American Pie - O Casamento

(Redirecionado de American Wedding)

American Wedding (br e pt: American Pie - O Casamento[2][3]) é um filme de comédia romântica de 2003, escrito por Adam Herz, dirigido por Jesse Dylan e distribuído pela Universal Pictures. Seu enredo sucede os acontecimentos de American Pie 2, com a maioria dos personagens presentes nestes dois filmes anteriores, com exceção de Nadia, Oz, Jéssica, Sherman, Vicky e Heather, para que os personagens principais ficassem centralizados no filme. Como o próprio título revela, a história do filme fala sobre o casamento de Jim Levenstein e Michelle Flaherty e também os acontecimentos engraçados e constrangedores antecedentes.

American Pie - O Casamento
American Wedding
Cartaz do filme.
 Estados Unidos
2003 •  cor •  96[1] min 
Direção Jesse Dylan
Produção Chris Moore
Warren Zide
Craig Perry
Adam Herz
Chris Bender
Paul Weitz
Chris Weitz
Produção executiva Paul Weitz
Chris Weitz
Louis G. Friedman
Roteiro Adam Herz
Elenco Jason Biggs
Molly Cheek
Alyson Hannigan
January Jones
Thomas Ian Nicholas
Seann William Scott
Eddie Kaye Thomas
Fred Willard
Eugene Levy
Género comédia romântica
Música Christophe Beck
Cinematografia Lloyd Ahern
Edição Stuart Pappé
Companhia(s) produtora(s) LivePlanet
Warren Zide Productions
Craig Perry Productions
Summit Entertainment
Distribuição Universal Pictures
Lançamento Estados Unidos 1 de agosto de 2003
Brasil 28 de novembro de 2003
Idioma inglês
Orçamento US$ 55 milhões
Receita US$ 231.449.203
Cronologia
American Pie 2 (2001)
American Pie: O Reencontro (2012)

O gasto das filmagens e de toda a produção do filme chegaram à aproximadamente US$ 55 milhões e seu desempenho nas bilheterias renderam cerca de US$ 231.449.203.[4]

EnredoEditar

A história começa com un jantar no restaurante entre o casal de namorados Jim Levenstein e Michelle Flaherty, onde ele faz comentários indiretos para que sua namorada veja o porta-aliança embaixo de seu guarda-napo, mas ela não entende. Após um telefonema de Noah Levenstein, Jim percebe que o porta-aliança que levou para Michelle estava vazio; como não entendeu as indiretas de Jim, ela vai para debaixo da mesa e começa a fazer felação com seu namorado, momentos antes do pai de Jim chegar. Quando Noah chega, depara-se com Jim gemendo de uma forma estranha mas não imagina, até o momento de puxá-lo para levá-lo ao carro e vê-lo sem os vestimentos debaixo, chamando a atenção dos outros clientes. Após este incidente, Michelle sai debaixo da mesa surpreendendo a todos presentes, momento em que Jim pede-a em casamento com a aliança em mãos, recebendo um "sim" como resposta.

Jim quer excluir o amigo Steve Stifler da festa de casamento, temendo que o comportamento dele não seja socialmente aceitável. Quando Jim está preocupado em aprender a dançar, Stifler concorda em ensiná-lo e promete se comportar, em troca de poder organizar uma despedida de solteiro para ele. Durante uma festa para comemorar o pedido de casamento, os pais de Michelle, Harold Flaherty e Mary Flaherty levam consigo os seus cães. Stifler suja Jim e a si mesmo de cobertura de bolo, fazendo com que os cães do Sr. e Sra. Flaherty lamba-os, em uma região próxima ao pênis de Stifler. Durante este momento, um dos cães faz ato sexual com a perna de Jim, que estava sem as calças para limpá-la. Quando os Flaherty entram na sala, deparam-se com aquela cena desconfiando de Jim seja zoófilo. Mais tarde, Jim conta sobre o ocorrido aos Flaherty ganhando confiança de seus futuros sogros.

Jim, Kevin Myers e Paul Finch passam a espionar Michelle para descobrirem seus desejos para o casamento, como um vestido que só seria encontrado em Chicago. Os três e Stifler procuram Leslie Summers, o estilista que fabrica o vestido desejado por Michelle, nos bares locais. Após algumas desavenças em um bar gay local, eles acabam encontrando o estilista e fazendo amizade com o homossexual Urso, que após perder para Stifler num disputa de dança, se oferece para fornecer strippers para a despedida de solteiro de Jim. Michelle, junta de Finch buscam no aeroporto Cadence Flaherty, por quem Finch apaixona-se. Stifler também apaixona-se por Cadence e começa e passar-se por culto, educado e estudioso para chamar a atenção da garota que passa a gostar dos dois. Dias após, Com a ajuda de Urso, Stifler organiza a despedida de solteiro, com duas prostitutas bissexuais e dominatrixes, a Policial Krystal e Fraulein Brandi, sem saber que Jim planejou um jantar com os sogros na mesma noite. A festa é interrompida quando Jim e o Sr. e Sra. Flaherty aparecem, fazendo com que Stifler, Finch e Kevin mintam sobre o ocorrido. O Sr. Flaherty posteriormente desenvolve uma queda pelas duas prostitutas, para o horror da Sra. Flaherty.

O casamento ocorre dias depois em uma enorme propriedade posteriormente, fora da cidade onde os personagens moram. A aliança do casamento fica com Stifler como desejado pela Sra. Flaherty, mas este acaba jogando acidentalmente para os cães comerem, achando que era biscoito. Quando os cães defecam Stifler é obrigado a comer o escremento antes que a Sra. Flaherty o coma achando que é trufa de chocolate. Jim depila a virilha e acaba jogando os seus pelos pubianos no ar condicionado, estragando o seu bolo de casamento. Stifler desliga acidentalmente o ar da floricultura onde localizam-se as flores do casamento, destruindo-as. Stifler é expulso do hotel e durante sua volta à cidade, compra flores como pedido de desculpas. Cadence chama Stifler para transar consigo em um armário, mas Stifler comparece primeiro a uma pequena reunião de agradecimento organizado por Jim. Quando retorna, Stifler acaba acidentalmente transando com a avó de Jim, pois o ambiente do armário era escuro, fazendo-a se apaixonar por Stifler. O casamento enfim ocorre e durante a recepção, Stifler dança com Cadence e Finch acaba reencontrando Janine, a mãe de Stifler, que o convida para acompanhá-la até sua suíte dupla. O filme termina com os dois fazendo sexo oral numa banheira quente, enquanto são observados pelos estudantes Justin e John.

ElencoEditar

ProduçãoEditar

FilmagensEditar

As filmagens de 'American Pie: O Casamento' ocorreram em Orange, Pasadena, Ontario, Half Moon Bay, San Marino, Long Beach, na Califórnia e em Chicago em Illinóis, todas as localidades nos Estados Unidos. Algumas filmagens ocorreram em diversos pontos turísticos norte-americanos como em Ritz-Carlton de Half Moon Bay, Livraria Huntington e o Aeroporto Internacional de Ontario, entre outras localidades.

Distribuição e estúdio de produçãoEditar

O filme foi distribuído pela Universal Pictures e produzido pela Zide-Perry Productions e LivePlanet.[5] Os efeitos especiais foram produzidos pela View Studio, Soho VFX, Loumolo & Co. e Hammerhead Productions (que não foi creditada no filme).

RecepçãoEditar

BilheteriaEditar

American Wedding foi lançado nos Estados Unidos em 1º de agosto de 2003 e estreou em primeiro lugar nas bilheterias locais com US$ 33.369.440 antes de cair 53,7% em receita no fim de semana seguinte, chegando ao terceiro lugar em relação aos lançamentos de S.W.A.T. e Freaky Friday.[6] Saindo de cartaz três meses e meio depois, o filme arrecadou um total doméstico de US$ 104.565.114 e US$ 126.884.089 no exterior para um total mundial de US$ 231.449.203, com base em um orçamento de US$ 55 milhões.

Apesar de ter se tornado um sucesso comercial, American Wedding é o filme de menor bilheteria da franquia American Pie, faturando cerca de US$ 3 milhões a menos do que American Pie: O Reencontro fez em 2012.[carece de fontes?]

CríticaEditar

O filme recebeu críticas mistas dos críticos. O Rotten Tomatoes atribui ao filme uma classificação de 54%, com base em 155 críticas, com uma classificação média de 5,8/10; o consenso crítico do site diz: "Mais ousado e ainda mais nojento que os dois primeiros "American Pies", American Wedding deve agradar somente aos fãs da série".[7] No Metacritic, o filme tem a pontuação 43/100, com base em 34 críticas, o que indica "críticas mistas ou médias".[8]

Ver tambémEditar

Referências

  1. «AMERICAN PIE: THE WEDDING (15)». British Board of Film Classification. 29 de julho de 2003. Consultado em 2 de dezembro de 2012 
  2. «American Pie - O Casamento». no AdoroCinema 
  3. «American Pie - O Casamento». no CineCartaz (Portugal) 
  4. «American Wedding (2003)». www.boxofficemojo.com (em inglês). Box Office Mojo. Consultado em 31 de janeiro de 2017 
  5. «American Pie 3 - O Casamento (2003)». e-Pipoca. Consultado em 31 de janeiro de 2017. Cópia arquivada em 13 de janeiro de 2008 
  6. «Weekend Box Office Results for August 8-10, 2003». Box Office Mojo. Consultado em 14 de janeiro de 2012 
  7. «American Wedding (2003)». Rotten Tomatoes. Consultado em 22 de janeiro de 2014 
  8. «American Wedding». Metacritic. Consultado em 22 de janeiro de 2014 
  A Wikipédia tem os portais:

Ligações externasEditar

  Este artigo sobre um filme estadunidense é um esboço relacionado ao Projeto Entretenimento. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.