Abrir menu principal

Alexander Rondón Heredia, mais conhecido como Rondón (Cumaná, 30 de Agosto de 1977) é um futebolista venezuelano. Atualmente, joga pelo Aragua Fútbol Club.

Rondón
Alexanderondon.jpg
Informações pessoais
Nome completo Alexander Rondón Heredia
Data de nasc. 30 de agosto de 1977 (42 anos)
Local de nasc. Cumaná,  Venezuela
Altura 1,74 m
Informações profissionais
Clube atual Venezuela Aragua Fútbol Club
Posição atacante
Clubes profissionais
Anos Clubes Jogos e gol(o)s
1997-1999
1999-2000
2000-2002
2002-2007
2003
2004
20072010
2010
2011-
Venezuela Nueva Cádiz
Venezuela Atlético Zulia
Venezuela Caracas FC
Venezuela Deportivo Táchira
Venezuela Estudiantes de Mérida
Brasil São Paulo
Venezuela Deportivo Anzoátegui
Venezuela Deportivo Lara
Venezuela Aragua FC





11 (0)
62 (26)
12 (1)
Seleção nacional
1999 Flag of Venezuela.svg Venezuela 41 (5)

CarreiraEditar

Rondón iniciou sua carreira no modesto Nueva Cádiz em 1997, e jogou no Atlético Zulia antes de chegar ao tradicional Caracas FC no qual foi campeão do Campeonato Venezuelano em 2000.

Em 2002 chegou ao Deportivo Táchira, no qual foi um dos principais jogadores desse clube, jogando por diversas temporadas.

São PauloEditar

Em 2004 Rondón foi emprestado ao São Paulo FC do Brasil, no qual chegou com a responsabilidade de substituir Luís Fabiano. À época de sua contratação, Rondón foi elogiado pelo auxiliar técnico Milton Cruz e pelos zagueiros Rodrigo e Fabão, que enfrentaram-no na Copa Libertadores daquele ano. O então vice-presidente de futebol do clube Juvenal Juvêncio chegou a proferir as seguintes palavras sobre o atleta: "O Milton acompanhou alguns jogos dele. É um excelente atleta."[1]Porém, Rondón não conseguiu ir bem no Tricolor Paulista, jogando apenas 11 partidas pelo clube e não anotando sequer um único gol.

Retorno a VenezuelaEditar

Retornou ao Táchira no ano seguinte, no qual permaneceu como um dos maiores destaques do clube, mas em 2007 se transferiu para o Deportivo Anzoátegui Sport Club, aonde foi pela primeira vez artilheiro do Campeonato Venezuelano com 19 gols. Após três temporadas, se transferiu para o Deportivo Lara, mas não conseguiu se destacar. Em 2011 foi para o modesto Aragua FC, onde voltou a fazer gols.

SeleçãoEditar

Rondón recebeu sua primeira convocação para a Seleção Venezuelana em 1999. Disputou com a seleção as edições da Copa América de 1999, 2001 e 2004. Após um período sem ser convocado, o atacante retornou a seleção em 2008, fazendo gols. Mas hoje já não é mais convocado, e despediu-se da seleção com apenas 5 gols.[2]

Referências