Alan Jerome Hoffman

matemático norte-americano

Alan Jerome Hoffman (Nova Iorque, 30 de maio de 1924[1]) é um matemático estadunidense.

Hoffman serviu de 1943 a 1946 no Exército dos Estados Unidos. Em 1947 obteve o grau de bacharel na Universidade Columbia, onde obteve em 1950 um doutorado em matemática, orientado por Edgar Lorch, com a tese On the foundations of inversion geometry.[2][3] Em 1950/1951 esteve no Instituto de Estudos Avançados de Princeton e depois até 1956 foi matemático no National Bureau of Standards. Em 1956/1957 foi oficial de assuntos científicos no Office of Naval Research em Londres e de 1957 a 1961 gerente consultor da General Electric. A partir de 1961 trabalhou na IBM no Thomas J. Watson Research Center, onde aposentou-se em 2002.

Ao mesmo tempo foi de 1965 a 1976 professor adjunto na Universidade da Cidade de Nova Iorque. Foi além disso professor adjunto ou professor visitante em 1965 na Technion, de 1975 a 1980 e em 1991 na Universidade Yale, de 1980 a 1991 na Universidade Stanford, de 1990 a 1996 na Universidade Rutgers e de 1992 a 1993 no Instituto de Tecnologia da Geórgia.

Trabalhou dentre outros com álgebra linear, programação linear, teoria dos grafos, combinatória e geometria. Hoffman detém sete patentes sobre algoritmos matemáticos.

Foi editor fundador do periódico Linear Algebra and its Applications.

Em 1978 foi IBM Fellow. É fellow da Academia Nacional de Ciências dos Estados Unidos (1982), da Academia de Ciências de Nova York (1975) e da Academia de Artes e Ciências dos Estados Unidos (1987). Em 1986 foi doutor honoris causa da Technion. Recebeu o Prêmio Teoria John von Neumann de 1992.

Foi palestrante convidado do Congresso Internacional de Matemáticos em Vancouver (1974).[4]

Referências

  1. American Men and Women of Science, Thomson Gale 2004
  2. Alan Jerome Hoffman (em inglês) no Mathematics Genealogy Project
  3. Publicada no Transactions da AMS, Volume 17, 1951, p. 218–242
  4. ICM Plenary and Invited Speakers

Ligações externasEditar