Abrir menu principal

Wikipédia β

A Onda

Disambig grey.svg Nota: Para o filme alemão homônimo de 2008, veja Die Welle.
Autocarro da Onda.

A A Onda, mais conhecida por Onda ou Onda de Lagos, é um serviço rodoviário de passageiros, que opera no Concelho de Lagos, no Distrito de Faro, em Portugal.

Índice

CaracterizaçãoEditar

Esta entidade tem 9 linhas ou serviços, que ligam várias localidades no Concelho de Lagos entre si; as paragens mais servidas encontram-se no centro de Lagos, que é a localidade mais importante do Concelho[1]. Os títulos são vendidos na sucursal da Renex em Lagos, no terminal rodoviário da mesma cidade, e nas Juntas de Freguesia de Bensafrim, Luz e Odiáxere.[2] O serviço, que atinge, aproximadamente, 90% da população do concelho[3], é assegurado por uma frota de 14 veículos.[4] Os veículos são enquadrados em 2 categorias, Ondinhas, de pequena dimensão, e Ondas, de média capacidade.[5] Os veículos detêm plataformas para o acesso a utentes em cadeiras de rodas, e cumprem a norma Euro IV do Padrão europeu de emissões, com reduzidos índices de emissão poluentes e motores muito silenciosos.[5]

A gestão deste serviço é efectuado pela empresa municipal FuturLagos - Empresa Municipal para o Desenvolvimento[6], tendo esta concessionado o serviço ao operador Translagos; esta empresa é detida em 80% pela Eva Transportes S. A. e em 20% pela Frota Azul (Algarve), ambas parte do Grupo Barraqueiro.[7]

CarreirasEditar

Desde 13 de Setembro de 2010, estão disponíveis 9 linhas (ondas) que servem as populações da cidade de Lagos e as povoações em redor.

1. Onda VermelhaEditar

Circular Interna de Lagos

Inicia o percurso junto à antiga estação da CP de Lagos, indo em direcção à Av. dos Descobrimentos. Segue até ao Lar J. Filipe Fialho, Finanças, CTT. Depois de passar pelo Quiosque do Ambiente desce até ao Cemitério Antigo, seguindo até à Escola EB 2,3 nº1 de Lagos; termina o percurso novamente junto à antiga estação da CP de Lagos, passando pelo Complexo Desportivo.

Esta linha tem uma frequência de 30 minutos durante os dias úteis e Sábados até às 14:15. Nos restantes dias a frequência é de 60 minutos.

2. Onda AzulEditar

Meia Praia <> Porto de Mós

Inicia o percurso junto ao Forte da Meia Praia, indo em direcção à Av. dos Descobrimentos. Daqui passa pelo Lar J. Filipe Fialho, seguindo até à Praia D. Ana. A partir deste praia dirige-se até à praia Porto de Mós. Daqui volta à Meia Praia por um percurso semelhante.

Esta linha tem uma frequência de 60 minutos durante os dias úteis e Sábados até às 13:00. Nos restantes dias a frequências é de 120 minutos.

3. Onda RosaEditar

Lagos <> Odiáxere (via Chinicato)

4. Onda AmarelaEditar

Lagos <> Burgau/Almádena (via Luz)

5. Onda LaranjaEditar

Lagos <> Montes Juntos (via Sargaçal)

6. Onda VerdeEditar

Lagos <> Barão de São João (via Monte Judeu/Bensafrim)

Esta linha passa pelas Portelas.

7. Onda CastanhaEditar

Lagos <> Bensafrim (via Colégio)

Esta linha passa pelas Portelas.

8. Onda LilásEditar

Lagos <> Colinas Verdes (via Odiáxere)

9. Onda TurquesaEditar

Portas de Portugal <> Escola Tecnopólis

Esta linha foi criada com o intuito de servir a nova Escola Tecnopólis, passando por zonas que deixaram de ser servidas pelas Ondas Vermelha e Azul a partir de 13 de Setembro de 2010.

A frequência desta linha é de 30 minutos durante os dias úteis e Sábados até às 13:15. Nos restantes dias a frequências é de 60 minutos.

HistóriaEditar

O serviço original de transportes urbanos no concelho era denominado de Translagos, que fazia aproximadamente os mesmos percursos. Porém, na reunião ordinária da Câmara Municipal de Lagos de 22 de Agosto de 2007, Reis Simões, consultor dos transportes, declarou que o serviço da Translagos era ilegal, devido ao facto do seu suporte legal ter cessado de existir.[8] Em 14 de Janeiro de 2008, a Câmara Municipal de Lagos, assinou, na sequência de um concurso público para a concessão de um sistema de transportes públicos para o Concelho, um contrato com a empresa “Translagos – Transportes Públicos, Limitada”; este contrato foi aprovado pelo Tribunal de Contas a 6 de Fevereiro.[3]

Em 22 de Março do mesmo ano, procedeu-se à inauguração do serviço, numa cerimónia levada a cabo na Praça do Infante, em Lagos; nessa altura, apenas existiam 7 linhas, asseguradas por 11 veículos.[5]

Em 3 de Abril, a Assembleia Municipal de Lagos, sob proposta da Câmara Municipal, aprovou a atribuição de várias orientações estratégicas à empresa municipal FuturLagos[9]; uma dessas orientações, corporizada no Contrato de Gestão a celebrar entre o Município de Lagos e a FuturLagos sobre a Gestão do Sistema de Transportes Públicos de Lagos, determinou que esta deveria passar a assegurar o transporte rodoviário de passageiros no concelho de Lagos, através da gestão do sistema de transportes urbanos de Lagos, denominado A Onda.[9] Com esta medida, ambicionou-se que a gestão deste sistema de transportes fosse feita de forma global, e que se verificasse um aumento das receitas da exploração do serviço, através da venda de títulos e em publicidade no material circulante e nas paragens, e de redução de custos, ao aplicar-se uma gestão centralizada do serviço.[9]

Em 2009, um protocolo entre as empresas FuturLagos e Lagos em Forma concedeu aos utilizadores do serviço A Onda descontos no uso dos equipamentos desportivos no Concelho de Lagos.[10]

A 12 de Abril de 2010, A Onda classificou-se em terceiro lugar no Prémio Acessibilidades aos Transportes, promovido pelo Instituto da Mobilidade e dos Transportes Terrestres.[11]

Referências

  1. «Percurso». A Onda. Consultado em 28 de Maio de 2010 
  2. «Postos de Venda». A Onda. Consultado em 28 de Maio de 2010 
  3. a b «A Onda». FuturLagos. Consultado em 28 de Maio de 2010 
  4. «Lagos: "A ONDA" ganha prémio numa iniciativa do IMTT». Região Sul. 13 de Abril de 2010. Consultado em 28 de Maio de 2010 
  5. a b c «"Vamos apanhar A ONDA". Executivo Municipal convida população ao uso dos novos transportes urbanos de Lagos.». Câmara Municipal de Lagos. 24 de Abril de 2008. Consultado em 29 de Maio de 2010 
  6. «Novos Parques de Estacionamento do Município de Lagos entram em funcionamento a 1 de Julho». Barlavento Online. 25 de Maio de 2010. Consultado em 28 de Maio de 2010 
  7. «Organigrama». Grupo Barraqueiro. 2009. Consultado em 29 de Maio de 2010 
  8. «Curiosidades Autárquicas (Reunião da Câmara de 22 de Agosto de 2007)». CanalLagos. 24 de Agosto de 2007. Consultado em 29 de Maio de 2010 
  9. a b c «Novas orientações estratégicas à FUTURLAGOS». CanalLagos. 14 de Abril de 2008. Consultado em 29 de Maio de 2010 
  10. «Uma "ONDA" desportiva». CanalLagos. 11 de Maio de 2009. Consultado em 29 de Maio de 2010 
  11. «Transportes Urbanos de Lagos foram premiados. A ONDA ganha o 3º prémio numa iniciativa do IMTT.». Câmara Municipal de Lagos. 13 de Abril de 2010. Consultado em 28 de Maio de 2010 

Ligações externasEditar