número de visitantes, apesar de suas praias rochosas. O Jardín Botánico Nacional é outro atrativo, com cerca de 3 000 espécies distintas de plantas.

 
Praia Reñaca
 
Estero Marga Marga
 
Praia Concón

O Relógio de flores, situado diante da praia de Caleta Abarca, na avenida que a une a Valparaíso, foi construído especialmente para dar as boas vindas à Copa do Mundo de Futebol de 1962, disputada na cidade.

O molhe (muelle) Vergara foi construído como um embarcadouro de mercadorias. Hoje não tem mais a função função comercial, mas é um dos passeios mais interessantes da cidade, pois permite ver a baía de Valparaíso em toda sua amplitude.

O Festival Internacional de Cinema de Viña del Mar é considerado um dos festivais cinematográficos mais importantes do Chile. Mas um dos mais conhecidos eventos da cidade é o Festival Internacional da Canção de Viña del Mar, realizado no anfiteatro localizado na Quinta Vergara, uma das maiores áreas verdes da cidade.

EducaçãoEditar

Na cidade estão os campi centrais de três universidades privadas: Universidad Adolfo Ibáñez, Universidad de Aconcagua e Universidad del Mar. Outras são a Universidad Marítima de Chile, a Universidad de Las Américas, a Universidad Nacional Andrés Bello a "Universidad Santo Tomás" e a Universidad de Viña del Mar.

EsportesEditar

O Estádio Sausalito foi sede da Copa do Mundo de Futebol de 1962. Atualmente neste recinto esportivo joga o Everton, uma equipe local de futebol.[1]

Na cidade está também o Valparaíso Sporting Club, um dos mais destacados clubes hípicos do Chile.

Cidades-irmãsEditar

Viña del Mar é geminada com as seguintes cidades:

Ver tambémEditar

Ligações externasEditar