Abrir menu principal
Andrei Ribakov
Ribakov no Campeonato Mundial de 2011
halterofilismo
Nome completo Andrei Anatolievitch Ribakov
Nascimento 4 de março de 1982 (37 anos)
Moguilev, Bielorrússia
Nacionalidade Bielorrússia bielorrussa

Andrei Anatolievitch Ribakov ou Ribakou (em bielorrusso: Андрэй Анатольевіч Рыбакоў, em russo: Андрей Анатольевич Рыбаков; Moguilev, 4 de março de 1982)[1] é um levantador de peso olímpico bielorrusso.

Ribakov foi campeão mundial em 2006, com 383 kg no total combinado (180 kg no arranco/arranque e 203 no arremesso) e em 2007, com 393 kg (187+206), na categoria até 85 kg. Ficou em quinto no mundial de 2006, embora tenha ficado em primeiro no arranque.

Ribakov ganhou uma medalha de prata nos Jogos Olímpicos de 2004 em Atenas e novamente em 2008, em Pequim, na categoria até 85 kg, tendo obtido nesta ocasião um resultado de 394 kg, que superava o recorde mundial, dele mesmo, em 1 kg. Mas este resultado foi anulado pelo Comitê Olímpico Internacional em outubro de 2016 devido a reanálises de amostras que confirmou doping (uso de turinabol).[2]

Quadro de resultadosEditar

Ano Competição Lugar Total Posição Arranque Posição Arremesso Posição Classe de peso
2001 Campeonato Mundial Júnior Tessalônica 345 kg * 5. 166 kg 2. 180 kg 11. -85 kg
2001 Campeonato Europeu Júnior Kalmar 350 kg * 2. 168 kg 1. 182,5 kg 5. -85 kg
2002 Campeonato Mundial Júnior Havířov 370 kg 1. 182,5 kg 1. 187,5 kg 3. -85 kg
2002 Campeonato Europeu Júnior Nuoro 372,5 kg 1. 177,5 kg 1. 195 kg 1. -85 kg
2003 Campeonato Europeu Loutraki 370 kg 6. 180 kg 1. 190 kg 10. -85 kg
2003 Campeonato Mundial Vancouver Sem marca -94 kg
2004 Campeonato Europeu Kiev 365 kg 8. 175 kg 3. 190 kg 17. -85 kg
2004 Jogos Olímpicos ** Atenas 380 kg 2. 180 kg 200 kg -85 kg
2005 Campeonato Mundial Doha 380 kg 5. 185 kg 1. 195 kg 12. -85 kg
2006 Campeonato Europeu Władysławowo 392 kg 1. 186 kg 1. 206 kg 1. -85 kg
2006 Campeonato Mundial Santo Domingo 383 kg 1. 180 kg 1. 203 kg 1. -85 kg
2007 Campeonato Mundial Chiang Mai 393 kg 1. 187 kg 1. 206 kg 1. -85 kg
2008 Jogos Olímpicos ** Pequim 394 kg DSQ 185 kg 209 kg -85 kg
2011 Campeonato Mundial Paris 368 kg 7. 178 kg 1. 190 kg 18. -85 kg
2012 Jogos Olímpicos Londres Sem marca -85 kg
2013 Campeonato Mundial Breslávia 373 kg 6. 179 kg 1. 194 kg 7. -85 kg
2014 Campeonato Mundial Almaty 366 kg 8. 175 kg 3. 191 kg 20. -85 kg

* Os resultados no total combinado eram padronizados para intervalos de 2,5 kg; a Federação Internacional de Halterofilismo modificou a regra e a partir de 1 de maio de 2005, é apenas múltiplo de 1 kg.
** Nos Jogos Olímpicos as medalhas são dadas somente para o total combinado

RecordesEditar

Ribakov estabeleceu sete recordes mundiais para juniores e seis para seniores, na categoria até 85 kg.

Seu recorde mundial no arranco —187 kg— na categoria até 85 kg perdurou até a reestruturação das classes de peso em 2018.[3]

Quadro de recordes[4]
Data Disciplina Marca Classe de peso Lugar
5 de julho de 2001 Arranque 166 kg -85 kg Tessalônica
5 de setembro de 2001 Arranque 168 kg -85 kg Kalmar
2 de junho de 2002 Arranque 175 kg -85 kg Havířov
2 de junho de 2002 Arranque 180 kg -85 kg Havířov
2 de junho de 2002 Arranque 182,5 kg -85 kg Havířov
2 de junho de 2002 Total 370 kg -85 kg Havířov
4 de outubro de 2002 Total 372,5 kg -85 kg Nuoro
14 de novembro de 2005 Arranque 183 kg -85 kg Doha
14 de novembro de 2005 Arranque 185 kg -85 kg Doha
6 de maio de 2006 Arranque 186 kg -85 kg Władysławowo
22 de setembro de 2007 Arranque 187 kg -85 kg Chiang Mai
22 de setembro de 2007 Total 393 kg -85 kg Chiang Mai
15 de agosto de 2008 Total 394 kg -85 kg Pequim
Recorde mundial para juniores
Recorde mundial para juniores e seniores
Recorde mundial para seniores
Recorde mundial para seniores anulado por doping

Referências

  1. «Andrei Rybakou» (em inglês). 2008.nbcolympics.com. Consultado em 18 de abril de 2011. Arquivado do original em 25 de outubro de 2011 
  2. «COI anula resultados de nove atletas dos Jogos de Pequim devido a doping». Consultado em 26 de outubro de 2016 
  3. «Senior men's world records» (em inglês). www.iwf.net. Cópia arquivada em 22 de março de 2019 
  4. Gottfried Schödl. «IWF annual book 2007» (PDF) (em inglês). www.iwf.net. Consultado em 17 de abril de 2011