Abrir menu principal
Ana Luíza Azevedo
Nascimento 24 de novembro de 1959 (59 anos)
Porto Alegre
Cidadania Brasil
Alma mater Universidade Federal do Rio Grande do Sul
Ocupação roteirista

Ana Luiza Nunes Azevedo (Porto Alegre, 24 de novembro de 1959) é uma cineasta brasileira.[1]

Índice

BiografiaEditar

Formada em Artes Plásticas pela UFRGS em 1986, é integrante da Casa de Cinema de Porto Alegre.[2]

Foi assistente de direção de vários filmes de longa-metragem, de diretores como Jorge Furtado, Carlos Gerbase e Carlos Reichenbach.

Como roteirista e diretora, realizou curtas-metragens e especiais de televisão, tendo sido premiada em vários festivais nacionais e internacionais. Seu filme "Três Minutos" foi o único representante brasileiro na mostra competitiva de curtas do Festival de Cannes 2000.[3]

No final de 2007, dirigiu seu primeiro longa-metragem, Antes que o Mundo Acabe, baseado no livro de Marcelo Carneiro da Cunha, que foi apresentado e premiado em alguns festivais, antes mesmo de seu lançamento comercial, em maio de 2010.[4] Entre 2008 e 2009, Ana Luiza dirigiu oito episódios da série Fantasias de uma Dona de Casa para a RBS TV.[5]

Atualmente, Ana Luiza trabalha na pré-produção de Mulher de Fases, série cômica baseada em livro de Cláudia Tajes, que deverá ir ao ar no segundo semestre de 2010, pela HBO.[6]

Filmografia [7]Editar

Principais premiaçõesEditar

  • 2009: Prêmio Itamaraty de Melhor Longa Brasileiro na Mostra Internacional de Cinema de São Paulo, por Antes que o Mundo Acabe [8]
  • 2009: Melhor Direção, Festival Paulínia de Cinema, por Antes que o Mundo Acabe [9]
  • 2003: Melhor Curta de Ficção, Divercine - Festival Internacional de Cine para Niños, Montevideo, por Dona Cristina Perdeu a Memória
  • 2003: Melhor Curta, Festival do Recife, por Dona Cristina Perdeu a Memória
  • 2002: Melhor E-cinema, Festival Internacional Fluxus de Cinema na Internet, por Dona Cristina Perdeu a Memória
  • 2002: Prêmio da Crítica, Festival de Brasília, por Dona Cristina Perdeu a Memória
  • 2002: Melhor Direção, Festival de Gramado, por Dona Cristina Perdeu a Memória
  • 2000: Melhor Curta do ano, Grande Prêmio Cinema Brasil, por Três Minutos
  • 1999: Melhor Curta, Festival de Brasília, por Três Minutos
  • 1999: Melhor Curta, Festival de Vitória, por Três Minutos
  • 1997: Melhor Documentário, Festival de Cinema e Direitos Humanos de Buenos Aires, por Ventre Livre
  • 1994: Prêmio Especial do Júri, Festival de Brasília, por Ventre Livre
  • 1994: Melhor Média-metragem, Festival de Gramado, por Ventre Livre
  • 1988: Melhor Curta-metragem de Ficção, Festival de Havana, por Barbosa
  • 1988: Melhor Roteiro, Festival de Brasília, por Barbosa

ReferênciasEditar

  1. «Minibiografia no "Quem é quem" da Revista Filme B». Filmeb.com.br. Consultado em 8 de dezembro de 2009. Arquivado do original em 7 de maio de 2012 
  2. «Sítio da Casa de Cinema de Porto Alegre». Casacinepoa.com.br. Consultado em 8 de dezembro de 2009 
  3. «Página sobre o Festival de Cannes 2000 no IMDb» (em inglês). Internet Movie Database. Consultado em 8 de dezembro de 2009 
  4. «Informações sobre o filme na revista eletrônica Meu Cinema Brasileiro». Meucinemabrasileiro.com. Consultado em 8 de dezembro de 2009 
  5. «Página sobre a série Fantasias de uma Dona de Casa no ClicRBS». Clicrbs.com.br. Consultado em 8 de dezembro de 2009 
  6. «Mulher de Fases será a primeira comédia brasileira da HBO». Teleseries.uol.com.br. Consultado em 8 de dezembro de 2009 [ligação inativa]
  7. «Filmografia de Ana Luiza Azevedo no IMDb» (em inglês). Internet Movie Database. Consultado em 8 de dezembro de 2009 
  8. «Notícia no sítio do Ministério das Relações Exteriores». Dc.mre.gov.br. Consultado em 8 de dezembro de 2009. Arquivado do original em 7 de dezembro de 2009 
  9. «Festival reparte os prêmios entre os filmes "Olhos Azuis" e "Antes que o Mundo Acabe"». Zerohora.clicrbs.com.br. Consultado em 8 de dezembro de 2009 


  Este artigo sobre uma pessoa é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.