Abrir menu principal

Almedina

parte histórica de diversas cidades do Magrebe
Text document with red question mark.svg
Este artigo ou secção contém fontes no fim do texto, mas que não são citadas no corpo do artigo, o que compromete a confiabilidade das informações (desde fevereiro de 2013). Ajude a melhorar este artigo inserindo fontes.
Disambig grey.svg Nota: Para outros significados, veja Almedina (desambiguação).
Vista da almedina de Mazagão, no Marrocos.
Portão de entrada da almedina de Tânger, no Marrocos.

Almedina ou medina (em árabe: المدينة العتيقة‎, a cidade antiga) é a parte histórica de diversas cidades do Magrebe (noroeste da África). Costuma ser murada e conter um labirinto de ruas estreitas. Este tipo de centro urbano já era construído pelos árabes no século IX. Em árabe moderno, a palavra medina significa simplesmente "cidade".

As almedinas em geral contêm fontes, palácios e mesquitas históricos, monumentos que as autoridades locais atualmente procuram preservar devido ao seu valor cultural e turístico. A almedina de Túnis, por exemplo, é considerada pela UNESCO como Patrimônio da Humanidade. Costumam ser fechadas ao tráfego de automóveis e ocupadas por um suq (mercado).

Almedinas nos dias atuaisEditar

ReferênciasEditar

  • Medina in World Regional Geography. Joseph J. Hobbs, Andrew Dolan. Cengage Learning, 2008. ISBN 0495389501 [1]
 
O Commons possui uma categoria contendo imagens e outros ficheiros sobre Almedina