The Red Pyramid

(Redirecionado de A Pirâmide Vermelha)
A Pirâmide Vermelha
A Pirâmide Vermelha
A-piramide-vermelha.jpg
Capa da edição brasileira do livro
Autor(es) Rick Riordan
Idioma Inglês
País Estados Unidos Estados Unidos
Série As Crônicas dos Kane
Ilustrador John Rocco
Arte de capa Joann Hill
Editora Estados Unidos Disney Hyperion
Lançamento 4 de Maio de 2010
Páginas 516
ISBN 9781423113386
Edição portuguesa
Lançamento julho de 2016
Páginas 408
ISBN 9789896577889
Edição brasileira
Tradução Débora Isidoro
Editora Brasil Intrínseca
Lançamento 1º de junho de 2010
Páginas 448
ISBN 9788598078977
Cronologia
O Trono de Fogo

The Red Pyramid (no Brasil e em Portugal, A Pirâmide Vermelha) é o primeiro livro da série As Crônicas de Kane, baseada em mitologia egípcia, escrita pelo autor bestseller Rick Riordan, autor da premiada série Percy Jackson e os Olimpianos. Foi lançado nos EUA em 4 de maio de 2010 pela Editora Disney Hyperion, no Brasil em 1º de junho de 2010 pela Editora Intrínseca e em Portugal em julho de 2016 pela Editorial Planeta. Permaneceu durante 65 semanas na lista de bestsellers do Jornal Americano The New York Times.[1]

O livro segue os irmãos Kane, Carter e Sadie, quando descobrem que são descendentes dos faraós e mágicos do Egito antigo. Como resultado, eles são capazes de hospedar deuses e usar magia. A dupla, sem saber, hospeda os deuses egípcios Hórus e Ísis, enquanto seu pai é levado como anfitrião por Osíris, que é capturado por Set. Eles são jogados em uma aventura para resgatar seu pai, enquanto simultaneamente tentam salvar o mundo da destruição. O romance é escrito como se fosse uma transcrição de uma gravação de áudio pelos irmãos Carter e Sadie Kane, alternadamente narrada em primeira pessoa pelos irmãos.[2]

A Pirâmide Vermelha recebeu críticas geralmente positivas, com críticos elogiando seu ritmo, ação e enredo. O romance estava na lista de best-sellers da Amazon Children's.[3] Ele também ganhou um prêmio de melhor livro do School Library Journal,[4] e também foi selecionado para o 2011 Red House Children's Book Award.[5] O audiolivro de The Red Pyramid, narrado por Katherine Kellgren e Kevin P. Free, foi finalista do Audiobook of the Year Award.[6]

SinopseEditar

Desde a morte da mãe, seis anos atrás, Carter Kane viaja o mundo com o pai, o egiptólogo Dr. Julius Kane. Ele não frequenta a escola e seus pertences cabem em uma única mala. Enquanto isso, Sadie, sua irmã mais nova, é criada pelos avós em Londres. Ela tem tudo o que Carter queria: casa, amigos e uma vida “normal”. E ele, o que ela mais deseja: conviver com o pai. Depois de tanto tempo separados, os irmãos não tinham praticamente mais nada em comum. Até que na noite de Natal, em uma visita ao British Museum, o pai faz uma estranha promessa: tudo voltará a ser como antes. Mas seu plano dá errado, e os irmãos acabam assistindo ao momento em que um personagem misterioso desaparece com o egiptólogo e provoca uma explosão magnífica. Para salvar o pai, os irmãos embarcam em uma perigosa jornada, na qual descobrem que os deuses do Egito Antigo foram despertados e algo terrível está para acontecer – e que tudo isso está relacionado com uma ligação ancestral entre os Kane e a Casa da Vida, ordem secreta que existe desde a época dos faraós. Primeiro volume da série As crônicas dos Kane, A pirâmide vermelha leva aos leitores a aventura, o mistério e o irresistível humor já característicos dos livros de Rick Riordan, autor da bem-sucedida série Percy Jackson e os olimpianos. Os capítulos narrados ora por Carter, ora por Sadie, dão à história o tom ao mesmo tempo engraçado e comovente da rivalidade e das provocações entre os irmãos, que mal se conhecem no início da saga, mas, quem sabe, ainda serão grandes companheiros.

DesenvolvimentoEditar

De acordo com Riordan, a idéia para a série The Kane Chronicles veio de sua percepção de que o único assunto da história antiga mais popular que a Grécia Antiga era o Egito Antigo[7] Ele já havia escrito e publicado vários livros da série Percy Jackson e os Olimpianos, que tratavam da interação entre a mitologia grega e o mundo moderno. A idéia de ter dois irmãos multirraciais narrando o livro também surgiu de sua experiência como professor. Carter e Sadie Kane, os personagens titulares, foram inspirados por dois irmãos que ele ensinou, além do fato de o Egito Antigo ser uma sociedade multicultural.[8]

Em uma entrevista à Publishers Weekly no BEA 2010 Show, onde Riordan assinou cópias do romance, ele disse que o Egito Antigo "fascina crianças". Ele fez uma extensa pesquisa para que "a magia, os feitiços e os shabti sejam todos fundamentados na realidade". Em outra entrevista, Riordan se opôs à longa tradição ocidental de separar a história egípcia da história de outras sociedades africanas, dizendo que era importante "colocar firmemente o Egito de volta ao reino da história africana".[8] A Pirâmide Vermelha foi a primeira vez que Riordan usou pontos de vista alternados porque era "muito importante ... que ambos os sexos tenham protagonistas com os quais possam se identificar".[9]

O romance contou com a arte da capa de John Rocco, com ilustrações interiores de Michelle Gengaro-Kokmen.[10][11]

LançamentoEditar

Teve uma primeira impressão de um milhão de cópias.[12] A série foi planejada para consistir em um livro por ano para criar antecipação.[12]

Em 4 de maio de 2010, uma versão em áudio-book de 14 horas e 32 minutos de The Red Pyramid, narrada por Katherine Kellgren e Kevin R.Free, que mais tarde leram todos os audiolivros da série, foi publicada em todo o mundo pela Brilliance Audio.[13] Em 2 de outubro de 2012, uma versão gráfica de The Red Pyramid, adaptada e ilustrada pelo artista Orpheus Collar, foi publicada mundialmente pela Disney Hyperion.[14][15]

PersonagensEditar

HumanosEditar

  • Carter Kane - O irmão mais velho de Sadie, viajou com seu pai todos os dias, mas após ver seu pai quebrar a Pedra de Roseta e libertar cinco deuses egípcios, ele vira o hospedeiro de Hórus, (o Deus dos Céus). Carter é muito inteligente e é apaixonado por Zia Rashid.
  • Sadie Kane - Irmã mais nova de Carter, Sadie morou com seus avós após a morte da sua mãe, e depois de seu pai, Dr. Julius Kane, quebrar a Pedra de Roseta Sadie passou a ser a hospedeira de Ísis, a Deusa da Maternidade. Sadie tem grandes poderes com a magia, sabe ler hieróglifos e tem o raro dom da adivinhação. Gosta de Anúbis, Deus dos Funerais, mas no Segundo Livro, conhece Walt, um jovem mago que veio para a Casa do Brooklin, para ajudá-los a deter Apófis e fica indecisa entre ele e Anúbis.
  • Zia Rashid - É uma maga, treinada no Primeiro Nomo, e consegue manipular o fogo além de ter várias habilidades com a magia. É orfã, pois Apófis destruiu o vilarejo em que ela vivia quando criança, deixando Zia como única sobrevivente. Carter é apaixonado por ela. Na noite em que o Dr. Julius Kane, pai de Carter e Sadie, explodiu a Pedra de Roseta, liberando deuses, a Deusa dos Rios, Néftis escolheu Zia como hospedeira. No final do livro ,é revelado que a ´´Zia`` que ajudou Sadie e Carter era um Shabti e que a verdadeira estava em algum lugar.
  • Amós Kane - Irmão do Dr. Julius Kane e tio de Sadie e Carter Kane. No Segundo Livro se torna o Sacerdote-leitor Chefe da Casa da Vida após a morte do até então no cargo, Michel Desjardins.
  • Michel Desjardins - Sacerdote-leitor Chefe. Cometeu suicídio, afim de execrar Apófis.
  • Vladimir Menshikov - Líder do Décimo Oitavo Nomo (São Pertersburgo - Rússia). No livro A Pirâmide Vermelha e em O Trono de Fogo, Menshikov é um traidor da Casa da Vida, tanto é que tenta libertar Apófis de sua prisão nas profundezas do Duat.
  • Sr. e Sra. Faust - Os avós de Sadie e Carter.

DeusesEditar

  • Ísis - Deusa da magia - Esposa de Osíris - Sua anfitriã é Sadie Kane, filha de Ruby Kane
  • Hórus - Deus dos Céus - Filho de Osíris. Destinado a recuperar o trono do Maat. Seu anfitrião é Carter .
  • Bastet - Deusa dos gatos - o seu anfitrião é Muffin, gata de Sadie Kane. Além disso, uma maga de combate mortal. Ela jurou proteger os irmãos Kane.
  • Set - Deus do mal e do caos - representado pela cor vermelha. Possui o corpo de Amós Kane quando ele é preso no cativeiro.
  • Osíris - Deus dos mortos - Seu anfitrião é Julius Kane. Pai de Hórus.
  • Anúbis - Deus dos funerais e assistente de Osíris - assume a forma de um ser humano com uma cabeça de chacal, ou um rapaz atraente adolescente. Ele e Sadie mostram que têm uma forte relação.
  • Tot - Deus da sabedoria e conhecimento - é retratado em seu personagem como um "cientista louco".
  • Nut - Deusa do céu - Seus filhos são Osíris, Set, Hórus, Ísis e Néftis.
  • Geb - Deus da terra - marido de Nut, as crianças são Osíris, Set, Hórus, Ísis e Néftis
  • Serket - Deusa dos aracnídeos .
  • Sobek - Deus Crocodilo.
  • - Deus do Sol.
  • Shu - Deus do vento
  • Tefnut - Deusa da chuva.
  • Bes - Protetor das crianças.
  • Khonsu - Deus da Lua.
  • Babi - O Deus babuíno.

OutrosEditar

  • Khufu - babuíno de estimação de Amós e aliado da família Kane
  • Filipe da Macedônia - crocodilo de estimação de Amós. É um shabti.
  • Doughboy - Shabti criado por Julius Kane. Doughboy atende aos pedidos de Carter e Sadie também.
  • Muffin - Gata de Sadie e hospedeiro de Bastet.

RecepçãoEditar

Refebeu críticas geralmente positivas da crítica especializada. O The Washington Post disse que Riordan "começa [o livro] com um estrondo literal" e "o ritmo nunca diminui à medida que a narrativa corta entre Carter e Sadie".[16] O jornal mais tarde o colocou como "o livro essencial para ler nesse verão".[17] A Kirkus Reviews achou que a história era bastante semelhante aos outros trabalhos de Riordan, como The Lightning Thief, em termos de capítulos, personagens e enredo, mas observou: "isso não é um livro ruim".[18] O Brasileiro casaco dos livros diz que não é "o melhor livro de Riordan, mais ainda assim divertido".[19]

A revista AudioFile elogiou o audio-book, escrevendo que "os trabalhos de Riordan passam bem para o formato de áudio-book com sua fórmula de aventura sem parar de partes iguais e educação bem camuflada". Ele elogiou a introdução de narradores duplos, que "acrescentam um nível de complexidade bem-vindo", a Kevin Free e Katherine Kellgren.[20] A Publishers Weekly elogiou a graphic novel, escrevendo que "o enredo se presta fluidamente ao formato da graphic novel", elogiando a "obra de arte cinematográfica" e os "detalhes explícitos" de Collar, concluindo: "novos leitores e fãs existentes mergulharão corretamente no livro".[21]

SequênciaEditar

A sequência de The Red Pyramide foi nomeada de The Throne of Fire e lançada em 3 de maio de 2011.[22][23]

Referências

  1. http://www.nytimes.com/best-sellers-books/2011-08-14/chapter-books/list.html
  2. «The Kane Chronicles». Read Riordan (em inglês). Consultado em 27 de julho de 2020 
  3. «The Red Pyramid (The Kane Chronicles, Book 1)». frontlist.net. Consultado em 27 de julho de 2020 
  4. «Best Books 2010 | School Library Journal». web.archive.org. 22 de janeiro de 2015. Consultado em 27 de julho de 2020 
  5. «2010 Shortlist Red House Children's Book Award». web.archive.org. 28 de fevereiro de 2010. Consultado em 27 de julho de 2020 
  6. «Audies Finalists Announced». web.archive.org. 1 de dezembro de 2017. Consultado em 27 de julho de 2020 
  7. «Riordan Sets His Sights on Egypt». PublishersWeekly.com (em inglês). Consultado em 27 de julho de 2020 
  8. a b «Rick Riordan's Gods and Monsters - WSJ». web.archive.org. 22 de outubro de 2016. Consultado em 27 de julho de 2020 
  9. «BEA 2010 Show Daily: Rick Riordan: Making Learning Fun». web.archive.org. 1 de dezembro de 2017. Consultado em 27 de julho de 2020 
  10. «Michelle Gengaro illustration Featured Work». web.archive.org. 7 de outubro de 2013. Consultado em 27 de julho de 2020 
  11. «Michelle Gengaro illustration Featured Work». michellegengaro.com. Consultado em 27 de julho de 2020 
  12. a b Farley, Christopher John (4 de maio de 2010). «'Percy Jackson' Author Rick Riordan on His New Book 'The Red Pyramid': Does the Cover Tell the Whole Story?». WSJ (em inglês). Consultado em 27 de julho de 2020 
  13. The Red Pyramid (em inglês). [S.l.: s.n.] 
  14. «Rick Riordan releases pictures of The Red Pyramid graphic novel in the making». Hypable (em inglês). 7 de setembro de 2012. Consultado em 27 de julho de 2020 
  15. «Welcome to Orpheus Collar». web.archive.org. 21 de setembro de 2017. Consultado em 27 de julho de 2020 
  16. Quattlebaum, Mary (20 de junho de 2010). «Novels for kids from John Grisham, Candace Bushnell and Rick Riordan» (em inglês). ISSN 0190-8286 
  17. «Summer Book Club for young readers includes books by blockbuster authors». web.archive.org. 11 de novembro de 2012. Consultado em 27 de julho de 2020 
  18. «THE RED PYRAMID by Rick Riordan | Kirkus Book Reviews». web.archive.org. 14 de agosto de 2011. Consultado em 27 de julho de 2020 
  19. Livros, Casos Acasos e. «A Pirâmide Vermelha - Resenha». Consultado em 27 de julho de 2020 
  20. «THE RED PYRAMID by Rick Riordan Read by Kevin R Free Katherine Kellgren | Audiobook Review». AudioFile Magazine (em inglês). Consultado em 27 de julho de 2020 
  21. «Children's Book Review: The Red Pyramid: The Graphic Novel by Rick Riordan, adapted by Orpheus Collar. Disney-Hyperion, $21.99 (192p) ISBN 978-1-4231-5068-8». PublishersWeekly.com (em inglês). Consultado em 27 de julho de 2020 
  22. «Kane Chronicles The Throne Of Fire - Livro - WOOK». www.wook.pt. Consultado em 27 de julho de 2020 
  23. «The Throne of Fire - Kane Chronicles: The Online World of Rick Riordan». web.archive.org. 20 de janeiro de 2011. Consultado em 27 de julho de 2020 

Ligações externasEditar

As Crônicas de Kane no Mundos de Rick Riordan (Disney: readriordan.com)

Website de Rick Riordan (em inglês)