Abrir menu principal
Disambig grey.svg Nota: Se procura o pintor português (1944 —), veja Victor Costa (pintor).
Victor Costa
Nascimento 31 de dezembro de 1907
São Paulo (SP)
Nacionalidade brasileiro
Morte 22 de dezembro de 1959
São Paulo (SP)
Ocupação roteirista
radialista
empresário

Victor Petraglia Geraldini (São Paulo, 31 de dezembro de 1907[1] — São Paulo, 22 de dezembro de 1959), mais conhecido como Victor Costa, foi um roteirista, radialista e empresário brasileiro.[2]

BiografiaEditar

Iniciou sua carreira profissional nas artes como "ponto" de teatro (pessoa responsável por acompanhar o script, dentro de um espaço escondido, e ler para os atores falas esquecida). Em 1938, começou a trabalhar como rádio-ator para a Rádio Nacional do Rio de Janeiro, na ocasião a emissora de maior prestígio do Brasil e a única que era ouvida em todo o país. Depois, subiu de posto, tornando-se diretor de radioteatro e, por fim, diretor-geral.[3][4]

Deixou a Nacional na década de 1950 e foi para São Paulo, onde se tornou empresário do ramo comunicações. Adquirindo ou montando emissoras de radio e TV pelo país, fundou a Organização Victor Costa, grupo que viria a competir em um mercado dominado pelas Emissoras Associadas, de Assis Chateaubriand, e Emissoras Unidas, de Paulo Machado de Carvalho. Em São Paulo, Costa fundou a Rádio Nacional e comprou a Rádio Excelsior.[3] Em 1955, comprou a TV Paulista, e em 1959 obteve a concessão do canal 9, que viria a se tornar a TV Excelsior. Mas com a saúde fragilizada, o empresário adoeceu e faleceu no Hospital Beneficência Portuguesa paulistano, vítima de câncer, em 22 de dezembro deste ano.[3]

Ver tambémEditar

Referências

  1. «Os Marechais do Rádio». Revista do Rádio Editora Ltda. Revista do Rádio (n°170): pg. 6 9 de dezembro de 1952 
  2. Quem é quem no Brasil - Biografias contemporâneas (Volume 6). São Paulo: Sociedade Brasileira de Expansão Comercial Ltda. 1961. 165 páginas 
  3. a b c Virgílio, Marcos (2010). São Paulo 1946 - 1957 - Representações da cidade na música popular. São Paulo: Biblioteca 24x7. 29 páginas. ISBN 85-78931-20-3 
  4. Morgado, Fernando (2008). Almanaque Fernando Morgado Televisionado (PDF). Rio de Janeiro: [s.n.] pp. 77–79 
  Este artigo sobre Rádio é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.