Xhafer Ypi

Xhafer Bej Ypi (IPA: [dʒafɛɾ yp bɛj]; 1880, Starje - Dezembro de 1940), era um Bektashis muçulmano e político albanês.[1]

Xhafer Ypi
10.º Primeiro-ministro da Albânia
Período Janeiro - 26 de dezembro de 1922
Antecessor(a) Omer Pasha Vrioni II
Sucessor(a) Ahmet Zog
Dados pessoais
Nascimento 12 de janeiro de 1880
Albânia otomana
Morte 17 de dezembro de 1940 (60 anos)
Albânia italiana
Partido Partido Popular
Assinatura Assinatura de Xhafer Ypi

Seus pais eram Asilan (um fazendeiro) e Zavalani, e Ypi licenciou-se na universidade de Istambul.

Em 1920-1921, ele foi ministro da Administração Interna e Ministro da Justiça. Ocupou também o cargo de Ministro da Instrução Pública.

Como líder do Partido Popular, em finais de dezembro de 1921, formou um governo onde Fan S. Noli foi o ministro dos Negócios Estrangeiros e Ahmed Zogu era o ministro da Administração Interna. Ypi foi primeiro-ministro[1] até 4 de dezembro de 1922 e, em 1922, após a renúncia de Noli, acumulou, interinamente, as funções de ministro das Relações Exteriores.

De 2 de dezembro de 1922 até 31 de janeiro de 1925, Ypi foi membro do Conselho Superior (entidade colegial que chefiava o Estado colegial, posição anteriormente detida por Guilherme de Wied). Em junho de 1924, deixa a Albânia por causa da revolta de Noli mas, oficialmente, continuou a manter o cargo.

Durante o reinado Zog, Ypi era inspetor-chefe da Corte Real.

Quando teve início a ocupação italiana, Ypi saudou os italianos que tinham "libertado" a Albânia "da pesada escravidão do sanguinário Zogu". Depois do rei Zog ter fugido, de 9 abril a 12 abril Ypi foi presidente e Plenipotenciário da Justiça da Administração de Comissão Provisória e, assim, agindo como chefe de Estado. A partir de 12 de abril, ele foi o Ministro da Justiça no governo de Shefqet Verlaci. Foi morto por um bombardeamento aérea.

Referências

  1. a b Bido, Ardit (2020). The Albanian Orthodox Church: A Political History, 1878–1945 (em inglês). Abingdon-on-Thames: Routledge. p. 97. ISBN 9780429755460 

Precedido por
Idhomene Kosturi
Primeiro-Ministro da Albânia
Janeiro de 1922 - Dezembro de 1922
Sucedido por
Ahmet Zogu
Precedido por
Ahmet Zogu
Regente da Albânia
1939
Sucedido por
Shefqet Bej Verlaci (regente)


  Este artigo sobre uma pessoa é um esboço relacionado ao Projeto Biografias. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.