Alexandre Machado (roteirista)

Alexandre de Carvalho Machado, ou simplesmente Alexandre Machado, é um escritor e roteirista brasileiro. Ficou conhecido pela série Os Normais, que roteirizou ao lado de sua esposa Fernanda Young.

Alexandre Machado
Nome completo Alexandre de Carvalho Machado
Nacionalidade brasileira
Etnia branco
Cônjuge Fernanda Young (1993-2019)
Ocupação
Período de atividade 1988–presente
Principais trabalhos

Carreira

editar

1988-2000: Início de carreira

editar

Começou sua trajetória profissional aos 17 anos, trabalhando no jornal "O Pasquim", e em seguida virou publicitário na agência W/Brasil.[1] Estreou como roteirista em 1988 no programa TV Pirata, da Rede Globo. Em 1991 roteiriza Dóris para Maiores, junto de Guel Arraes, Cláudio Paiva (com quem já havia trabalhado em TV Pirata) e o grupo Casseta & Planeta. Em 1996 roteiriza alguns episódios de Sai de Baixo. Em 2000 roteiriza o filme Bossa Nova, ao lado de sua esposa Fernanda Young e Sérgio Sant'Anna.[2] É formado por engenharia mecânica pela PUC do Rio de Janeiro, onde nasceu, mas sempre atuou como redator universitário.[2] É vencedor de um Clio.[2]

2001-2019: Sucesso de Os Normais e trabalhos com Fernanda Young

editar

De 2001 a 2019, todos seus trabalhos foram feitos ao lado de Fernanda Young. Em 2001 é lançada a primeira temporada da série Os Normais, que continuou no ar até 2003, quando foi lançado seu filme. A série conta o dia-a-dia do casal Vani e Rui, protagonizados por Fernanda Torres e Luiz Fernando Guimarães. Em 2004 é lançado a série Os Aspones; em 2005 é lançado o Quadro O Super Sincero estrelado por Luiz Fernando Guimarães exibido no Fantástico, sendo finalizado em 2010; em 2006 Minha Nada Mole Vida e o filme Muito Gelo e Dois Dedos d'Água; em 2007 O Sistema; em 2008 o telefilme Nada Fofa; em 2009 o segundo filme de Os Normais; em 2010 a minissérie Separação?!; em 2011 Macho Man; em 2012 Como Aproveitar o Fim do Mundo; em 2013 O Dentista Mascarado e Surtadas na Yoga para o GNT; em 2014 é renovada Surtadas na Yoga; em 2015 Odeio Segundas e em 2017 a série americana No Tomorrow (baseada em Como Aproveitar o Fim do Mundo), Vade Retro e Edifício Paraíso.Ainda em 2017, produz a primeira temporada de Filhos da Pátria ao lado de Bruno Mazzeo, primeira produção sem Fernanda Young como parceira titular no século. A série conta a saga dos Bulhosa, uma tradicional família brasileira na década de 1820. Foi protagonizada por Fernanda Torres, Alexandre Nero, Johnny Massaro e Lara Tremouroux. Em 2019 é lançada a segunda temporada de Filhos da Pátria, agora a série se passando na década de 1930. No mesmo ano é lançada a minissérie Shippados, última produção de Machado com Young, protagonizada por Tatá Werneck e Eduardo Sterblitch.

2020-presente: Morte de Fernanda Young, projetos solos e futuros trabalhos

editar

Em 2020 roteiriza o segundo episódio de Amor e Sorte, protagonizada por Lázaro Ramos e Taís Araújo. Em 2021, o filme Amigas de Sorte é lançado, inspirado em um argumento de Machado e Young.[1] Confirmou estar desenvolvendo a segunda temporada de Shippados, que teve metade dos episódios escritos por Young.[3]

Vida pessoal

editar

Conheceu a escritora e roteirista Fernanda Young em 1990. Foram casados de 1993 a 2019, quando ela morreu vítima de uma parada respiratória, devido a uma crise asmática. Tiveram duas filhas: as gêmeas Cecília Madonna e Estela May. Em 2010 adotaram duas crianças: Catarina Lakshimi e John Gopala.[4] Para a Vogue Brasil, confirmou:

"Eu não seria 10% do que sou se não fosse por ela [Fernanda]. Na verdade, não estaria nem vivo se não fosse por ela. Não teria esses quatro filhos, que hoje são tudo para mim. Mas não foi apenas sorte, porque nós dois nos dedicamos a ter um projeto de vida que foi muito além de marido e mulher. Foi não, continua sendo, pois ainda continuo no mesmo projeto traçado por ela."

Trabalhos

editar
Na Televisão
Ano Obra Creditado como Parceiros Notas
1988 TV Pirata Colaborador Vários Autores
1991 Dóris para Maiores Guel Arraes

Cláudio Paiva

Grupo Casseta & Planeta

1996 Sai de Baixo Vários Autores
2001-03 Os Normais Autor principal Fernanda Young
2004 Os Aspones
2006-10 O Super Sincero
2006-07 Minha Nada Mole Vida
2007 O Sistema
2008 Nada Fofa Telefilme
2010 Separação?!
2011 Macho Man
2012 Como Aproveitar o Fim do Mundo
2013 O Dentista Mascarado
2013-14 Surtadas na Yoga
2015 Odeio Segundas
2017 No Tomorrow Baseada em "Como Aproveitar o Fim do Mundo"[5]
Vade Retro
Edifício Paraíso
2017-19 Filhos da Pátria Bruno Mazzeo
2019 Shippados Fernanda Young
2020 Amor e Sorte Capítulo: "Linha de Raciocínio"[6]
No Cinema
Ano Obra Creditado como Parceiros
2000 Bossa Nova Roteirista Fernanda Young e Sérgio Sant'Anna
2003 Os Normais - O Filme Fernanda Young
2006 Muito Gelo e Dois Dedos d'Água
2009 Os Normais 2: A Noite Mais Maluca de Todas
2021 Amigas de Sorte Criador de argumento (ao lado de Young)

Referências

  1. a b «Alexandre Machado fala sobre vida e carreira após a morte de Fernanda Young». tvefamosos.uol.com.br. Consultado em 13 de julho de 2022 
  2. a b c «Alexandre Machado». www.filmeb.com.br. Consultado em 13 de julho de 2022 
  3. «Antes de morrer, Fernanda Young escreveu segunda temporada de Shippados». Metrópoles. 8 de julho de 2020. Consultado em 15 de julho de 2022 
  4. «Fernanda Young e Alexandre Machado adotam uma criança». Área VIP. 18 de dezembro de 2008. Consultado em 13 de julho de 2022 
  5. «'No tomorrow': versão dos EUA de 'Como aproveitar o fim do mundo' - Patrícia Kogut, O Globo». Patrícia Kogut. Consultado em 13 de julho de 2022 
  6. «Episódio de 'Amor e sorte' escrito por Alexandre Machado faz homenagem a Fernanda Young». Extra Online. Consultado em 13 de julho de 2022